i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Flavio Gordon

Foto de perfil de Flavio Gordon
Ver perfil

Sua arma contra a corrupção da inteligência. Coluna atualizada às quartas-feiras

Fé católica e Charles Darwin: sobre um tuíte confuso do jornalista Pedro Dória

  • Flavio GordonPor Flavio Gordon
  • 29/01/2020 17:47
Charles Darwin, autor da teoria da evolução.
Charles Darwin não defendia uma relação direta entre evolução e ateísmo, e pedia um debate civilizado a respeito de temas religiosos: tudo o que o Novo Ateísmo não faz.| Foto: Reprodução

Dia desses, em provável referência ao criacionismo do novo presidente da Capes (que é evangélico), o jornalista Pedro Dória comentou em sua conta no Twitter: “Amigos católicos, percebo que alguns de vocês estão desatualizados. Desde Pio XVII (sic), em 1950, que a Igreja considera que não há incompatibilidade entre fé e Darwin. A Igreja Católica não é criacionista faz muito tempo. Não é anticientificista. Foi. Não mais e faz tempo”.

Deparando-me com o tuíte, só consegui lembrar do que disse certa vez o físico alemão Wolfgang Pauli ao receber de um jovem aluno o esboço de um artigo sofrível: “Não é apenas que não esteja certo. Não está nem mesmo errado”.

De fato. Para chegar a estar errado, o comentário de Pedro Dória teria de melhorar um bocado.

Há, logo de cara, a curiosa referência ao papa “Pio XVII” – pontífice que talvez venha a surgir no futuro, mas que, por enquanto, não existe. O jornalista decerto estava pensando em Pio XII e na sua encíclica Humani Generis. Mas até aí, nada de grave. Trata-se de um lapso desculpável em se tratando de redes sociais.

A Igreja é anticientificista – ou seja, contrária à transformação da ciência em ideologia. Mas não é (nem nunca foi) contrária à ciência enquanto tal

O que já não dá para desculpar é a falta de jeito no manejo de termos como “criacionista” e “anticientificista”, que requerem do leitor grande esforço para imaginar o que, sem ser plenamente capaz de fazê-lo, o jornalista estava tentando dizer. No jargão do futebol, dir-se-ia que o rapaz não tem muita intimidade com a pelota.

Só podemos especular que, por “anticientificista”, ele quisesse dizer, na verdade, anticientífica. Ora, o cientificismo é uma ideologia que toma a ciência apenas como pretexto e, a despeito da relação morfológica entre as palavras, conceitualmente tem tanto a ver com a ciência quanto o vegetarianismo tem a ver com os vegetais.

Portanto, como é de se esperar de todo sujeito racional (incluindo qualquer cientista digno do nome), a Igreja continua, sim, sendo anticientificista – ou seja, contrária à transformação da ciência em ideologia. Mas não, a Igreja não é (nem nunca foi, ao contrário do que diz o jornalista) contrária à ciência enquanto tal. E só mesmo uma inteligência moldada por fábulas anticlericais infantis para continuar acreditando nisso.

Cientificismo à parte, todavia, Pedro Dória também se atrapalha com o criacionismo, ao dizer que “a Igreja Católica não é criacionista faz muito tempo”.

Tecnicamente, o termo “criacionismo” aplica-se a um contexto religioso bastante específico, que pouco tem a ver com o catolicismo, a não ser quando empregado em sentido vago e artificialmente ampliado. A palavra designa o modo fundamentalista e literalista com que uma parte do protestantismo norte-americano lida com a Bíblia, acreditando que o universo foi criado por Deus exatamente da forma como descreve o livro do Gênesis, ou seja, em sete dias contados, cada qual com 24 horas de duração.

Acomodando-se mal fora do contexto norte-americano, o termo diz respeito, mais especificamente, ao movimento antievolucionista surgido nos Estados Unidos nos anos 1920, cujo episódio mais célebre, romantizado na Broadway e em Hollywood, foi o “Julgamento do Macaco” (também conhecido como “Caso Scopes”) – no qual o professor de ciências John T. Scopes foi levado a julgamento por ensinar a Teoria da Evolução em uma escola secundária na cidade de Dayton (Tennessee).

