ID Fashion recoloca o Paraná no calendário de desfiles nacionais

Evento de moda, que ocorre nos dias 28 e 29 de outubro, no Museu Oscar Niemeyer, propõe uma reflexão sobre o segmento no estado

Você realmente conhece o que veste? A pergunta é uma deixa e um convite para que você conheça e valorize a criação genuinamente paranaense. Apresentar marcas e diferentes trabalhos feitos no estado para o consumidor final e fomentar negócios são os grandes objetivos do 1.º ID Fashion, evento de moda idealizado pela Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), que ocorre nos dias 28 e 29 de outubro, no Museu Oscar Niemeyer (MON). Ele é gratuito, aberto ao público e tem a missão de ser uma vitrine para as grifes locais (só precisa se inscrever no site até o dia 27 para participar!).

Com o tema “Experimente!”, a promessa do ID Fashion é estimular novas sensações. O evento terá a participação de 17 marcas, que vão do jeans tradicional ao conceito de slowfashion. Todas estarão apresentando suas propostas para o outono/inverno 2016. Entre as grifes, sete (Abbici, Leveza do Ser, NovoLouvre, Ovelha Negra Underwear, Six One, Stooge e Vale da Seda) vão para a passarela. Quatorze (Andressa Castro, Be Little, By Gabriely, Feito a Mãe, Jacu, Jhenniffer Breenstup, Fio Natural e Kenusa, Miss Nuvem, Noiga, Suelli Zavvadinack, Abbici, Ovelha Negra, Stooge e Vale da Seda) mostrarão suas coleções numa exposição interativa, denominada Laboratório Vivo da Moda (Living Lab), na qual o público poderá emitir suas impressões e votar na marca “mais querida”. As grifes foram selecionadas por uma curadoria que contou com a participação do Viver Bem.

Trend Safari no centro histórico
No espaço “User Experience”, o público poderá acompanhar e participar de todo o processo de criação de moda: desenho, modelagem, corte, costura, estamparia e expedição. O resultado será uma coleção colaborativa exclusiva do ID Fashion.

Durante o dia, o MON ainda receberá uma programação destinada a discutir moda, que inclui dois eventos conjuntos, o workshop “Moda, Macrotendências e Comportamento” (dia 28, das 8h30 às 12 horas) e o “Trend Safari” (incursão por marcas e espaços de moda no Centro Histórico de Curitiba, dia 28, das 13h30 às 16h30), que são pagos e precisam de inscrição; além do bate-papo “Curitiba Slow Fashion: Conversa sobre Moda”, com criadores de marcas independentes da capital (dia 29, das 16 às 17h30), que é gratuito, mas também precisa que a pessoa se inscreva. Também estão programadas exposições, intervenções artísticas e gastronomia.

 

VALE DA SEDA

smith-prd-meth01-tom_rpc_intraCAYWCARM
Marca de roupas e acessórios em seda, que nasceu de um projeto desenvolvido na Incubadora Tecnológica do Sebrae em Maringá, no Noroeste do estado, a Vale da Seda vai apresentar criações em parceria com o estilista Eneas Neto. Além da clássica musseline, serão mostradas peças feitas com tecidos de alfaiataria, palha de seda e o tecido rústico de O Casulo Feliz Fiação Artesanal de Seda de Maringá. Uma novidade é a Renda Paraná, tricô com fio 100% seda feito no estado com exclusividade. Até os sapatos do desfile serão revestidos com o tecido. Na foto, saia longa em musseline e blusa em tricô de seda.

STOOGE

smith-prd-meth01-tom_rpc_intraCAC3CTZS
Fruto do Trabalho de Conclusão de Curso em Design de Moda da estilista londrinense Paty Oliveira, elaborado em 2008 com base em pesquisas sobre o mercado fashion alternativo, a Stooge tem como conceito “fazer a diferença”. Peças femininas, masculinas e unissex propõem inovação e estilo. Desde 2012, Paty convida artistas a criar estampas exclusivas. E foi assim com a coleção CaptainOfMy Soul, desenvolvida para o ID Fashion em parceria com o designer e tatuador Ricardo Garcia. Na foto, tudo preto na composição de calça jeans com cós levemente alto e top cropped.

NOVOLOUVRE

smith-prd-meth01-tom_rpc_intraCA82FKFQ
A grife da estilista Mariah Salomão Viana aposta numa moda artesanal, em que os moldes das peças são digitalizados e riscados diretamente sobre o tecido. Para o ID Fashion, a NovoLouvre fará uma homenagem a 1996, ano de inauguração do Memorial de Curitiba. Entre os looks, uma linha índigo será proposta para substituir o jeanswear, trocando o processo de lavanderia prejudicial ao meio ambiente pela estamparia digital. Em parceria com a artista plástica Thalita Sejanes, outras peças foram feitas reaproveitando resíduos de coleções antigas. Há ainda uma homenagem à artista plástica Janete Anderman. Na foto, saia e túnica compõem um vestido que favorece as curvas da mulher.

