i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Cristina Graeml

Foto de perfil de Cristina Graeml
Ver perfil

"A meta de uma discussão ou debate não deveria ser a vitória, mas o progresso". Joseph Joubert.

Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos

Muito barulho por nada: a polêmica sobre a cartilha do casamento de Damares

  • [14/08/2020] [17:44]

Muito barulho por nada: a polêmica sobre a cartilha do casamento de Damares não passou de mais uma tentativa de atrelar a imagem da ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos a bizarrices ou ao extremismo de ideias.

Ao saberem que o ministério comandado por Damares Alves pretende elaborar uma cartilha do casamento para fortalecer os laços que unem os casais, pais e filhos, a família como um todo, os corneteiros do caos correram para as redes sociais para reclamar da "pastora ultra conservadora" e acusá-la de estar querendo impor ideias morais "deturpadas" ou outras bobagens do gênero.

Por que raios falar em fortalecimento do matrimônio para preservação da harmonia familiar seria ruim? É incrível que o mero anúncio disso tenha virado polêmica, sem que as pessoas sequer tivessem informações suficientes para analisar a proposta.

A princípio o que se noticiou é que seria um guia, voltado aos municípios (ou seja, para os prefeitos distribuírem às famílias) e com instruções de como fortalecer "vínculos conjugais e intergeracionais". São vínculos de uma geração para a outra: pais e filhos, avós e netos, tudo muito claro, intergeracional. Por incrível que pareça conseguiram achar defeito aí. Foi o início da enxurrada de críticas.

Em blogs, na própria imprensa e nas redes sociais teve gente questionando o termo “intergeracional”, que deveria ser substituído por “parentes”, para não causar confusão. E aí eu pergunto: como assim confusão? Parente é que seria um termo confuso, porque pode se referir a um irmão, um primo, alguém da mesma geração, então não é o que foi anunciado.

A cartilha do casamento é para fortalecer vínculos entre as gerações, provavelmente para tentar orientar filhos e netos a respeitarem pais e avós, terem mais paciência com os idosos, e até para explicar aos mais velhos que, também eles, precisam ter um olhar de maior compreensão sobre as gerações que vieram depois.

Teve gente questionando que um ministério considerado "ideológico" não poderia trazer nenhuma boa orientação sobre como manter o matrimônio. A própria classificação de “ministério ideológico” para uma pasta encarregada de demandas tão sensíveis como atender mulheres, crianças, idosos, indígenas e o público LGBT vítimas de violência é que é criticável, porque é pejorativa, tenta desmerecer o trabalho feito por quem está lá.

E por que um ministério que cuida também da família, com especialistas acostumados a falar para pessoas que vivem em relacionamento estável, não teria capacidade de orientar casais com filhos e netos?

O que é a cartilha do casamento

Como o assunto ganhou projeção em forma de difamação, a equipe da Secretaria Nacional de Família trouxe mais esclarecimentos, informando que a intenção da cartilha é ajudar a resolver problemas sociais que podem ser evitados com o protagonismo da família, desde o preconceito até a violência. E chegou a citar que, em muitos casos, até o uso de drogas ou álcool poderia ser evitado se houvesse menos desequilíbrio afetivo nas famílias.

Nem é preciso ser psicólogo, terapeuta ou médico para chegar a essa conclusão. Não tem nada de ideológico aí. Tem lógica, isso sim! Tanto que, felizmente, a imensa maioria dos comentários às postagens da ministra nas redes sociais são de apoio, alguns até trazendo sugestões.

"Manda brasa, ministra! Queremos famílias fortes, estruturadas, casamentos blindados, cônjuges que sejam reciprocamente fiéis, crianças bem educadas em casa, o fortalecimento das figuras paterna e materna, o aprimoramento do senso de 'responsabilidade dos responsáveis', enfim", escreveu um seguidor no twitter.

No meio das mensagens de apoio, as críticas continuaram. Para debochar da ideia de fortalecer vínculos conjugais e intergeracionais colocaram entre aspas o verbo “fortalecer”, como se fosse impossível, através de orientações, ajudar a fortalecer relacionamentos.