Depois de um período de certo esgotamento, houve nos anos 1960 uma espécie de renouveau do criacionismo, sobretudo após a publicação do livro The Genesis Flood, de John C. Whitcomb e Henry M. Morris, quando o movimento passou definitivamente a reivindicar o estatuto de científico, lutando para que os currículos escolares incorporassem a “ciência criacionista” como alternativa à Teoria da Evolução das espécies.

Também refém da ideologia cientificista, o criacionismo é uma tentativa de provar cientificamente (ou, se preferirem, materialisticamente) as verdades reveladas, quase como se a Bíblia pudesse ser lida à moda de uma apostila de história natural. E, nesse sentido particular, não é que a Igreja Católica tenha deixado de ser criacionista nos anos 1950, como pretende o jornalista do Estadão. Na verdade, ela nunca o foi.

A Igreja Católica jamais esposou o tipo de literalismo bíblico característico do criacionismo

A insistência católica na importância da tradição consagrada pelo magistério da Igreja vem justamente da percepção desse risco de leituras descuidadas e literalistas das Sagradas Escrituras, que, na ausência de um conhecimento especializado em filologia e hermenêutica, acabam distorcendo gravemente o sentido do texto. Há muitas camadas interpretativas na Bíblia, que exibe uma estonteante variedade estilística e simbólica, bem como o recurso frequente à linguagem figurada.

Daí que, por exemplo, a constituição dogmática Dei Verbum recomende: “O intérprete da Sagrada Escritura, para saber o que Ele [Deus] quis comunicar-nos, deve investigar com atenção o que os hagiógrafos realmente quiseram significar e que aprouve a Deus manifestar por meio das suas palavras. Para descobrir a intenção dos hagiógrafos, devem ser tidos também em conta, entre outras coisas, os ‘gêneros literários’. Com efeito, a verdade é proposta e expressa de modos diversos, segundo se trata de gêneros históricos, proféticos, poéticos ou outros. Importa, além disso, que o intérprete busque o sentido que o hagiógrafo em determinadas circunstâncias, segundo as condições do seu tempo e da sua cultura, pretendeu exprimir e de fato exprimiu servindo-se dos gêneros literários então usados. Com efeito, para entender retamente o que o autor sagrado quis afirmar, deve atender-se convenientemente, quer aos modos nativos de sentir, dizer ou narrar em uso nos tempos do hagiógrafo, quer àqueles que costumavam empregar-se frequentemente nas relações entre os homens de então”.

O uso bíblico dos numerais, por exemplo, é sabidamente complexo e prenhe de simbolismo. Já no século 5.º, Santo Agostinho condenava a interpretação literalista que os quiliastas faziam do número mil na passagem “reinariam com Jesus durante mil anos”, do livro do Apocalipse (20,6). Em A Cidade de Deus, tendo em conta a tradição bíblica de simbolizar a ideia de totalidade por um número inteiro, o bispo de Hipona explica que os “mil anos” devem ser compreendidos figuradamente, representando a totalidade do tempo histórico. Ao falar em “mil anos”, portanto, o apóstolo João estaria se referindo ao reino de Cristo em sua Igreja no presente saeculum, cuja consumação no Juízo Final ninguém (“senão o Pai”) sabe quando irá ocorrer.

O fato é que a Igreja Católica jamais esposou o tipo de literalismo bíblico característico do criacionismo. Nem, muito menos, a sua visão cientificista da religião. E, já que Pedro Dória optou por referências veladas e encíclicas papais, talvez devesse ter consultado a Providentissimus Deus (1893), de Leão XIII, que, embora reconhecendo a legitimidade da ciência enquanto domínio específico do saber, instrui expressamente os católicos a jamais buscar informações científicas na Bíblia, seguindo nisso, aliás, uma longa tradição teológica.