ABBICI

smith-prd-meth01-tom_rpc_intraCAQ3J7SD
As décadas de 1960 e 1970 são inspiração para a coleção que a Abbici, marca feminina curitibana especializada em tricô, irá desfilar no evento. A referência 60’s está principalmente nos modelos alinhados e estruturados, nos padrões geométricos explorados nos jacquards da coleção e no duo preto e branco que criam efeitos ópticos. A estética setentista aparece nas calças flare, na cintura alta, na camurça, nos tecidos leves e no tricô de viscose, assim como nas saias com modelagens evasês e nas túnicas. Na foto, casaco em tricô, blusa cropped com estampa geométrica, coletão chamoix e saia mídi.

OVELHA NEGRA E VELVET UNDERWEAR

smith-prd-meth01-tom_rpc_intraCAC08DXW
A Ovelha Negra, da designer curitibana Maria Eduarda Malucelli, tem como especialidade lingeries com recorte diferenciado, material tecnológico e modelagem que valoriza as formas naturais do corpo. A VelvetUnderwear, da estilista curitibana Carolina Gritten, produz underwear masculino fora do convencional – além de um loungewear solto, leve e fluido, com detalhes inspirados no universo da alfaiataria e passagem livre da casa para a rua. No ID Fashion, a união das duas grifes mostrará uma moda gender-bender (além-gênero, em tradução livre), com muito branco, preto, cinza e marinho nos tecidos e estampas. Na foto, duas regatas com estampa espacial compostas para simular uma saia e uma blusa.

SIX ONE

smith-prd-meth01-tom_rpc_intraCA9M83E6
A Marca de jeanswear de Cianorte, com criações assinadas pelos estilistas Rosana Ruiz e Junior Silva, irá desfilar peças com tecidos encerados, neoprene estampado e, é claro, com muito denim. Na foto, calça jeans com aplicações e camisa com tecido encerado.

LEVEZA DO SER

smith-prd-meth01-tom_rpc_intraCA8B6H77
A grife curitibana de comfortwear, criada pelas irmãs Adília e Angélica Sanches, apresentará uma coleção com referências orientais, sugerindo contrastes. Por isso, as peças trazem modelagens justas ao corpo e, outras, soltas e desestruturadas. Alfaiataria e acabamentos rústicos também fazem dobradinha. Na foto, vestido de moletom.

 

Eventos paralelos

Confira as exposições, intervenções artísticas e opções gastronômicas durante o ID Fashion:

Exposições:

  • “O Tricot na Obra dos Grandes Mestres da Moda”: Acervo da Coleção Lafort/50 anos de Amor ao Tricot.
  • “Evolução e Identidade: A História dos Uniformes dos Correios”: acervo dos Correios.
  • “Free Wall”: Intervenção artística por Alexandre Linhares.

Gastronomia:

  • O espaço GastronomID terá a participações de restaurantes como Sr. Garibaldi, Partiu Temaki e Sugar to Go.
    Body Scanner
  • Um aparelho, trazido do Senai Cetipt do Rio de Janeiro, permitirá aos visitantes do evento conferir as medidas. Além disso, o Senai irá divulgar uma pesquisa sobre a medição do corpo das brasileiras.

 

Line up

Programação de desfiles no MON:

  • Quarta-feira (28/10)
    19h30 – NovoLouvre
    20h30 – Leveza do Ser
    21h30 – Vale da Seda
  • Quinta-feira (29/10)
    18h30 – Abbici
    19h30 – Six One
    20h30 – Stooge
    21h30 – Ovelha Negra e Velvet Underwear

 

Serviço editorial 
Fotos: Débora Spanhol. Produção: Felipe Pereira e Christiano Kubis para Atelier Kubis, fone (41) 3322-1633. Beleza:Eduardo Fernando Bukta, Torriton Sete de Setembro, Avenida Sete de Setembro, 5402, Batel, fone (41) 3242-3963. Modelo:Patricia Arndt, JoyModel Management Curitiba, Avenida Sete de Setembro, 5402, cj 141. Fone (41) 3501-8747.)

 

SERVIÇO
Id Fashion. Dias 28 e 29 de outubro, no Museu Oscar Niemeyer, no Centro Cívico, em Curitiba. Entrada gratuita. Para participar do workshop e do trend safari, que ocorrem no dia 28, as inscrições devem ser feitas neste site ao custo de R$ 360 por pessoa. O bate-papo no dia 29 é gratuito, mas é necessário também fazer inscrição no site anterior. Mais informações sobre todo o evento pelo fone (41) 3271-7611 e (41) 3271-7990 ou no site do evento.

8 recomendações para você

Deixe seu comentário