Se fosse assim ninguém precisaria buscar psicólogo para tentar resolver problemas da relação com os pais, filhos, marido ou mulher. E também não haveria necessidade de terapias de casal. Psicólogos e terapeutas são especialistas em orientar pessoas para que elas consigam sim fortalecer vínculos afetivos. Sem aspas, apenas com honestidade, amorosidade, respeito e retidão de caráter.

Quem queria achar defeito na cartilha do casamento questionou também o fato de servidores públicos estarem debruçados sobre esse tema em plena pandemia, quando haveria assuntos mais urgentes a tratar. Se tivessem se dado ao trabalho de checar tudo o que já foi feito pelo Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos desde o início da pandemia não teriam passado tamanho ridículo.

Orientações sobre a pandemia via cartilhas

Além de inúmeras ações emergenciais, desde o desenvolvimento de um aplicativo para facilitar denúncias de violência doméstica até a distribuição de cestas básicas para índios, para evitar que eles saiam das aldeias em busca de comida e corram o risco de contrair coronavírus, o ministério também se concentrou em passar orientações à distância para quem estava em casa, lidando com uma série de problemas.

É aí que entram as cartilhas informativas, direcionadas a públicos específicos. Tem cartilha com orientações de como sacar o auxílio emergencial; cartilha para ajudar pais de crianças com deficiência no acompanhamento escolar durante a quarentena; para alertar mulheres sobre como lidar com questões de saúde no período da pandemia; orientações específicas para mulheres grávidas; uma outra sobre prevenção aos acidentes domésticos e guia rápido de primeiros socorros; cartilha ensinando os pais sobre como falar de coronavírus com as crianças; até guia de brincadeiras para a quarentena.

São muitas cartilhas. Destaco ainda uma com orientações para quem lida com pessoas com deficiência e com doenças raras; outra ensinando jovens a lidar com a pandemia e o material informativo voltado ao público LGBT, com orientações de prevenção de contágio; além de uma cartilha de direitos humanos de brasileiros no exterior.

Está tudo lá no site do Ministério da Mulher, Família e dos Direitos Humanos para quem quiser ver. Uma cartilha específica me chamou a atenção, porque foi publicada em parceria com a ONU. Trazia medidas de prevenção à violência contra crianças e adolescentes indígenas venezuelanos acolhidos no Brasil durante a pandemia, falava de direitos de imigrantes e refugiados, tinha dicas de prevenção à Covid-19, informações sobre acesso a políticas públicas e mensagens de proteção a crianças, adolescentes e a pessoas LGBT.

Recentemente saiu mais uma com instruções para auxiliar as mulheres vítimas de violência doméstica e familiar, assunto que demanda especial atenção durante a pandemia. Esse material específico trouxe informações sobre fatores de risco, fatores de proteção, o ciclo da violência, os impactos da violência doméstica e familiar na saúde das mulheres e crianças, mitos, leis e informações sobre como pedir ajuda e sobre a rede de atendimento à mulher.

Reprodução da capa da cartilha sobre violência doméstica
Reprodução da capa da cartilha sobre violência doméstica| Cristina Graeml

Ou seja, faz parte do trabalho desse e de outros ministérios, produzir cartilhas informativas. Sempre foi assim, outros governos também faziam. Tem inclusive aquela cartilha polêmica elaborada pelo Ministério da Educação, sob comando do então ministro Fernando Haddad, que foi apelidada de "kit gay", que teve a distribuição suspensa, depois de pronta, tamanha a repercussão negativa.

Naquela época a sociedade se mobilizou contra a distribuição do material anti-homofobia nas escolas públicas, temendo que crianças fossem estimuladas precocemente a falar de sexo e relações homossexuais. O que ocorre agora com a cartilha do casamento não é mobilização contra algo que devesse gerar polêmica pelo tema ou público alvo.

