Patrocínio

Hospital Pilar X-Leme Diagnóstico Por Imagem Mantis Diagnósticos Avançados

Sete sinais de que a criança pode ter uma cardiopatia

Doenças do coração que não foram identificadas ainda no útero levam a sintomas que podem ser percebidos pelos pais

Sensação de que os pulmões estão “molhados” e dificuldade de respirar podem indicar fluidos que não deveriam estar ali – decorrentes de um erro do coração. Foto: Bigstock.Sensação de que os pulmões estão “molhados” e dificuldade de respirar podem indicar fluidos que não deveriam estar ali – decorrentes de um erro do coração. Foto: Bigstock.

Correr, pular e brincar não são um problema para a maioria das crianças, mas a dificuldade em realizar essas atividades podem dar indícios de defeitos escondidos no coração que passaram despercebidos no nascimento.

O olhar mais atento de pais e pediatras para algumas situações do cotidiano ajudam no diagnóstico precoce de cardiopatias graves.

1) Cansaço. A criança que interrompe a brincadeira mais agitada com frequência para tomar fôlego normalmente nem percebe que os demais não fazem o mesmo. Da mesma forma, a mãe deve ficar atenta ao bebê que interrompe a mamada muitas vezes, o que pode indicar este importante sinal de cardiopatia.

2) Cianose. A mucosa da boca e língua normalmente mais arroxeada é um sinal importante de cardiopatia. Peles, lábios e unhas em tons azuis ou cinzas também indicam a insuficiência de oxigênio no sangue, causada pelo defeito no coração;

3) Pulmão chiando. Sensação de que os pulmões estão “molhados” e dificuldade de respirar podem indicar fluidos que não deveriam estar ali – decorrentes de um erro do coração.

4) Suor. Crianças que suam demais, principalmente quando não há casos de sudorese excessiva na família, precisam de atenção redobrada.

5) Crescimento comprometido. Se a criança não tem desenvolvimento semelhante ao de outras da mesma idade, e não há nenhum fator genético que justifique, pode ser um defeito cardíaco. Ações como andar e sentar podem ser comprometidas.

6) Falta de peso. O ganho de peso na criança com alguma cardiopatia pode ser dificultado. Os pais devem ficar atentos se o filho apresentar o mesmo peso por muito tempo.

7) Desmaios. Crianças a partir dos 5 ou 6 anos podem apresentar outros sinais, como disparo do coração e até desmaios. Se a criança sentir dor, ela deve ser levada ao médico com urgência.

Fontes: Nelson Miyague, cardiologista pediátrico; Dados da Associação Norte-americana de Enfermagem Pediátrica do Coração, Subcomitê do Conselho de Enfermagem Cardiovascular e o Conselho de Doenças cardiovasculares em Jovens.

LEIA TAMBÉM

8 recomendações para você

Deixe seu comentário