i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
legislativo municipal

Vereadores não precisam mais comprovar uso de diárias em Ponta Grossa

  • PorGisele Barão, especial para a Gazeta do Povo
  • ponta grossa
  • 25/06/2015 22:00
Câmara de Ponta Grossa: decisão diminui transparência nos gastos. | Josue Teixeira/ Gazeta do Povo
Câmara de Ponta Grossa: decisão diminui transparência nos gastos.| Foto: Josue Teixeira/ Gazeta do Povo

Os vereadores de Ponta Grossa, nos Campos Gerais, aprovaram na segunda-feira (22) uma alteração na resolução que dispõe sobre o pagamento de diárias durante viagens. Eles retiraram a obrigatoriedade de apresentar um relatório detalhado sobre os gastos.

A resolução, publicada em maio do ano passado, exigia um relatório detalhado com a agenda cumprida pelo parlamentar, assuntos tratados e resultados, com todos os comprovantes de despesas. Agora, esses comprovantes não são mais exigidos. E os vereadores podem prestar contas através de um pronunciamento verbal durante as sessões da Câmara Municipal.

A proposta partiu da mesa executiva da Casa. Segundo o presidente da Câmara Municipal de Ponta Grossa, vereador Sebastião Mainardes Júnior (DEM), os vereadores nunca apresentaram a comprovação dos gastos com diárias e, quando a resolução foi feita, a prestação de contas foi colocada de maneira equivocada. “A resolução estava exigindo mais do que a lei prevê. Foi feita adequação do texto. Na história da Câmara, ninguém nunca prestou conta de diária”, diz.

Valores

O limite de solicitações de diárias por ano não foi alterado. No ano passado, o gasto da Câmara Municipal com diárias foi de R$ 38 mil, e R$ 20 mil em passagens, segundo o Portal da Transparência. Do começo do ano até agora, o valor em diárias já chegou a R$ 24 mil, e os gastos com passagem chegaram a R$ 11 mil. Os vereadores têm direito a diária de R$ 350 para viagens fora do Paraná e R$ 250 para viagens no estado.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.