Já na Alta Idade Média, havia uma divisão clara no seio da teologia católica entre uma teologia da revelação – que lidava diretamente com as Sagradas Escrituras e com a doutrina da salvação – e aquilo que se convencionou chamar de “teologia natural”, segundo a qual Deus não havia simplesmente criado a natureza, fazendo também com que ela se criasse a si própria por meio de leis naturais. Como explica o historiador da ciência John H. Brooke: “A teologia natural é um tipo de discurso teológico no qual a existência e os atributos da divindade são discutidos em termos do que pode ser conhecido via razão natural, em contraste (embora não necessariamente em oposição) com o conhecimento adquirido por revelação especial”.

Essa divisão no campo teológico remonta ao pensamento dos Padres da Igreja Clemente e Orígenes, conhecidos como “os platonistas cristãos de Alexandria”. No segundo século da era cristã, ambos propuseram a noção de que Deus manifesta a sua essência por meio de dois “livros”: o livro da natureza e o das Sagradas Escrituras. Mais tarde, essa doutrina viria a ser desenvolvida por Agostinho, que terminou por consagrar a distinção entre os ensinamentos bíblicos sobre assuntos espirituais e a descrição do mundo natural.

Antes que inimigo da ciência moderna, o catolicismo foi, ao contrário, a sua condição de possibilidade

Ecos dessa concepção, conquanto gradualmente deformados e amputados de sua dimensão transcendente original, permaneceram audíveis no decorrer da história da ciência moderna, inclusive nos primórdios da cosmovisão evolucionista.

Em 1794, por exemplo, ninguém menos que Erasmus Darwin, avô de Charles, escreveu em seu Zoonomia: “O mundo mesmo deve ter sido gerado antes que criado; ou seja, deve ter sido gradualmente produzido a partir de pequenos começos, desenvolvendo-se pela ação de seus princípios inerentes mais do que através de uma súbita evolução total vinda do fiat do Todo-Poderoso. Que ideia magnífica do poder infinito do grande arquiteto! A Causa das causas! O Pai dos pais! Ens Entium! Pois, se nos for permitido comparar infinitos, pareceria requerer uma maior infinidade de poder causar a causa dos efeitos do que os efeitos eles próprios”.

Sendo assim, antes que inimigo da ciência moderna (segundo Dória o imagina antes dos anos 1950), o catolicismo foi, ao contrário, a sua condição de possibilidade. A noção de que o mundo natural pode ser compreendido independentemente do mistério da revelação decorre de uma concepção racionalista de Deus, desenvolvida inicialmente por teólogos como Santo Anselmo, Santo Agostinho e São Tomás de Aquino. Portanto, como afirma o filósofo Alfred Whitehead em Science and the Modern World (1925): “A fé na possibilidade da ciência é uma derivação inconsciente da teologia medieval”.

Quanto à relação entre a Igreja e a Teoria da Evolução, por sua vez, as coisas são um pouco mais complexas do que Pedro Dória quer nos fazer crer. Quando, portanto, ele sugere um endosso simples e inequívoco do papa Pio XII ao darwinismo, parece estar falando de orelhada. Pois, caso tivesse lido com atenção a encíclica à qual se refere – a Humani Generis –, decerto não ignoraria os trechos em que o pontífice alerta para a necessidade de extrema cautela no tratamento do tema, manifestando, ademais, preocupação com as extrapolações metafísicas e ideológicas da teoria. Prosseguiremos daí no artigo da semana que vem.

45 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 45 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • A

    Austríaco-PR

    ± 36 dias

    Ótimo texto.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • T

      Tiago dos Reis Vieira

      ± 37 dias

      Excelente texto, estou lendo as Sumas teológicas de Santo Tomás de Aquino e lá mostra como Tomás utilizou-se da filosofia Aristotélica e de sua ciência para explicar as causas divinas.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • R

        Robson Eduardo

        ± 37 dias

        Feliz com o texto. Uma vez não souberam me ensinar os mistérios e eu fugi da fé para crer na ciência. Depois comecei a voltar, amando os rituais. Agora já gosto dos mistérios. A ciência não brotou como um partido de oposição à fé, mas de dentro da cátedra do clero.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • M

          Maria Sueli de Almeida

          ± 37 dias

          Um ótimo artigo. esclarecedor. obrigada

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          • R

            Ricardo de Mello Araujo

            ± 37 dias

            Belo artigo. Obrigado.

