i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Carneiro Neto

Foto de perfil de Carneiro Neto
Ver perfil
Análise

Retorno do Flamengo à Libertadores não poderia ter sido mais desastroso

  • Por Carneiro Neto
  • 18/09/2020 09:00
Retorno do Flamengo à Libertadores não poderia ter sido mais desastroso
| Foto: AFP

A Copa Libertadores da América voltou a todo vapor, com intensidade das equipes envolvidas na maior competição continental e com resultados arrebatadores nos altiplanos da Cordilheira dos Andes.

A goleada de 5 a 0, imposta pelo Independiente del Valle ao Flamengo, em Quito surpreendeu a todos. Da mesma forma que a virada de 3 a 2, aplicada pelo Athletico no Jorge Willstermann, em Cochabamba, a 2 mil e quinhentos metros de altitude.

Os cariocas podem alegar que o ar rarefeito da capital equatoriana influiu no rendimento do time, mas torna-se difícil justificar uma atuação tão confusa, seguida de impiedosa goleada. A realidade é que os jogadores do Flamengo ainda não assimilaram a troca do vitorioso e carismático português Jorge Jesus pelo dedicado e insosso espanhol Domènec Torrent.

Enquanto Jesus já deu adeus a Liga dos Campeões da Europa com a prematura eliminação do Benfica, Torrent está sendo colocado à prova na direção do atual campeão brasileiro e da Copa Libertadores da América. O treinador está tentando implantar a sua filosofia de trabalho, a qual envolve o rodízio de jogadores. Algo que Jorge Jesus também fazia, só que de maneira mais sutil e sem mexer na estrutura tática do time.

Domènec Torrent tem sido acusado de mudar muito, de inventar demasiadamente e, exatamente por essa razão, as atuações tem deixado a desejar no Campeonato Brasileiro em andamento. Como a Libertadores é outra conversa, o retorno do Flamengo não poderia ter sido mais desastroso.

Em compensação, mesmo encarando a baixa pressão de oxigênio no alto da montanha lá na Bolívia, o Furacão surpreendeu com uma atuação digna de competidor internacional. Mérito dos jogadores que se superaram física e tecnicamente, além da ousadia do jovem treinador Eduardo Barros, que apostou no volante Christian como meia atacante e em outro volante, o veterano Lucho Gonzalez, como falso centro avante.

No inicio o representante paranaense sentiu a carga pesada do adversário, sofreu o primeiro gol, mas conseguiu reequilibrar-se técnica e taticamente ao ponto de buscar duas vezes o gol de empate na movimentada partida que reabriu o grande torneio sul-americano depois da paralisação imposta pela pandemia do coronavírus.

E o gol do triunfo consagrador saiu após perfeito cruzamento do ala direito Jhonatan para o experiente atacante Walter, que acabara de entrar em campo, finalizar com categoria.

Mas o que deixou todos que viram o jogo de boca aberta foi a agressividade do time atleticano quando tinha a posse de bola e a determinação com que lutou para conter a pressão dos bolivianos.

Ficou a impressão de um desafio de vida ou morte assumido por todos os jogadores, atitude que aumentou o prestígio do promissor técnico Eduardo Barros, que andava precisando de resultados para firmar-se no cargo.

Vencendo o clássico Atletiba e assumindo a liderança do seu grupo na Libertadores, a semana foi mais do que satisfatória para os atleticanos.

1 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 1 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • V

    Victor Ferigotti Junior

    ± 39 minutos

    A análise é sobre o Flamengo ou é uma homenagem disfarçada sobre o time do coração do analista?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]