Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Durante a tramitação do projeto na Câmara, Dallagnol acompanhou parte dos trabalhos | Luis Macedo/Câmara dos Deputados/Arquivo
Durante a tramitação do projeto na Câmara, Dallagnol acompanhou parte dos trabalhos| Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados/Arquivo

O coordenador da força-tarefa da Lava Jato, procurador Deltan Dallagnol, parabenizou nesta quinta-feira (15) o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, pela decisão liminar de determinar a devolução do projeto vagamente baseado nas “Dez Medidas Contra a Corrupção” para a Câmara dos Deputados, que deverá analisar a proposta novamente.

A proposta, enviada inicialmente pelo Ministério Público Federal (MPF) com assinatura de 2 milhões de pessoas e patrocinada pela força tarefa da operação, foi desfigurada pelos deputados federais antes de ser enviada à apreciação do Senado.

Em seu perfil no Facebook, Dallagnol comentou a decisão de Fux e falou que a liminar devolve “as esperanças a milhões de brasileiros”.

“Parabéns ao Ministro Fux por devolver as esperanças a milhões de brasileiros, endireitando caminhos que foram contorcidos. Agora a Câmara tem uma nova oportunidade de mandar uma mensagem construtiva ao Brasil”, escreveu o procurador.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]