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

            • D

              Debora B.

              ± 37 dias

              Vc fala em igreja católica. ok. Ótimo texto. Concordo com essa linha de pensamento. Mas na igreja evangélica nem todos aceitam o criacionismo e ainda a ponto de querer discutir como ciência. Não é ciência, sabemos. Nem todos evangélicos pensam dessa forma. Por isso acho precipitado qdo alguém rotula qq evangélico de criacionista.

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              2 Respostas
              • G

                GISELE DUTRA DE FREITAS

                ± 35 dias

                Volta lá no texto... Ele escreveu q o criacionismo é uma leitura fundamentalista dos protestantes AMERICANOS !!!

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

              • C

                Correia

                ± 37 dias

                Concordo contigo...porém vale a pena lembrar que esse artigo procura esclarecer o que Pedro Doria afirmou...ou seja, esse artigo em nenhum momento afirmou essa distinção...mas parece que o Doria colocou essa afirmativa....

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

            • W

              Wanderlei Wormsbecker

              ± 37 dias

              Caraca... que texto confuso, prolixo e mal escrito.

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              1 Respostas
              • M

                Murilo Menin Flores

                ± 37 dias

                Discordo de você. O texto é simples e claro! Muito bem escrito e repleto de referências para quem quiser se aprofundar no tema.

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

            • F

              freitas

              ± 37 dias

              Corretíssimas as ponderações de Flavio Gordon, é de comentaristas desse calibre que um grande jornal precisa.

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              • L

                Luiz carlos bittencourt

                ± 37 dias

                Aceitar que toda a inteligência e complexidade que podemos observar no universo, inclusive em nós próprios, são o resultado de “combinações e recombinações aleatórias de sub-partículas elementares de matéria e de energia” surgidas de uma explosão universal, partículas elementares que foram capazes deduzir e incorpora regras específicas de comportamento, a partir “de sua própria iniciativa”, definindo exatamente como se combinar para compor os átomos, moléculas e células, enfim, toda a complexidade que podemos observar, incluindo a própria vida, parece ser alguma coisa não muito inteligente.

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

                1 Respostas
                • L

                  Luigi Tenco

                  ± 37 dias

                  Luiz, infelizmente pra você, as coisas aconteceram assim mesmo.

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

              • C

                Carlos Eduardo

                ± 37 dias

                A revelação natural que a teologia fala é de que a natureza revela a existência de Deus a todos, e a revelação especial, a revelação das Escrituras a respeito de Deus para aqueles que a leem. Notadamente, a conclusão humanística tomada pela igreja de Roma a respeito das Escritura afasta a sua infalibilidade e sua inerrabilidade, pilares fundamentais da fé. Por isso, a visão do articulista ao tratar de temas teológicos é humanística, até por sua formação, em contraponto a que teólogos dizem a respeito da revelação, Inclusive Tomás de Aquino e Agostinho de Hipona.

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

                • F

                  Fernando Cavalcante

                  ± 37 dias

                  É por causa de textos como esse que fiz questão de pagar o valor mais elevado de assinatura da Gazeta. Vale a pena incentivar o que é bom, e raro.

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  • C

                    Correia

                    ± 37 dias

                    Excelentes as colocações....só por esse artigo percebemos os que possui o senso comum e aquele que pesquisa as fontes para comprovar as verdades e hipóteses...e a sociedade tem muitos que vão na onda do senso comum e falam cada asneiras....parabéns pelo artigo..

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                    • C

                      Carlos Henrique Provin Almeida

                      ± 37 dias

                      Nesse mundo pagão, vale tudo para condenar o cristianismo. A luta sempre foi Cristãos x mundo paganizado. Continua assim, e será até o fim dos tempos.

                      Denunciar abuso

                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                      Qual é o problema nesse comentário?