Criticar por criticar a ideia de fornecer informações sobre como lidar com problemas do casamento a pessoas casadas, é cair no vazio da rebeldia sem causa. E esse assunto, especificamente, é tão importante para o bom funcionamento da sociedade que está no Código Civil Brasileiro e até na Declaração Universal dos Direitos Humanos. A própria ministra Damares foi ao Twitter lembrar o que diz o Código Civil.

| Cristina Graeml

Já a Declaração Universal dos Direitos Humanos diz que “a partir da idade núbil, o homem e a mulher têm o direito de casar e de constituir família, sem restrição alguma de raça, nacionalidade ou religião. Durante o casamento e na altura da sua dissolução, ambos têm direitos iguais. O casamento não pode ser celebrado sem o livre e pleno consentimento dos futuros esposos. A família é o elemento natural e fundamental da sociedade e tem direito à proteção desta e do Estado”.

E se você se interessa pelo assunto eu antecipo que na segunda-feira, às 19h, vou trazer a Secretária Nacional de Família, Ângela Gandra, para uma conversa ao vivo aqui homepage da Gazeta do Povo, com transmissão simultânea para as redes sociais. A entrevista ficará salva nos perfis da Gazeta nas redes sociais e também será publicada aqui.

39 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]
Tudo sobre:

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 39 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • E

    Erison

    ± 40 dias

    Gazeta do Povo: Vocês tem uma ótima pessoa (e jornalista) no seu quadro: Cristina Graeml. Há outros tb muito bons, que fazem valer a assinatura!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • G

    Guilherme Kaminski

    ± 41 dias

    Muito bem, Cristina .Gostaria de ter visto toda este empenho seu em defender a Cartilha do MEC na época do Ministro Haddad e que foi maldosamente chamada de "kit gay" pela turma que elegeu o atual presidente. Parece que coerência não é seu forte e isenção jornalística também desconhece.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • H

      Helio de Souza

      ± 40 dias

      E no caso, o que era: Nada mais do que uma apologia a erotização precoce das crianças, apologia em ultimo caso a pedofilia, apologia ao homossexualismo. Como alguém integro sensato poderia defender tais pautas?

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Plínio

    ± 41 dias

    Perfeito Cristina. O mais pedante foi a Rede Funerária dar voz a uma "expecialista" dizendo que a cartilha não tinha fundamentos científicos. Acho que a "doutora" esqueceu de combinar com a humanidade e não formar famílias antes da fundamentação científica. Deve ser cria de laboratório.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Paulista

    ± 41 dias

    Analisando toda essa movimentação dos militantes progressistas, só se pode chegar a uma conclusão: Nasceram todos de chocadeira, nunca tiveram e nunca terão família, como são infelizes.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    NH4NO3

    ± 42 dias

    A aprendiz do Alexandre Garcia. Tá indo bem. Damares que cuida da peteca dela e deixe a casa e a vida privada de cada cidadão em paz.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • A

      Alex Mamed

      ± 40 dias

      Chora mais, bobão

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • H

    Humberto B

    ± 42 dias

    Cristina, eu me encanto com seu texto bem escrito, lúcido, simples e muito humano. Gostaria de dar um espelho ou um tempo com psiquiatra para quem acha que idéia de família é deturpada ...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • N

      NH4NO3

      ± 42 dias

      Ai meu Deus .....

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • V

    Valmor Francisco Miola

    ± 42 dias

    Cristina! Brilhante abordagem. Todos sabemos que a destruição dos valores da familia e da sociedade são fundamentos das esquerdas. a propósito; não acho correto qualificar "esquerdistas" de progressistas pois são eles sinônimo de atrazo e não de progresso.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    Dissenha

    ± 42 dias

    Mantendo a média: Texto excelente. Por que será que toda ação com viés conservador é bombardeado? o que incomoda? Creio que a Ministra Damares vem fazendo um bom trabalho. Quanto a Angela Gandra, por certo vale o ditado: "Uma fruta não cai longe do pé". Vale a pena acompanhar.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    CESAR CAVALLI SABBAGA

    ± 42 dias

    Em discordei quando você tratou de uma possível fraude ou brutal discordância dos números de casos e de óbitos na Covid19 no Brasil. Hoje, concordo plenamente com você. Veja como é possível discordar em algum assunto e concordar em outros, sem radicalismo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    ABRP

    ± 42 dias

    Perfeita sua avaliação, como usual. Leitura indispensável para enxergar tantas luzes neste ambiente caótico em que nos colocam aqueles que deveriam nos ajudar a sair dele, e que nós pagamos regiamente. Todo meu apoio à Ministra Damares e ao Presidente. Havemos de vencer.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Paulo Henrique

