Patrocínio

Hospital Pilar Instituto de Oncologia do Paraná

“Meu filho não se adaptou na escola; é hora de mudar?” Piangers responde

A leitora Manuela já mudou o filho de escola três vezes e não sabe mais o que fazer para facilitar a integração

Criança sozinha bullyingPais devem participar da escola para facilitar a adaptação dos filhos, diz Marcos Piangers. Foto: Bigstock.

Manuela já trocou o filho três vezes de escola: a primeira, conteudista, pois ela se preocupava com a preparação para o vestibular. Na segunda, buscou uma metodologia que trabalha o lado mais humano e valoriza o meio ambiente. Porém, a mãe achou que o filho poderia estar “perdendo” algo e migrou para outra instituição, pela terceira vez.

“Meu filho não está se adaptando e ainda está sofrendo bullying. Não sei o que fazer!”, questionou ao especialista em paternidade Marcos Piangers.

“Manuela, não existe uma escola perfeita e as escolas estão passando por uma transformação para essa nova formação. Mas ela é devagar”, diz Piangers, que orienta ainda que ela se informe sobre escolas como Escola da Ponte e Green School (ambas fora do Brasil)  para buscar referências sobre outros métodos.

Porém, a melhor forma de integrar os filhos na escola, acredita Piangers, é participando dela. “É o caminho para discutir mais os problemas, as filosofias pedagógicas, o bullying. Muitos pais se furtam dessa responsabilidade, e participar da escola é uma boa alternativa”.

Assista ao episódio: 

LEIA TAMBÉM: 

8 recomendações para você

Deixe seu comentário