A posse do novo comando está prevista para o próximo dia 29 | Átila Alberti/O Estado / Tribuna / Parana-online
A posse do novo comando está prevista para o próximo dia 29| Foto: Átila Alberti/O Estado / Tribuna / Parana-online

O governador Beto Richa (PSDB) definiu nesta quarta-feira (13) o novo nome do comando da Polícia Militar do Paraná (PM-PR). Quem assume o cargo é o coronel Maurício Tortato, depois que o ex-comandante Cesar Kogut pediu exoneração na última quinta-feira (7).

Segundo informações do Governo do Estado, Tortato ingressou na PM do Paraná em 1985. Como oficial superior comandou o 17º Batalhão da PM, em São José dos Pinhais. Também foi diretor da Diretoria de Apoio Logístico (DAL) da corporação, chefe do Estado Maior e responsável pela Corregedoria da PM. Além disso, foi diretor-geral da Secretaria da Segurança Pública.

O novo comandante assume o cargo depois que Kogut entregou o cargo, na última quinta-feira (7), alegando “dificuldades insuperáveis” no relacionamento com a direção da Secretaria de Estado da Segurança Pública. O motivo do desligamento de Kogut foi a ação da tropa da PM contra manifestantes que protestavam contra a aprovação da reforma previdenciária patrocinada pelo governo do estado.

Quem assumiu interinamente o cargo depois da saída de Kogut foi o coronel Carlos Alberto Bührer Moreira, chefe do Estado-Maior da PM, e responsável pelo inquérito policial militar que investiga o abuso empregado pela Polícia Militar na manifestação do dia 29 de abril.

Büher assume o cargo de subcomandante-geral da PM. Ele vai substituir Nerino Mariano de Brito. A posse do novo comando está prevista para o próximo dia 29.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]