Presidente, em seu pronunciamento de final de ano, em 2015 | Reprodução/Youtube/
Presidente, em seu pronunciamento de final de ano, em 2015| Foto: Reprodução/Youtube/

A presidente Dilma Rousseff decidiu fazer um pronunciamento em cadeia nacional de rádio e televisão, às 20 horas desta sexta-feira (15), para pedir apoio contra o impeachment de seu mandato.

Segundo a reportagem da Folha de S.Paulo apurou, Dilma vai adotar o discurso de que o processo de seu impedimento é um “golpe em curso no país” e que é preciso lutar pela democracia.

Câmara faz sessão para votar impeachment e protestos se espalham pelo país; acompanhe

A petista tentará também passar a ideia de que, vencendo o processo, retomará o diálogo e o crescimento do país.

A ideia inicial era de que ela gravasse uma mensagem para ser veiculada nas redes sociais, mas, diante do cenário adverso para o governo, que encontra dificuldades para barrar o impeachment no domingo (17), ficou definido que era melhor o pronunciamento oficial.

A ideia de ir para a televisão foi construída junto com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ele, por sua vez, também gravará uma mensagem com o discurso alinhado ao de Dilma. A fala do petista será veiculada pela internet e nas redes sociais.

Para se preparar para o pronunciamento, a presidente convocou a Brasília o cabeleireiro Celso Kamura, responsável pelo visual da petista.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]