i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Francisco Escorsim

Foto de perfil de Francisco Escorsim
Ver perfil

Um primeiro balanço da pandemia em Curitiba

  • Por Francisco Escorsim
  • 04/09/2020 14:29
Secretária Márcia Huçulak em apresentação da pasta sobre o coronavírus
Secretária Márcia Huçulak em apresentação da pasta sobre o coronavírus.| Foto: Reprodução

Domingo passado, voltando de uma fazenda no fim da tarde, atravessei a cidade observando a quantidade de pessoas caminhando pelas ruas, passeando pelos parques. As praças me chamaram mais a atenção, havia um número maior que o normal de antes da pandemia. Compreensível; afinal, depois de meses de restrição, com as melhoras nos indicadores de contágio e também depois de uma semana de frio polar vindo um tempo aberto com 30ºC, estranho seria se fosse o contrário. Pensei comigo: “a turma da prefeitura vai reclamar”.

Não deu outra. Lá vieram as admoestações da secretária municipal de Saúde, como uma madre superiora de colégio interno, na tática mais do que abusada em 2020 de tentar convencer aterrorizando: “A gente já começa a sentir a repercussão. Hoje, nas nossas UPAs e Unidades [Básicas de Saúde], sentimos o aumento de quadro de pessoas procurando os serviços de saúde. Hoje foi bem assustador”.

Compreendo que a secretária tenha de exercer esse papel, mas, para que não perca a credibilidade, nem a autoridade, é preciso que esteja baseada em fatos. Pelo que se conhece da doença até o momento, a média de aparecimento de sintomas da Covid-19 é em torno de cinco dias depois da contaminação, podendo chegar a 14 dias até aparecerem os primeiros sinais. É muito mais verossímil que a procura maior na última terça-feira tenha se dado em consequência do frio intenso da semana anterior, não do fim de semana que mal havia terminado.

Eis o maior erro dos contrários ao uso da cloroquina: tratar quem o defenda como se não fosse científico

Em meio ao pandemônio da pandemia é natural que muitos erros, tolos ou graves, sejam cometidos pelos gestores públicos, e o julgamento de sua atuação também deverá levar em conta como fazem sua própria avaliação depois de tudo ter passado o suficiente para que um olhar retrospectivo permita um exame de consciência. Por isso, gostei muito da entrevista reveladora que a secretária deu a esta Gazeta do Povo na última quinta, dia 3, em que consta um princípio desse autoexame, com rara sinceridade e transparência, permitindo inclusive constatar que alguns erros ainda não foram percebidos como tais.

Até aqui, não há dúvida de que o sistema de saúde de Curitiba suportou bem a demanda, não tendo sido necessários hospitais de campanha, nem tendo faltado medicamentos, respiradores e leitos de UTI. Este mérito é inegável. O que é controverso é a diferença que teria feito se o tratamento precoce fosse adotado pelo sistema, e não apenas como se fez e faz, monitorando os doentes em isolamento e intervindo apenas quando o quadro se agravar. A secretária enxerga isso como um “atletiba” entre os defensores da cloroquina contra os da ciência, time no qual ela se coloca: “Eu entendo que a cloroquina é o desespero das pessoas que querem achar alguma coisa para se apegar e defender que a sociedade pode funcionar”.

Eis o maior erro dos contrários ao uso do medicamento: tratar quem o defenda como se não fosse científico. A experiência de beira de leito de centenas de médicos também é científica, inúmeros medicamentos não existiriam se não fossem descobertos assim. Sem contar os diversos estudos observacionais e randomizados que começaram a surgir confirmando a utilidade do remédio. Se o leitor quiser se atualizar sobre isso, vale a pena assistir ao debate realizado recentemente, também por esta Gazeta do Povo, com médicos pró e contra o uso da hidroxicloroquina. Há razões para acreditar ou não que o medicamento funcione de fato, mas não as há para acusar quem pense o contrário de ser anticientífico. Até porque qual a evidência científica para se chegar a esta conclusão, de que seria um “desespero” dos médicos, como entende a secretária?

O que nos leva à avaliação das medidas de isolamento adotadas em Curitiba. Foram decretadas cedo demais, como a secretária confirmou ao revelar um dado importante para apuração de responsabilidades: a transmissão comunitária só começou por aqui no fim de abril. Entretanto, as medidas foram adotadas muito antes disso, com a prefeitura acabando por seguir o medo (científico?) do conselho das universidades, que decidiram suspender as aulas em meados de março.

