i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Animal

Peixinho dourado com deficiência ganha ‘cadeira de rodas’ aquática

Por conta de uma doença, o peixinho dourado não conseguia nadar e afundava no aquário. Dono criou uma “cadeira de rodas” para dar uma ajudinha

  • PorRedação
  • 19/09/2016 09:07
Peixinho dourado com deficiência ganha ‘cadeira de rodas’ aquática
| Foto:

Algumas bugigangas em casa, criatividade e muito amor pelo seu bichinho de estimação. Foi assim que o americano Leighton Naylon ajudou o Eisten, seu peixinho dourado, a voltar a nadar. O peixe de quatro anos desenvolveu uma doença comum entre os animais da espécie, a doença da bexiga natatória.

A bexiga natatória é um órgão que ajuda os peixes a manterem a profundidade pelo controle da densidade deles em relação à da água. Quando a doença ataca, os peixes perdem a capacidade de controle, acabam virando de barriga para cima e afundando. Veja o vídeo:

Para ajudar o animal, o dono juntou algumas bugigangas e construiu uma espécie de “cadeira de rodas” aquática: um colete salva-vidas feito sob medida, que evita que o peixe vira e afunde. O colete, feito de tubos de um antigo filtro do aquário, permite que o peixe nade normalmente.

LEIA TAMBÉM

>> Brasil terá primeiro santuário de elefantes na Chapada dos Guimarães

>> Mulher desiste de casamento para não se afastar de sua cachorrinha

>> Azul dá ração para cães e gatos que viajam com os donos pelo Brasil

Em entrevistas a jornais americanos, o dono disse levou cerca de três horas para fazer o colete. Para facilitar ainda mais a vida do peixe, todos os enfeites foram tirados do aquário, para evitar que o animal esbarrasse. Além disso, a alimentação dele é feita por um tubo, já que o peixinho não consegue subir à superfície para se alimentar.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.