i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Dante Mendonça

Foto de perfil de Dante Mendonça
Ver perfil

Caçador de histórias.

Dante Mendonça

Do Verão da Lata ao Verão da Vacina

  • Dante MendoncaPor Dante Mendonca
  • 20/01/2021 13:46
Ilustração - Avião Vacina Covid
| Foto: Daniel Nardes

Se perguntar aos sobreviventes dos frenéticos anos 1980 onde eles estavam no verão de 1987, a resposta será quase a mesma, com versões mais ou menos parecidas sobre a história de um navio pesqueiro proveniente da Tailândia que jogou ao mar 22 toneladas de maconha no litoral brasileiro. Seria história de pescador, não fosse o produto enlatado na medida para inspirar livros, músicas, filmes e algumas lendas, levando o episódio a ficar na história como o Verão da Lata.

Ao atravessar o Atlântico com destino aos EUA, o navio Solana Star passou por algumas tormentas e rumou para a costa do Rio de Janeiro para realizar reparos. Tormentas nos mares do sul são previsíveis. O que os piratas de alto bordo não esperavam é que a agência norte-americana de combate às drogas (DEA) prendesse o líder dos traficantes internacionais e que ele delatasse a rota e os planos da quadrilha. Após o DEA avisar a Polícia Federal, um contratorpedeiro da Marinha brasileira saiu em busca do navio maconheiro. Não acharam nem o cheiro da carga. Ao avistarem o contratorpedeiro, os tripulantes do Solana Star despejaram no mar 15 mil latas de maconha. 22 toneladas de Cannabis sativa da melhor qualidade, embaladas a vácuo, num enlatado semelhante ao leite em pó.

No verão de 1987/8, a história foi para o livro de ocorrências policiais e ganhou o imaginário popular. A notícia do carregamento jogado ao mar deixou o povo dos mares do sul em sentinela. A rapaziada ficou alucinada. Escolas de mergulho nunca receberam tantos alunos, nunca se vendeu tantos binóculos e a Polícia Federal, a ver navios de luneta, não tinha como prender ninguém, pois as provas do crime viravam fumaça. Das 15 mil latas jogadas ao mar, apenas duas mil foram apreendidas. O saldo foi o Verão da Lata.

Baseados no que aconteceu no surrealista verão de 1987, podemos imaginar o que pode acontecer no verão de 2021, quando os aviões cargueiros começarem a despejar no Brasil as primeiras vacinas da Covid-19. Muito provavelmente teremos governantes de esquerda e direita em delírio, insuflando nas redes sociais uma guerra civil, com seus partidários portando bandeiras de origem da imunização. Numa alucinação coletiva, sem distinção de idade e do bronzeado da pele, de um lado veremos autoridades desorientadas e sem rumo, pois a bússola foi inventada pelos chineses no Século XI. Por outro lado, cientistas e infectologistas serão tratados como terroristas instrumentalizados para tomar o poder através da mutação genética do eleitorado. Como se sabe, no Brasil vale mais o carimbo do burocrata do que a assinatura de um cientista. Se em 1928 já existissem as redes sociais, o que seria da penicilina? Coitado do bacteriologista Alexander Fleming.

Sem máscara, a falta de respeito com o próximo vai estar na cara. As convenções sociais e humanitárias serão desconsideradas no Verão da Vacina. Assim como a Terra é plana e até a Lei da Gravidade corre o risco de ser revogada pelo Supremo Tribunal Federal, as vacinas no index do Ministério da Saúde (a Pfizer/ BioNTech requer armazenamento a -75 °C, a chinesa CoronaVac, atestado ideológico) serão consideradas subversivas, objetos de apreensão em nome da segurança nacional. Se a ciência atestar que a vacina é uma arma de grosso calibre contra o vírus, será liberado qualquer armamento fornecido por russos e chineses.

No Verão da Lata, o cantor Tim Maia chegou a contratar mergulhadores profissionais para vasculhar a Baía da Guanabara, Angra dos Reis e adjacências. No Verão da Vacina, Zeca Pagodinho pretende tomar quatro vacinas: no braço esquerdo, no braço direito e nas duas nádegas. E se faltarem seringas e vacinas no Brasil, não hão de faltar no Paraguai.

Na selva urbana, DANTE MENDONÇA é um caçador de histórias. Um contador de histórias, como prefere ser conhecido.

5 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 5 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • P

    Paulo Z

    ± 0 minutos

    Teve manezinho da ilha que juntou uma grana enlatando capim com es.trume para vender aos surfistas paulistas que vinham em caravanas ao litoral catarinense. Imagina agora todo mundo indo para São Paulo atrás da vacina.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • R

      Renata de Paula Xavier Moro

      08/02/2021 13:10:09

      Sou sobrevivente dessa época. Surgiu até a gíria “da lata” para dizer que algo era ótimo, de excelente qualidade!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • M

        Mirtão

        08/02/2021 11:34:10

        Da lata! Tinha uns camarões surreais. Nem se dechavava , enrolava inteiro. Uauauauauauau!

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • C

          Celito Medeiros

          07/02/2021 23:59:37

          É da Lata!... Nenhuma possibilidade de origem Tailandesa, isto é história que o boi dorme (Grande Piada)... Desgarrou-se de um 'submarino' traficante, foi isto. Hoje traficam Vacinas? Alguém investiu muito em Vacina de qualidade duvidosa e que longe de ser 'da Lata'? E agora, como irão desovar se exportar ninguém mais quer?

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          • J

            José Valter Cipolla Aristides

            07/02/2021 21:01:43

            Verdade! Foi um verão maravilhoso.

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

            Fim dos comentários.