                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                      Confira os Termos de Uso

                      • A

                        Alexandre Souza

                        ± 37 dias

                        Mais um show do Flávio! O problema é que muito mais pessoas têm acesso ao texto do Pedro Dória...

                        Denunciar abuso

                        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                        Qual é o problema nesse comentário?

                        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                        Confira os Termos de Uso

                        • P

                          Paulo Eugênio Anunciação

                          ± 37 dias

                          Uma análise mais acurada do texto do Gênesis, fica claro o fato dos "6 dias da criação". É certo que não são "dias de 24 horas", posto que, nessa mesma narrativa do Gênesis, o Sol só foi aparecer no 4º dia. Daí, há muita linguagem figurada na Bíblia, que é usada apenas para nos dar "uma ideia" da nossa realidade, nunca uma "narrativa científica".

                          Denunciar abuso

                          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                          Qual é o problema nesse comentário?

                          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                          Confira os Termos de Uso

                          • S

                            Siqueira

                            ± 37 dias

                            Mais um excelente texto; espero que esse Pedro Dória o tenha lido também!

                            Denunciar abuso

                            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                            Qual é o problema nesse comentário?

                            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                            Confira os Termos de Uso

                            • Z

                              Zyss

                              ± 37 dias

                              https://www.discovery.org/m/2019/10/Scientific-Dissent-from-Darwinism-List-09302019.pdf A lista de cientistas renomados pela Dissidência científica contra o darwinismo não para de aumentar.

                              Denunciar abuso

                              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                              Qual é o problema nesse comentário?

                              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                              Confira os Termos de Uso

                              • A

                                Admar Luiz

                                ± 37 dias

                                Ciência e religião devem caminhar juntas. Uma é imprescindível da outra. Não há mistérios. Fé deve ser raciocinada. Mas nossa origem mesmo é evolucionista. Nosso cóxis é a prova de que andamos de quatro e vivíamos em arvores. Isso não quer dizer que não exista uma Inteligência comandando tudo. Evoluiremos. Eis o nosso destino.

                                Denunciar abuso

                                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                Qual é o problema nesse comentário?

                                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                Confira os Termos de Uso

                                • R

                                  Rodrigo Mendes Borges Monteiro

                                  ± 37 dias

                                  Não podemos esquecer que São Paulo, São Pedro e o próprio Cristo manifestaram um entendimento literal do narrado em Gênesis. Ressalta-se ainda que a "desconstrução" da criação divina tem desdobramento teológicos incontáveis, especialmente na questão do pecado original e da morte, mas aí já uma discussão para outro momento.

                                  Denunciar abuso

                                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                  Qual é o problema nesse comentário?

                                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                  Confira os Termos de Uso

                                  • A

                                    Admar Luiz

                                    ± 37 dias

                                    Gordon há um livro magnifico do juiz e palestrante Aroldo Dutra Dias , "O Novo Testamento", tradução dos originais gregos, apresenta o texto da escrituras sagradas estruturado de tal forma que respeita as questões históricas, culturais e teológicas da época em que Jesus viveu entre nós. Mas, vá em qualquer igreja, por ex, assistir uma missa. Estará lá o sacerdote falando , interpretando alguma passagem bíblica literalmente. A gênese por ex. O mundo foi criado em seis dias, nascemos de Adão e Eva, o mundo foi criado a três mil anos, o profeta tal morreu aos oitocentos anos e por aí vai. Francamente. A bíblia é cheia de alegorias, de mitos, deve ser interpretada à luz da razão.

                                    Denunciar abuso

                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                    Confira os Termos de Uso

                                    • L

                                      Luiz hasselmann

                                      ± 37 dias

                                      Realmente brilhante!!!!! Congrats

                                      Denunciar abuso

                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                      Confira os Termos de Uso

                                      • M

                                        MAURICIO SANTOS

                                        ± 37 dias

                                        Brilhante

                                        Denunciar abuso

                                        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                        Qual é o problema nesse comentário?

                                        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                        Confira os Termos de Uso

                                        • S

                                          Sandro

                                          ± 37 dias

                                          Excelente, aguardo ansioso pela continuação!

