Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Intervenção indevida do STF no Executivo
| Foto:

A ministra Rosa Weber do Supremo Tribunal Federal está mandando o governo federal reabrir 3.258 leitos de UTI em São Paulo. Interessante que o governo federal já repassou para São Paulo R$ 135 bilhões para combater a Covid, e mais R$ 55 bilhões de auxílio emergencial das pessoas que ficaram sem recursos. E aí o próprio Supremo foi quem determinou que a posição do governo federal é secundária. É principalmente no combate à Covid-19 as medidas prioritárias, prioritariamente governos municipais e governos estaduais. O governo federal fica só pagando.

É interessante isso, e essa intromissão do Supremo em questões do Poder Executivo. Por exemplo, lá no sul da Bahia, nos municípios de Mucuri e Prado, há uma questão fundiária importante. Eu diria até, quase tragédia. Em que o Incra foi para lá para regularizar a questão fundiária e o MST não deixou porque ele, MST, que quer fazer essa regulação que cabe ao Incra, pela Constituição, pela lei.

Aí, para se garantir, o Incra pediu Força Nacional, Ministro da Justiça pediu e a Força Nacional foi para lá, mas o governador da Bahia recorreu ao Supremo, e o Supremo em 17 de setembro, último, deu uma liminar tirando a Força Nacional de lá. Incrível. O secretário de assuntos fundiários deve ir ao presidente do Supremo nesta semana para tratar desse assunto. É mais um caso de intromissão. A lei está muito clara, mas há essa intromissão.

Satélite 100% brasileiro

Eu queria deixar registrado aqui a alegria por termos um satélite 100% brasileiro, inclusive para os painéis solares. Uma tecnologia de ponta desenvolvida aqui no Brasil, foi lançada com êxito lá na Índia, está numa órbita de 750 km de altitude e consegue dar detalhes como se tivesse a 64 metros de altura. Vão ser lançados mais dois satélites além do Amazônia 1. Agora, eu lamento que não usem o nosso veículo lançador de satélites, cujo lançamento há uns 30 anos ou mais, eu acompanhei. Não sei por que a gente não lança por aqui mesmo. Assim como a vacina, né? Tem 11 lugares pesquisando vacina contra Covid e a Índia produz a vacina. A Índia se tornou independente em 1947, teve a primeira constituição em 1950, e nós ficamos atrás. É a falta do ensino. O ensino é básico para um país ter futuro.

Bom, eu falei em vacina. O Dr. Ricardo Zimmermann está vibrando com a conclusão que confirmou o estudo de um grupo brasileiro liderado pelo do Dr. David Da-i Ho, aquele do coquetel da Aids. Está vibrando porque conseguiu acertar. As novas cepas têm novos instrumentos para penetrar na célula que reduz a eficácia das vacinas, desse plasma convalescente, aumenta a re-infecção, a infecção. E ele disse que isso confirma a validade do tratamento precoce e até da prevenção de drogas conhecidas, antigas, baratas e que reforçam a célula. Não tem nada a ver com vírus. Por mais que o vírus tenha mutações, as células se reforçam nas suas defesas. Aí vem o lado bom, desde que nós paremos com essa loucura de tentar impedir que as pessoas sejam bem tratadas pelos médicos. Na minha cidade, em Cachoeira do Sul, eu fiquei orgulhoso que 49 médicos da cidade - são quase todos - fizeram um abaixo-assinado, uma nota pública à sociedade cachoeirense, recomendando, dizendo que aderem, que vão aplicar o tratamento precoce. E também a prevenção com os medicamentos antigos conhecidos que têm nova aplicação.

E, como estamos falando de saúde, queria registrar que está começando o março azul, contra o câncer colorretal, que é o segundo que mais mata homens e mulheres. Então, eu faço todos os anos o exame integrando aí o check-up que a gente faz todos os anos. Recomendo também para vocês. A qualquer sinal, procure o seu médico para prevenir, porque é curável no início.

97 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]