    ± 42 dias

    O fato é que a Ministra Damares, de longe e desde o início a mais atacada integrante do Ministério do atual governo, vem fazendo um EXCELENTE e IMPORTANTÍSSIMO trabalho. Se houvesse um pingo de honestidade da imprensa mainstream veríamos quase toda semana matérias elogiosas, reconhecendo o excelente trabalho da Ministra. Desafortunadamente, porém, o que vemos é o oposto. Daí a importância de matérias como esta da Sra. Graeml.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Paulo Henrique

    ± 42 dias

    DUPLO PADRÃO. Quando alguém como a Ministra Damares diz (simplesmente diz) uma vírgula que possa ser interpretada contra os "valores" ditos "progressistas" há uma grita generalizada, principalmente na imprensa mainstream, nos partidos de esquerda e na própria Administração Pública nacional (tão miseravelmente aparelhada). Por outro lado, estes mesmos progressistas comemoram qualquer ilegalidade, inconstitucionalidade, desvio e até crimes quando daí advém algum benefício para a manutenção do respectivo ideário. E nesta linha vai a tentativa de impedir a edição de uma cartilha - o que diga-se de passagem é função do Ministério da Família... (cont.)

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Renata de Paula Xavier Moro

    ± 42 dias

    Toda forma de família é válida, a tradicional e as alternativas, desde que haja amor, respeito, acolhimento e transmissão de valores éticos. A maioria das militâncias de qq ideologia sai berrando contra as coisas sem antes procurar ler, estudar e saber direito o que é e como é.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • M

      Mirtão

      ± 41 dias

      Valores éticos? Kkkkkkkk

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • T

    Tony

    ± 42 dias

    “Cair no vazio da rebeldia sem causa”... sensacional! Parabéns pela lucidez do artigo muito bem elaborado.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    ALEXANDRE DALLA VECHIA

    ± 42 dias

    Muito bom

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Raquel Utz

    ± 42 dias

    Parabéns Cristina. Jornalismo de qualidade com pesquisa sem preconceitos.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    Denis

    ± 42 dias

    Muito bom, Cristina, sempre trazendo assuntos relevantes. Vou dar uma sugestão de pauta, em entrevista a Damares ou outro integrante de seu ministério: "Exploração Sexual Infantil". Não apenas o tema em si, mas as resistências que são encontradas pelo país, por pessoas de influência politica, contra medidas de orientação, endurecimento, fiscalização e, especialmente, punição

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    CARLOS

    ± 42 dias

    Muito bom e esclarecedor. Parabéns foi útil eg instrutivo ouvir sua explanação. Virei seu fan. Obrigado

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • L

      LuizMG

      ± 42 dias

      Bem vindo ao clube de fans

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    Eden Lopes Feldman

    ± 42 dias

    O grande motivo de tantas críticas a cartilha da Ministra Damares é que a esquerda "progressista" baseada na teoria gramsciana rejeita a família como pilar da sociedade. E estabelece o estado como o centro da sociedade. Para forçar o domínio. E, paralelamente, observo como é grande o grau de badernas e depredações atualmente praticadas por jovens no Brasil. Um reflexo do ensino baseado em Paulo Freire? Parabéns, Cristina, pela determinação e bom senso em defender a moral e o civismo, algo incompreendido pela esquerda.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Admar Luiz

    ± 42 dias

    Boa Cristina, seus artigos sempre vão direto ao ponto. Verdadeira e esclarecedora, Parabéns! A esquerda sempre será hipócrita e mentirosa.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • I

    IvoHM

    ± 42 dias

    É inacreditável o nível de contorcionismo mental que a esquerda utiliza para tentar emplacar suas teses furadas. E a cara de pau. O quê eles falam de forma negativa da Damares por determinada atitude, falarão de forma extremamente positiva, se a mesma atitude for tomada por uma Eleonora Menicucci da vida. Para quem não lembra, essa demônia é aquela ministra aborteira da Dilma.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • V

    Volnei Fernandes

    ± 42 dias

    Parabéns ministra, esta certinho. Tem uma irmã que pensa exatamente assim, e que defende a esquerda. Incoerência ou ignorância?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Avlis Sotnas