                                          Denunciar abuso

                                          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                          Qual é o problema nesse comentário?

                                          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                          Confira os Termos de Uso

                                          • U

                                            Ulisses

                                            ± 37 dias

                                            Sugiro que Alberto Magno e Roger Bacon tenham espaço nessa excelente explicação!

                                            Denunciar abuso

                                            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                            Qual é o problema nesse comentário?

                                            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                            Confira os Termos de Uso

                                            • A

                                              Alexandre

                                              ± 37 dias

                                              Um prazer ler seu artigo, Flávio, como de costume. Tenho apenas uma observação: segundo o livro do Gênesis, o universo todo teria sido criado em seis dias e não em sete, correto? No sétimo dia, o Senhor teria descansado, se me recordo bem.

                                              Denunciar abuso

                                              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                              Qual é o problema nesse comentário?

                                              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                              Confira os Termos de Uso

                                              • A

                                                Adenilson

                                                ± 37 dias

                                                Texto católico! Criação e evolução sim; criacionismo e evolucionismo, não! A Igreja sempre distinguiu a Ciência das ideologias que, muitas vezes, são pseudociência!

                                                Denunciar abuso

                                                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                Qual é o problema nesse comentário?

                                                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                Confira os Termos de Uso

                                                1 Respostas
                                                • U

                                                  Ulisses

                                                  ± 37 dias

                                                  Está enganado, sua afirmação é de quem nunca leu referências primárias. Recorra aos textos da antiguidade cristã, da patrística e da escolástica... asseguro que fará uma viagem sem volta.

                                                  Denunciar abuso

                                                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                  Qual é o problema nesse comentário?

                                                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                  Confira os Termos de Uso

                                              • D

                                                DENISSON HONORIO DA SILVA

                                                ± 37 dias

                                                Isso bem demostra o vies ideológico em que hoje nos encontramos. A teoria da evolução nos explica muita coisa mas não tudo. A igreja católica, obviamente, está à frente de outras ao tentar incorporar visões cientificas que se aproximem da religião. Como foi com a filosofia que deu alicerces através de filosofos da antiga Grécia. Não foi à toa que houve continuidade dos ensinamentos da antiquidade entre os religiosos. E creio que a igreja sim evoluiu ao aprimorar seus conceitos. Mas devagar com andor. Pode-se enveredar para um ateismo puro e simples.

                                                Denunciar abuso

                                                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                Qual é o problema nesse comentário?

                                                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                Confira os Termos de Uso

                                                • L

                                                  LEONARDO RIBAS GOMES

                                                  ± 37 dias

                                                  Criacionismo é acreditar no amigo imaginário que o Flavio adora. Chamar um livro de ficção antigo de escritura sagrada me parece forçado demais. Não chega nem a estar errado, parafraseando o autor, mas nem é. A teroria da evolução acabou com qualquer explicação fantasiosa. A igreja não impulsionou a ciencia, ao contrário, perseguia aqueles que com informação e conhecimento, questionavam os dogmas da igreja baseados em falta de conhecimento e informação. Incrível como o Flavio tenta confundir o leitor para que este acredite em saci pererê, a não , em papai noel, eita, em papai do céu. O amigo imaginário.

                                                  Denunciar abuso

                                                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                  Qual é o problema nesse comentário?

                                                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                  Confira os Termos de Uso

                                                  6 Respostas
                                                  • C

                                                    Carlos Eduardo

                                                    ± 37 dias

                                                    O evolucionismo resolve a questão de onde apareceram planetas e estrelas, para ser então essa resposta cabal a tudo, ou tem uma parte enorme que não tem como ajeitar com a teoria de Darwin?

                                                    Denunciar abuso

                                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                    Confira os Termos de Uso

                                                  • J

                                                    joavila

                                                    ± 37 dias

                                                    O Sr. Leonardo demonstrou dificuldade marcada em interpretar o texto contemporâneo do Flávio Gordon, imagine o que encontrará em interpretar a Bíblia! Em parte pode ser formação literária insuficiente,mas pode ser mera caturrice. Volte lá, leia de novo, mas armado de gramática, hermenêutica, história. Ver um texto desabrochar em nossa frente é um dos maiores prazeres que se pode ter nesta vida.

