Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
A seleção já foi suspensa duas vezes em decorrência da pandemia
A seleção já foi suspensa duas vezes em decorrência da pandemia| Foto: Divulgação/PC-PR

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) divulgou no fim da tarde desta quinta-feira (25) uma nova data para as provas do concurso que foi suspenso em 21 de fevereiro, poucas horas antes do início das provas. Conforme divulgado pela PC-PR, a data foi escolhida com base na perspectiva de melhora no quadro epidemiológico no Brasil para os próximos meses, levando em conta a segurança dos inscritos durante a realização do concurso.

O edital do concurso foi publicado em 9 de abril de 2020 com a oferta de 400 vagas em todo o estado do Paraná, sendo 300 para o cargo de investigador, 50 para delegado e 50 para papiloscopista, além da formação de cadastro de reserva. O cronograma de provas já foi suspenso duas vezes em decorrência da pandemia causada pelo novo Cororavírus, sendo a primeira paralização logo após o período de inscrições (22 de junho) e a segunda em 21 de fevereiro de 2021, apenas sete horas antes do início da primeira fase do concurso.

Outra novidade anunciada nesta quinta-feira foi a decisão de alteração dos locais de prova, antes centralizados em Curitiba e região metropolitana. Diante da situação de pandemia, a avaliação dos candidatos será distribuída em várias cidades do Paraná, sendo que os detalhes da mudança serão divulgados em breve por meio de edital publicado na página oficial do concurso.

Continuidade do contrato

Para dar continuidade ao contrato com a Polícia Civil do Paraná, a Universidade Federal do Paraná apresentou uma série de mudanças, incluindo a troca dos membros da banca examinadora do Núcleo de Concursos e a apresentação de uma nova forma de trabalho, prevendo a segurança dos inscritos na seleção.

A decisão em manter o contrato com a universidade partiu da necessidade da reposição do quadro de servidores da PC-PR, que sofre defasagem de pessoal. Além da urgência na continuidade da seleção, a decisão de manter a mesma banca respeita os candidatos que tinham estudado e se preparado para a realização da prova no formato dos testes habituais ofertados pelo NC-UFPR.

Etapas do concurso

Com o novo cronograma, os 106 mil inscritos serão avaliados em 3 de outubro de 2021 mediante prova objetiva com cinquenta questões de múltipla escolha, sendo cem para o cargo de delegado, além de redação (texto dissertativo-argumentativo) na mesma data apenas para investigador e papiloscopista. Os candidatos ao cargo de delegado farão também prova discursiva de conhecimentos específicos em 12 de dezembro de 2021, desde que classificados na primeira etapa (prova objetiva).

Ainda de acordo com o edital de abertura do concurso, os aprovados nas fases anteriores serão convocados para a prova de títulos de caráter classificatório, além de provas de higidez física, de aptidão física e exame de investigação de conduta, três etapas de caráter apenas eliminatório.

Veja os concursos com inscrições abertas em todo Brasil |

Deixe abaixo os seus comentários e também acompanhe as principais notícias do blog Concurseiros no Linkedin, Facebook e Instagram da blogueira Thais Nunes.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]