i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Comportamento

Tédio nas férias do filho é oportunidade de aproximação dos pais

Passar mais tempo com as crianças é uma oportunidade de estreitar o vínculo familiar. E acredite: elas não precisam de programação o tempo todo. Sentir tédio também é importante

  • PorRedação
  • 16/01/2017 17:00
Tempo com as crianças é importante, assim como aproveitar os momentos de tédio. Foto: Bigstock
Tempo com as crianças é importante, assim como aproveitar os momentos de tédio. Foto: Bigstock| Foto:

As crianças estão em férias e os pais não. Bate aquela culpa por não promover atividades o tempo todo e também um certo estranhamento de passar mais tempo com a meninada fora da rotina escolar. Muitos pais até esperam por esse momento de interação, mas quando acontece é necessário um certo “reconhecimento”, já que no dia a dia, o cotidiano engole o vínculo mais intenso. Que tal aproveitar esse tempo para estreitar os laços familiares e deixar, também, que as crianças sintam o tédio saudável de não ter nada para fazer?

“Ficar sem fazer nada também é importante para assimilar e entender muitas coisas. O estímulo não é necessário o tempo inteiro”, diz a professora Romã Retamozzo. E as férias são, justamente, um período para aproveitar o tempo livre com qualidade. E mesmo que os pais ainda estejam trabalhando, é importante separar um tempinho para dar atenção aos filhos sem que isso configure uma obrigação.

“Buscar atividades que explorem o espaço que já existe na casa e que muitas vezes a família não tem tempo para perceber e aproveitar é um bom começo”, diz Romã. Ela ressalta que não é preciso grandes investimentos em brinquedos e jogos quando se está em casa apenas para “distrair” as crianças. “Muitas vezes esquecemos que, para ser divertido, basta estar entregue à brincadeira. Atividades simples, como brincar de esconde-esconde, pega-pega, mãe-cola, são ótimas maneiras de se divertir e estar perto dos filhos”, diz a especialista.

Os momentos de lazer devem ser aproveitados para buscar a aproximação. Assim, qualquer atividade em conjunto vai ser importante para estreitar o vínculo, desde ir para cozinha fazer um suco ou prato mais elaborado, jogar aqueles jogos que já estavam esquecidos na gaveta, brincar de massinha e até fazer uma cabana em casa e soltar a imaginação. Além disso, chegar em casa e ver olhinhos ávidos por atenção é um daqueles momento que não dá para deixar passar. Deixe a preocupação com o trabalho no trabalho e aproveite para curtir cada instante.

O que fazer no tempo livre

A pedido do Viver Bem, a professora Romã Rettamozo, sugeriu algumas atividades para fazer em casa. Inspire-se, solte a imaginação e divirta-se:

1 – Relembre brincadeiras corporais da própria infância e brinque com os filhos. Elástico, Gato Mia, Elefante Colorido, Esconde-esconde, Mãe-Cola são brincadeiras simples e que fazem muito sucesso.

2 – Para os espaços pequenos explore as brincadeiras artísticas. Desenho, pintura, sucata, são ótimos materiais para brincar.

3 – Faça massinha caseira com as crianças e depois explore a brincadeira. Use as forminhas antigas que geralmente ficam perdidas pela casa. Até as de brincar na areia servem.

4 – Confira a receita e coloque a mão na massa: 1 copo de água, 1 colher de chá de sal, 1 colher de sopa de óleo de cozinha, 500 gramas de farinha de trigo e algum corante (pode ser os naturais, tipo urucum, beterraba em pó ou colorau).

5 – Construir brinquedos novos, ou dar vida a objetos, com simples boquinha e olhinhos de papel já dão pano para muita brincadeira!

6 – A exploração de diferentes texturas pode ser o suficiente para que a pintura ganhe uma nova cara e se torne outra brincadeira. As esponjas que já não são usadas, por exemplo, podem virar ótimos pincéis. Galhos, folhas e demais materiais que encontramos no jardim também podem virar pincéis, ou até carimbos.

7 – Mudar os ambientes também é uma ideia infalível. O quarto pode virar cozinha, restaurante, nave espacial, lojinha, mercado, ou o que a imaginação permitir.

8 – Fazer cabaninha usando lençóis, cadeiras ou sofás é uma ótima forma de brincar e passar o tempo. Nesse friozinho, melhor ainda.

9 – Saia de casa. Você sabe se tem vizinhos com crianças em casa? Quem sabe, eles também estejam pensando em coisas para fazer e, com amigos, é sempre mais divertido de brincar.

10 – Dançar! Essa é uma atividade que além de ser muito legal, também é uma oportunidade de mostrar às crianças as músicas que os pais gostam e também conhecer o gosto dos filhos. Aproveite os instrumentos da casa e acompanhe o ritmo musical.

LEIA TAMBÉM

>> Ivete Sangalo quer mais um filho, mas adia a gestação por medo do zika vírus

>> Quais são os desafios em ter filhos aos 20, 30 e 40 anos, segundo especialistas

>> Você sabe como cada brincadeira ajuda a desenvolver?

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.