Patrocínio

Hospital Pilar X-Leme Diagnóstico Por Imagem Mantis Diagnósticos Avançados

Alexandre Linhares transforma desfile em manifesto

A extinção dos cinemas de rua nas cidades grandes inspirou os 33 looks criados pelo estilista da marca Heroína



Heroína


Heroína


Heroína


Heroína


Heroína


Heroína


Heroína


Heroína


Heroína


Heroína


Heroína


Heroína


Heroína


Heroína


Heroína


Heroína

Mateus Sossella, de seis anos, misturou duas ótimas referências dos fotógrafos Sérgio Sossella, 45, e Duca da Silva, 39: a calça vermelha de Sérgio e a camisa xadrez de Duca. Ele deixa claro: "também sou fotógrafo!".
Heroína

A assessora de eventos Elaine Caús, 49, apostou no constraste da saia amarela e camisa de lenço azul. Os sapatos e bolsas em tons neutros ajudam a destacar as peças principais.
Heroína

Os estudantes Paula Marinho, 19, e Ícarus Folli, 15, usaram comprimentos contrastantes. Enquanto ela preferiu uma saia longa, ele foi de bermuda curta e casaco meia-estação.
Heroína

A coordenadora do Paraná Business Collection, Nereide Michel, usa vestido da grife Heroína - Alexandre Linhares.
Heroína

A estudante de moda Kátia Oliveira, 19, combina o peep toe preto com a calça de mesma cor e blazer de paetê.
Heroína

O designer uruguaio Fernando Escuder, da marca de slow-fashion Analivni, veio prestigiar o desfile do Estúdio Orbitato. Sua opção foi um look monocromático e discreto, pontuado pelo tênis estilo skater.
Heroína

O stylist do Estúdio Orbitato, Fernando Girardi, 26, dá bossa ao look com a camisa de lenço azul e sapatos sem meia.
Heroína

Giovanna Al-Saad, 21, é estudante de moda e combinou o shorts jeans colorido com uma camisa de padronagem miúda. Destaque para a tendência do maxicolar na gola.
Heroína

A psicóloga Cleonice Santos, 45, deu um toque sofisticado à calça capri preta com o scarpin e casaco de mesma cor. O estudante Matheus Estevan, 19, usou camisa de flanela vermelha e um jeans básico.
Heroína

O fotógrafo Sérgio Sossella, 45, mostra que cores vibrantes como o vermelho e o roxo também funcionam juntas. Para arrematar, um coturno de cano curto e a bolsa transversal.
Heroína

A opção do stylist Rafael Chaouiche, 19, para o terceiro dia de PBC foram cores claras, um blazer cinza e a bolsa Chanel.
Heroína

A galerista Zilda Fraletti, 54, apostou no look discreto, quebrado pelos maxi brincos de pedras azuis.
Heroína

Flávia Vanelli, 28, usa vestido de sua marca, Rato Rói, e bolsa de palha trançada.
Heroína
Após o desfile do Estúdio Orbitato, foi a vez do estilista curitibano Alexandre Linhares mostrar as criações de sua marca, Heroína.

Para criar os 33 looks da coleção, ele se inspirou em um episódio recorrente nas grandes cidades, a extinção dos cinemas de rua. “O poder público não valoriza a identidade da cultura local, deixando espaços se perderem. Eu quis falar da impermanência das coisas e do descaso que se tem sobre nossa cultura e nossa história”, disse o artista, que transformou o desfile intitulado “Última Sessão” em um grande manifesto.

O tema aparece em sedas esgarçadas, veludos desgastados – que remetem às poltronas de cinema, zíperes que não se encaixam e barras de vestidos desfeitas. Segundo ele, a referência para cabelo e maquiagem está em um certo romantismo dos anos 40, década da abertura do Cine Ritz, no centro de Curitiba.

Veja as fotos:

Desfile da Heroína

8 recomendações para você

Deixe seu comentário