Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Mercadao Milao
Inaugurado no dia 2 de setembro, o espaço fica ao lado da Estação de Trens de Milão| Foto: MATTEO GIROLA/Divulgação

A pandemia causou um atraso considerável - 15 meses - para a inauguração do tão esperado Mercato Centrale, um dos mais esperados espaços gastronômicos a ser aberto  em Milão. A espera porém valeu a pena e no último dia 2 de setembro, os milaneses puderam conhecer o novo mercadão, bem ao estilo da famosa Boqueria de Barcelona

Mercadao italia
"Bodegas"- bancas - espalhadas pelo mercado onde se pode comprar e comer no local | MATTEO GIROLA/Divulgação

O formato, que já existe em outras cidades italianas, lembra muito o dos grandes "empórios" europeus onde é possível não só comprar mas também comer. O projeto é imponente e fica ao lado da Estação Central de Trens de Milão, uma área que por anos ficou abandonada, na rua Sammartini.

Mercado Peixe
Há uma área dedicada à venda de peixe fresco | Divulgação

O "mercadão" se estende por dois andares que ocupa mais de 4500 m2 além de mais 200 m2 da parte externa. O público poderá comprar todo gênero de alimentos nas cerca de "bodegas"- bancas - espalhadas pelo mercado. Há de tudo: pizza, dumpling - ravioli chinês, barbecue (churrasco americano) e até o lampredotto, um sanduíche, vendido mais comumente em Florença, na Toscana, feito da quarta e última porção do estômago bovino. E não para por aí. Tem muito doce e uma área dedicada à venda de peixe, sem falar no bares com café, cerveja e coquetéis. Grande oferta e preços para todos os bolsos.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]