A secretária tenta minorar a responsabilidade da prefeitura dizendo que, apesar disso, “não tem um decreto nosso, porque eu discuti muito isso com o prefeito, determinando o fechamento de nada lá atrás”. Não é verdade. O Decreto 470, de 26 de março, além de recomendar a suspensão de serviços e atividades não essenciais, determinou: “Art. 3.º Fica suspenso o funcionamento, enquanto durar a Situação de Emergência, de casas noturnas e demais estabelecimentos dedicados à realização de festas, eventos ou recepções”.

Já sobre as medidas adotadas posteriormente para forçar o isolamento, a sinceridade da secretária permite identificar erros, alguns assumidos, como o fechamento dos shoppings: “Abrimos os shoppings de segunda a sexta até para avaliar o impacto, e não teve impacto. Porque se as pessoas forem ao comércio seguindo esses três protocolos básicos, não há problema”. Ou seja, teria sido possível avaliar isso sem precisar ter fechado os shoppings.

As medidas de fechamento foram tomadas sem ouvir os diversos setores do comércio, sem ter o mínimo e óbvio cuidado de, antes de optar pelo radical fechamento, consultar os prejudicados para verificar se não seria possível continuarem funcionando respeitando as regras sanitárias

Outro erro, mais grave e ainda não percebido como tal, revelou-se quando se vangloriou de suas broncas em lives, acreditando que teriam sido boas para os comerciantes: “Mexemos com os brios deles e a partir dali eles vieram discutir com a gente, apresentaram seus protocolos. Até então, eles só estavam nos xingando por ter fechado, mas não apresentavam proposta de reabertura. Eu não entendo de restaurante, de loja de shopping de academia, eles que tinham de mostrar para nós como poderiam funcionar respeitando as regras sanitárias. A bronca serviu para esses setores saírem da paralisia e serem propositivos”.

Ou seja, as medidas de fechamento foram tomadas sem ouvir os diversos setores do comércio, sem ter o mínimo e óbvio cuidado de, antes de optar pelo radical fechamento, consultar os prejudicados para verificar se não seria possível continuarem funcionando respeitando as regras sanitárias. E isso fica muito pior quando lembramos que o poder público se gaba de que a quarentena teria sido fundamental para a preparação do sistema de saúde. Logo, não há justificativa razoável para que um plano de fechamento da cidade não tivesse sido criado em conjunto com todos os setores afetados.

É em virtude de decisões assim, somadas à antecipação insensata do isolamento, que se tornou muito difícil hoje convencer a população cansada, empobrecida e desconfiada das autoridades (com toda razão, como se vê) de que agora seria preciso um “esforcinho” a mais. A própria secretária sabe perfeitamente disso, tanto que teme se tiver de irmos para a tal da “bandeira laranja”: "ir para a bandeira laranja, hoje, seria o caos, eu ia apanhar de novo, teria de me mudar de Curitiba”. Todos rezamos e esperamos que isso não aconteça, mas, se for necessário, que o caos não seja alimentado pela histeria fabricada culpando a sociedade pelo que é inevitável.

Fica nítido, enfim, que a secretária não é apoiadora de fechamentos e lockdowns, ao contrário, como se entrevê quando falou da possibilidade da volta das escolas: “Eu tentei colocar isso em pauta, de abrirmos algumas escolas, para casos específicos, para dar suporte para as mães que são arrimo de família, para crianças que não têm internet e computador para fazer estudo em casa, mas fui massacrada. Não houve discussão sensata, houve questão ideológica, sem fundamento nenhum do ponto de vista da epidemiologia. (...) E, agora, poderiam voltar mais escolas, mas é muito difícil, pois não está tendo conversa com as corporações. Isso me incomoda profundamente, mas a discussão com os professores não avança, não se pensa no papel social”.

Por mais críticas que caibam, e cabem, à atuação da secretária, especialmente à forma como tenta convencer aterrorizando a sociedade da necessidade da manutenção das medidas de prevenção, também é necessário destacar que, se fosse outra pessoa no cargo, dificilmente teria resistido às pressões para o absurdo fechamento geral da cidade. Ao leitor pouco afeito aos bastidores do poder, informo que é muito graças à firmeza da secretária que não estamos amargando um lockdown desejado por alguns membros do Ministério Público. Espero que siga se mantendo firme sobre isso e agradeço a ela por sua transparência, que permite que méritos e deméritos sejam conhecidos e reconhecidos. E justamente por conseguirmos fazer isso, esse primeiro balanço parcial desta pandemia por aqui, que temos bom sinal de que o pior passou.