    ± 42 dias

    pelo menos a Cristina não é como o Alexandre Garcia q defende até o indefensável pra puxar o **** do presidente. A Cristina não tem preguiça de escrever e demonstra a sua preferência ideológica com inteligência. embora não concorde com tudo o q foi colocado neste texto, respeito a jornalista pelo esmero e competência

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Arthur Ant

    ± 42 dias

    Há muito tempo atrás uma delegada do Rio disse o seguinte: a sociedade se baseia em família, religião e escola. Se não houver nenhuma dessas na formação do indivíduo, entra uma quarta instituição- a polícia. Hoje, todas as 4 são execradas pelos progressistas.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • I

    Ivanir Riedi

    ± 42 dias

    Parabéns Cristina, gostei do que li, !

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Paulo Henrique

    ± 42 dias

    Excelente artigo. Outro artigo aqui na GP foca na atuação desviada do subprocurador do MP junto ao TCU que questionou, perante o referido Tribunal, a cartilha que ainda nem sequer saiu. Fundamento legal para tanto? Vale dizer, ilegalidade, inconstitucionalidade ou ameaçada de? Não, nadica. O subprocurador apenas alude às "preocupações" dele com o papel do Estado... Sim, chega a ser um descaramento, um despudor.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    Fabiana

    ± 42 dias

    Ótima reportagem, uma pena não ser possível compartilhar em outras mídias.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • C

      CRISTINA GRAEML

      ± 42 dias

      Oi, Fabiana. Em breve o vídeo será publicadoo no YouTube e redes sociais da Gazeta. O artigo em texto, onde sempre trago alguns elementos adicionais, é exclusivo para assinantes.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    LuizMG

    ± 42 dias

    Cara Cristina, parabéns. Feliz de ter você na imprensa, opinando e informando. Sua opinião é clara, realista, objetiva e “familiar “. Não há o que acrescentar. Você disse tudo o que gostaríamos de dizer. Parabéns. Se existe movimento interessado em desconstruir o núcleo social, não vamos permitir. Só uma dúvida; Se o ministério é da família, que tipo de cartilha com orientações eles gostariam que fosse editada? De futebol?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    MARCIO SALGUES

    ± 42 dias

    A esquerdopatia que gangrena o, já atrofiado, cérebro que resta nesse bando de inconformados só mostra que estamos no caminho certo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    Luiz

    ± 42 dias

    Uma cartilha que nem mesmo foi publicada ... este tipo de atitude só pode vir de pessoas doentes que nem mesmo sabem o que é "família" .. tipico daqueles idiotas malucos que criaram aquela filosofia comunista imoral e desumana

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    DENISSON HONORIO DA SILVA

    ± 42 dias

    E não dizer que a ministra sofre perseguição por esses seres abomináveis!!! Isto, aquela imprensa dita progressista se exime de criticar. Por que é inconcebivel que alguem que busque tanto o bem, seja massacrada por aquela teoria marxista-leninista que enxerga a religião, a religião e os bons costumes como algo nefasto. Dá nojo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    mup

    ± 43 dias

    Essa dupla Damares e Cristina vai longe, longe da patrulha, longe do politicamente correto, longe dos derrotistas, dos negativistas e dos mentirosos. Mas a dupla vai muito perto do que o povo procura e quer encontrar: orientação séria, limpa, fácil de entender, bem perto da coisa certa a ser feita. Quanto aos outros - os que criticam sem sequer conhecer - esses vão longe. Vão para os infernos, raios!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • A

      Andreas Milla

      ± 42 dias

      Reclamaram tanto com os "Ministros Homens" do Bolsonaro, que quase não tem "Ministras Mulheres" - aquele discurso odioso de sempre. Mas taí o exemplo: independente do gênero, o que importa é o que fazem. Parabéns a todos os Ministros desse governo, todos eles de altíssimo nível e extremamente profissionais e dedicados. Parabéns em especial à Damares e à Cristina, que tem demonstrado muita força e dedicação à frente das suas pastas. Força, não arreguem, vocês estão sendo ótimas.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

Fim dos comentários.