                                                    Denunciar abuso

                                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                    Confira os Termos de Uso

                                                  • Z

                                                    Zyss

                                                    ± 37 dias

                                                    https://www.discovery.org/m/2019/10/Scientific-Dissent-from-Darwinism-List-09302019.pdf

                                                    Denunciar abuso

                                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                    Confira os Termos de Uso

                                                  • A

                                                    Alex

                                                    ± 37 dias

                                                    Leonardo, se és ateu, sem problemas, mas desrespeitar a Deus ou aos santos presentes na Sagrada Bíblia, não é lá muito bonito - nem inteligente. O engraçado é que muitos ateus que conheço, por terem algum parco conhecimento sobre ciências, acha que percebe sua existência baseado naquilo que pode ver e quantificar e, daí, cria um cercadinho confortável mas solitário. Meu caro, talvez lhe falte um pouco de experiência de vida para ver o que muitos sentem, sem mesmo ver. Talvez se abrir um pouco mais seu coração e mente, talvez perceba que a vida é muito mais que as reações químicas orgânicas que nos compõe e mantém vivos.

                                                    Denunciar abuso

                                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                    Confira os Termos de Uso

                                                  • B

                                                    Bruno Sampaio de Souza rezende

                                                    ± 37 dias

                                                    Ulisses: Esse aí "estudou" em livro do Mec. Nem me atrevo a falar sobre esse assunto, mas tem gente que, feito Caetano, acha que pode dar pitaco sobre qualquer coisa, e com arrogância!

                                                    Denunciar abuso

                                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                    Confira os Termos de Uso

                                                  • U

                                                    Ulisses

                                                    ± 37 dias

                                                    Suas afirmações é que são a própria crença no saci perere. Palavras de quem se recusa a estudar os autores antigos e medievais... é mais ou menos como aqueles que se autodenominam marxistas sem nunca terem lido o próprio Marx. Criticar a Igreja pelo que ela representou somente num curtíssimo período da história e acha que está intelectualmente acima dos outros...

                                                    Denunciar abuso

                                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                    Confira os Termos de Uso

                                                • S

                                                  Sérgio Guerra

                                                  ± 37 dias

                                                  Este assunto é complexo e tbm não, como diriam a dupla Gil e Caetano. Mas entendo ad verbum que o criacionismo bíblico é uma lenda metafórica (redundante talvez) para fazer entender a criação do planeta terra (centelha cósmica diga-se de passagem), para os leigos e pelos leigos. Entendeo que a evolução das espécies é do ambiente planetário (material) não espiritual (divino) e desta forma evolução natural e lenta (bilhões de anos terráqueos). Deus não joga dados com o mundo diria Einstein numa discussão parecida com um judeu.. Parabéns Gordon.

                                                  Denunciar abuso

                                                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                  Qual é o problema nesse comentário?

                                                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                  Confira os Termos de Uso

                                                  1 Respostas
                                                  • R

                                                    Rodrigo Mendes Borges Monteiro

                                                    ± 37 dias

                                                    Lenda metafórica na qual o próprio Cristo acreditava.

                                                    Denunciar abuso

                                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                    Confira os Termos de Uso

                                                • A

                                                  Adriel Farias

                                                  ± 37 dias

                                                  Excelente!

                                                  Denunciar abuso

                                                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                  Qual é o problema nesse comentário?

                                                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                  Confira os Termos de Uso

                                                  • M

                                                    Maycon Costa

                                                    ± 37 dias

                                                    Que aula!

                                                    Denunciar abuso

                                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                    Confira os Termos de Uso

                                                    • V

                                                      Vanessa

                                                      ± 37 dias

                                                      Queremos mais sobre este assunto!

                                                      Denunciar abuso

                                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                                      Confira os Termos de Uso

                                                      Fim dos comentários.