Patrocínio

Hospital Pilar X-Leme Diagnóstico Por Imagem Mantis Diagnósticos Avançados

Cirurgias plásticas em homens aumentam no Brasil; veja as mais procuradas

Redução das mamas, implante capilar e lipoaspiração são alguns dos procedimentos mais buscados pelos brasileiros

Cirurgia plástica em homens: procura aumenta 4 vezes nos últimos anosProcedimentos estéticos para homens estão cada vez mais frequentes em consultórios médicos (Foto: Bigstock)

Em cinco anos, o número de brasileiros homens que buscou por cirurgias plásticas quadruplicou no país. De 72 mil procedimentos realizados em 2009, as cirurgias plásticas para homens chegaram a 276 mil em 2014. Das mais buscadas, destaque para a redução das mamas (ginecomastia), o implante capilar, a cirurgia no nariz (rinoplastia), a lipoaspiração e a cirurgia da pálpebra (blefaroplastia).

Os dados, divulgados pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, reforçam uma realidade que os cirurgiões vivenciam dia a dia nos consultórios. De acordo com Luciano Busato, presidente da entidade do Paraná, a procura entre os homens é cada vez maior, e a preferência pelas cirurgias varia conforme a idade.

“Quando criança, geralmente busca uma cirurgia de correção da orelha. O adulto jovem procura para lipoaspiração e tratamento de ginecomastia (redução da mama). Desta idade em diante, o adulto geralmente busca por procedimentos complementares, como a toxina botulínica, cirurgia de pálpebra e nariz”, explica o cirurgião plástico.

>> Cirurgia bariátrica por técnica menos invasiva já pode ser feita pelo SUS

Uma das condições que eleva a busca pelos procedimentos estéticos entre os homens é a cirurgia bariátrica — outro procedimento em ascensão entre os brasileiros. Entre 2012 e 2017, número de cirurgias bariátricas realizadas no país aumentou 46,7%, segundo dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica.

Com a perda de peso significativa a partir do procedimento de redução do tamanho do estômago ou redirecionamento do alimento, alguns pacientes têm dificuldades em fazer a pele retornar ao tamanho anterior, necessitando do procedimento estético.

“A necessidade da cirurgia plástica depois da bariátrica precisa ser avaliada caso a caso, mas na grande maioria das vezes que há perda de uma boa quantidade de peso, mais de 40 kg, a pele não tem mais a mesma elasticidade e a retração não é a mesma de um paciente que nunca foi obeso”, justifica Busato. 

Cuidados especiais

Embora não existam orientações específicas a pacientes homens que se submeterão a um procedimento estético, alguns detalhes comuns à saúde masculina exige atenção redobrada dos cirurgiões.

“Eles são mais hipertensos (pressão alta), tendem a se cuidar menos e são mais estressados. Por isso, devem ter cuidado com fumo, pressão, diabetes. O médico precisa fazer uma boa avaliação pré-operatória e o paciente deve ter certeza que a cirurgia será feita com profissionais especialistas da área, e em locais adequados, como clínicas e hospitais com recursos de suporte em caso de intercorrências”, explica Marco Aurélio Gamborgi, médico cirurgião plástico membro titular da SBCP e ex-presidente da SBCP-Paraná.

LEIA TAMBÉM

8 recomendações para você

Deixe seu comentário