i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Pesquisa

Estudo descarta vínculo entre cansaço e horas de sono

Segundo o estudo, que será publicado antes do fim do ano, a duração normal de sono é de seis horas e 55 minutos durante a semana e uma hora a mais no dia seguinte quando não há nenhum compromisso

  • PorAFP-Relaxnews
  • 06/08/2013 14:20
Marco Antônio (com a bola) está perto de acertar com o Atlético | Lucas Uebel / Grêmio FBPA
Marco Antônio (com a bola) está perto de acertar com o Atlético| Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Dormir mais não significa que a pessoa fique menos cansada, assegurou esta quinta-feira um pesquisador sueco que coordena um estudo sobre a relação entre o sono e o cansaço.

"A duração do sono não é uma boa referência para analisar se o sono é suficiente ou não", declarou à AFP este pesquisador em neurologia da universidade de Estocolmo, especializado em estresse, Torbjörn Aakerstedt.

"Isto está condicionado pelos genes e depende da idade e da saúde da pessoa", acrescentou.

Sua equipe chegou a esta conclusão ao final de três estudos. Um deles examinou os hábitos de sono de cerca de 6.000 pessoas.

"Se você se sente bem e dinâmico durante o dia, é porque provavelmente dormiu o suficiente", afirmou Aakerstedt.

Segundo o estudo, que será publicado antes do fim do ano, a duração normal de sono é de seis horas e 55 minutos durante a semana e uma hora a mais no dia seguinte quando não há nenhum compromisso.

De acordo com os cientistas, os jovens precisam de oito horas de sono em média, enquanto no caso dos maiores de sessenta anos este período cai para seis horas.

"No entanto não há uma média global", advertiu Aakerstedt.

"As pessoas de 20 anos podem inclusive dormir mais e se sentir mais cansadas durante o dia" porque seu cérebro continua em desenvolvimento.

Embora dormir mais que o necessário não produza mais energia, dormir menos pode trazer consequências para a saúde, como um enfraquecimento do sistema imunológico, doenças cardiovasculares, diabetes tipo 2, engordar e sofrer acidentes de trânsito ou no trabalho.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.