Patrocínio

Hospital Pilar Instituto de Oncologia do Paraná

Dicas do cerimonialista das estrelas para um casamento com estilo

Elementos clássicos e detalhes com a personalidade de quem vai casar são os segredos para uma festa inesquecível, diz o cerimonialista das estrelas Roberto Cohen

Ajudando a realizar sonhos há cerca de 30 anos (inclusive o de celebridades como Fátima Bernardes, Juliana Paes e Marcelo Serrado), o cerimonialista das estrelas Roberto Cohen viaja o país dividindo sua experiência com noivas e profissionais do ramo. Entusiasta das elegantes cerimônias clássicas, Cohen fala sobre elas ao Viver Bem e garante que a interferência dos noivos é essencial para que a celebração não seja “apenas mais uma”. Confira a seguir uma entrevista com Cohen.

Foto: Divulgação

Roberto Cohen já realizou o casamento de estrelas como Fátima Bernardes e Juliana Paes. Foto: Divulgação

VB: Como seria uma cerimônia de casamento clássica?

Cohen: A cerimonia clássica começa com um convite clássico: branco ou marfim, letra cursiva preta, grafite ou dourada, envelope de bico e muito bem caligrafado em caneta de pena, e com os pais convidando. O clássico aconteceria numa igreja ou templo decorada com flores brancas e tapete vermelho, com música ao vivo. A noiva jamais atrasaria esta cerimônia mais que 30 minutos. O ambiente seria confortável, com boa circulação, pista de dança bem perto do bar e dos lounges, mas longe das mesas e buffets para não incomodar quem quer jantar e conversar. Deve ter um menu que atenda todo tipo de convidado: o carnívoro, o vegetariano e, hoje em dia, até os celíacos e intolerantes à lactose. Um clássico deve permitir que você, ao ver as fotos daqui cinco ou 50 anos, jamais se arrependa do que fez e, sim, sinta sempre orgulho! E quando qualquer pessoa vir suas fotos, não consiga dizer quando ocorreu o casamento, porque o clássico é atemporal e resiste ao tempo. Lembre-se: moda passa, mas estilo fica!

VB: E como sair um pouco do clássico sem a elegância?

Cohen: É fácil sair sem perder a elegância. Aliás, acho que todos devem fazer algo para que sua festa tenha seu DNA e sua interferência, justamente para não ser apenas mais uma. O ideal é buscar algo que seja “100% você , seja na música, na comida, uma atração, um discurso, uma brincadeira, um brinde… Qualquer coisa que aconteça no momento certo, para que também não estrague os momentos clássicos e elegantes.

VB: Qual deve ser a prioridade para quem quer fazer um casamento clássico com restrição de orçamento?

Cohen: A primeira coisa a fazer é orçar tudo o que se deseja, para se saber o quanto custaria o “evento dos sonhos”, pois assim, ela saberá quanto custará por pessoa e quantos poderá convidar dentro de seu orçamento. Outra opção é recorrer a opções elegantes como: servir um bolo com champagne para todos e depois uma pequena festa para poucos, ou optar um excelente coquetel para todos.

VB: O que mudou na forma de “fazer casamentos” desde o início do seu trabalho como cerimonialista até agora?

Cohen: Na verdade o que mudou nestes 30 anos foram os clientes! Antes os pais decidiam tudo e a função dos filhos era simplesmente dizer “sim” no altar e cumprir um protocolo. As festas eram menores e nem sempre os anfitriões se divertiam. Hoje, os noivos constituem meu maior público. Casais que mudaram completamente o foco das festas, que fazem questão de ter uma festa divertida e que fazem do conforto a palavra de ordem. Eles dão extrema importância ao serviço de bar e à gastronomia, e colocam a música e a pista de dança como o centro da festa. De resto, as decorações também mudaram, mas simplesmente acompanharam tudo o que a tecnologia e a informação trouxeram, não só para as festas de casamento, mas para todos os setores de nossas vidas contemporâneas.

VB: Qual a sua dica para as curitibanas que buscam um bom cerimonialista para ajudá-las na organização do grande dia? A que elas devem ficar atentas?

Cohen: Em primeiro lugar, procure se informar sobre a origem de seu cerimonialista. Busque referências sobre ele e suas festas. Pesquise se as festas que ele realizou se encaixam em seu perfil: isso poupará muito tempo em explicar a ele quem é você, seu estilo, etc. Em segundo lugar, visite pelo menos dois profissionais. Sinta se ele passou para você a confiança e a segurança que precisa para estar tranquila no seu grande dia! Segurança e confiança são a matéria-prima destes realizadores de sonho!

 

LEIA MAIS

>> 6 pedidos inusitados de cassamento

>> Quanto custa um show particular das celebridades?

>> Noivos também arrasam nas fotos de casamento

8 recomendações para você

Deixe seu comentário