Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Alvo de grampos telefônicos, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu comprar 55 telefones criptografados para garantir a privacidade das ligações feitas pelos 11 ministros da corte. Conforme informações do site Contas Abertas, a empresa TLS Informática foi contratada para fornecer os aparelhos. O valor total da compra de 20 celulares e 35 telefones fixos seria de R$ 380 mil.

A medida foi tomada no final de 2008, depois da divulgação da notícia de que o presidente do STF, Gilmar Mendes, teria sido vítima de uma interceptação clandestina. A assessoria de comunicação do STF, alegando razões de segurança, não quis informar detalhes da compra.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]