i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Saúde e Bem-Estar

Os 4 cuidados que grávidas devem tomar ao dirigir

Durante o primeiro trimestre da gravidez, período em que é mais comum a ocorrência de tonturas, náuseas, vômitos e sonolência

  • PorDa redação
  • 19/05/2016 08:00
Os 4 cuidados que grávidas devem tomar ao dirigir
| Foto:

Grávidas podem dirigir, contanto que tomem determinados cuidados, para não colocar em risco sua saúde e a do bebê. As leis e equipamentos de segurança são os mesmos para as gestantes, que devem ficar atentas ao período da gravidez e a sinais de fragilidade ao dirigir.

As grávidas devem usar o cinto de segurança de três pontos mantendo a faixa inferior abaixo da barriga, o mais justo possível. A faixa diagonal não deve ficar sobre a barriga, debaixo do braço ou da axila. “Ela deve cruzar o meio do ombro, passar rente aos seios e lateralmente ao abdome”, diz o médico Edson Kayanuma, supervisor de Saúde da Ford.

O período mais complicado para pilotar, segundo ele, é durante o primeiro trimestre da gravidez, quando é mais comum a ocorrência de tonturas, náuseas, vômitos e sonolência. Por esses motivos, é aconselhável que a gestante não dirija caso apresente algum desses sintomas. “Como regra geral, não é recomendado que a mãe dirija a partir do oitavo mês de gravidez, já que a barriga pode ter crescido o suficiente para estar muito próxima ao volante. Em alguns casos, isso pode ocorrer até antes desse período havendo, em caso de colisão, um risco maior do descolamento da placenta ou de indução ao parto prematuro”, diz ele.

Ele aconselha ainda que a grávida deixe os telefones do obstetra e de familiares em um local de fácil acesso, dentro do carro. Em caso de qualquer mal-estar na direção, como contrações, por exemplo, a gestante deve parar o veículo em local seguro e pedir ajuda por telefone. Caso seja necessário ir a um hospital, recomenda-se pegar um táxi.

LEIA TAMBÉM

Como evitar estrias na gravidez

Eclâmpsia é o maior medo entre as gestantes

Exames para gestantes acima dos 35 anos

Kayanuma ensina ainda alguns exercícios que podem ajudar a promover o bem-estar e diminuir possíveis inchaços nas gestantes.

Para os primeiros exercícios, a mulher deve estar deitada de lado: com um braço abaixo da cabeça e o outro apoiado no chão a frente do corpo, mantenha as pernas dobradas e respire suavemente com o abdome relaxado. Com um travesseiro debaixo da cabeça, faça movimentos de flexão e extensão da cabeça – imitando o gesto afirmativo –, deslizando-a no travesseiro. Após este alongamento, incline a cabeça lentamente em direção aos ombros. Ainda com um travesseiro debaixo da cabeça, faça movimentos circulares para frente e para trás com o ombro que estiver para cima. Repita os movimentos deitada do lado contrário. Faça flexões e extensões com os cotovelos. Na sequência, faça os mesmos movimentos com os punhos. Mantenha as pernas dobradas e alongue o braço em direção ao joelho oposto, tentando tocá-lo. Repita o movimento para ambos os lados.

Para fazer os exercícios sentada, a mulher deve ficar com a coluna apoiada na parede e pernas estendidas: faça movimentos com o pé apontando para o teto e realinhando-o horizontalmente com as pernas. Após esse exercício, mantenha a mesma posição e rode os pés para dentro e para fora, fazendo com que toda a perna siga o movimento. Dobre um joelho de cada vez em direção à barriga.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.