Patrocínio

Hospital Pilar Instituto de Oncologia do Paraná

Verão é a época certa para tratar as micoses no pé

Frieira, pé de atleta ou micose, seja entre os dedos ou nas unhas, tem uma estação certa para cuidar: no verão! Veja os principais cuidados e como tratar

Embora as infecções causadas por fungos entre os dedos dos pés, também chamadas de micose ou frieiras, sejam fáceis de prevenir, o verão parece ser a época em que as pessoas se lembram de que precisam cuidar da saúde dos pés – afinal, agora eles estarão soltos nas sandálias e chinelos, e à vista de todos.

Leia mais

Sem inspiração? 10 frases para o cartão de Natal e Ano-novo

Mestre do luxo analisa mercado para 2017

24 opções de presentes para seu pet neste Natal

Para tratá-los, um medicamento antimicótico tópico durante algumas semanas e a frieira desaparece. Quando o fungo se encontra na unha, porém, o tratamento pode ser mais demorado e intenso.

“Dependendo da localização dessa micose, talvez o paciente precise de um tratamento oral ou apenas tópico. Também depende da idade e das outras doenças que ele possa ter. Quanto mais velho, maior o número de comorbidades e doenças associadas, que dificultam a vascularização e o tratamento”, explica Lígia Martin, médica dermatologista, presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia, regional Paraná e professora da Universidade Estadual de Londrina.

via GIPHY

Previna-se!

É possível impedir que o fungo tome conta do pé. Veja os principais cuidados:

– Enxugue bem os pés depois do banho, com uma tolha seca e se assegurando de que os espaços entre os dedos sejam bem limpos;

– Sempre use chinelo na hora de tomar banho, mesmo que seja na sua própria casa;

– Quando for viajar, leve sempre o seu chinelo;

– Quando for lavar o chão do banheiro, sempre use água sanitária;

– Não use o mesmo calçado dois dias seguidos. Um dia ele pode estar no pé, no dia seguinte ao sol;

– Não guarde o calçado em um lugar úmido, como o banheiro;

– Sempre troque de meia e prefira as meias de algodão;

– Não se esqueça de secar bem áreas ‘escondidas’, como axilas, virilhas e a região embaixo das mamas. Elas também podem ter o aparecimento de fungos.

8 recomendações para você

Deixe seu comentário