Conteúdo editado por:Marcio Antonio Campos
20 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 20 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • M

    Maze

    ± 23 horas

    O grande prefeito greca diz que os mais de 1000 mortos de Curitiba estão AGRADECENDO PELO TRATAMENTO RECEBIDO apesar de terem morrido. Sumiu no auge da pandemia, depois apareceu feiti um bobo com uma bandeirinha amarela na mão e agora porque não vem às mídias com o sorriso bobo pendurando uma bandeira LARANJA NA MÃO? Espero que nunca mais seja eleito para nada.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Maze

    ± 23 horas

    O grande prefeito greca diz que os mais de 1000 mortos de Curitiba estão AGRADECENDO PELO TRATAMENTO RECEBIDO apesar de terem morrido. Sumiu no auge da pandemia, depois apareceu feiti um bobo com uma bandeirinha amarela na mão e agora porque não vem às mídias com o sorriso bobo pendurando uma bandeira LARANJA NA MÃO? Espero que nunca mais seja eleito para nada.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    Lucano

    ± 1 dias

    Essa Secretária quer parecer boazinha, quando é uma demagoga. AOS FATOS: A contaminação maior é no transporte público circulando em horário de sábado (por demorar o dobro vão lotados) durante toda a pandemia, não se vou ninguém medindo a temperatura ou mesmo álccol nas entradas dos terminais. Os Bancos: fila de pessoas apertando um a digital do outro na sequencia e nada de fiscalização. Veja aqui no BIG Boa Vista ( região de maior contaminação) há três terminais 24 horas e fila de pessoas, nenhum álcool gel, justo no setor que nada sofreu de restrição não contribui em nada na prevenção. Ter 1,6 vagas UTI para cada 10 mil habitantes é um vexame. Melhor socializar a culpa né?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    Jose

    ± 1 dias

    Pois é Sra. Enfermeira Secretária. Teria como falar ao seu patrão e chefe o Sr. Prefeito para colocar mais ônibus em vez de só pagar dinheiro aos srs empresários do transporte coletivo. Sim nos ônibus lotados é que se faz a transmissão do Covid e não em parques abertos ou ruas. Além do que fazer asfalto em toda a cidade em véspera de eleições é muto melhor (para a campanha) do que investir em hospitais. Lamentável essa atitude. Aliás só para lembrar, a sra Enfermeira Secretária não teve qualquer desconto em seus salários né. Fácil falar e quando está protegida com sua parte financeira. Faça como todos que em julho ficaram 14 dias fechados e não puderam faturar nada. Devolva essa parte.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • M

      Maze

      ± 23 horas

      Kd o greca com sorriso largo e a bandeira laranja na mão?????

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • I

    IvoHM

    ± 1 dias

    Estudo científico comprova que o uso do tratamento precoce com cloroquina diminui em 30% os óbitos decorrentes do vírus chinês. Isto posto, senhores Mandetta, Moro, Wietzel, Doria, demais governadores e prefeitos, políticos, médicos, jornalistas e propagadores que lutaram contra a solução disponível "por ser coisa do 'Bozo'", por não ter "respaldo da CIÊNCIA" (com 70 anos de uso!), como vocês se sentem ao saberem que poderíamos ter salvo pelo menos 40 mil vidas? Estão satisfeitos? Rola um "mea culpa"? Que Deus se compadeça de suas almas.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    3 Respostas
    • I

      IvoHM

      ± 18 horas

      Covid-19: hidroxocloroquina reduz risco de morte em 30%, diz estudo da Universidade de Pisa, Italia, publicado no European Journal of Internal Medicine, segundo o Jornal da Record (noticias.r7.com),

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • D

      Dilbert

      ± 24 horas

      Andre: não tem estudo nenhum, é tudo bobagem expelida por gente (gente?) que não pensa e reproduz o que o Carluxo manda. São os mesmos que agora berram contra vacinas. Estamos retrocedendo séculos por conta dessa ignorância extremista, muito bem aproveitada por sinal pelos políticos corruptos e médicos/empresários desonestos que enriqueceram com a venda superfaturada de cloroquina e outras bobagens afins

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • A

      André

      ± 1 dias

      Manda o link desse estudo aqui pra nós.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Admar Luiz

    ± 1 dias

    O lockdown depois que o vírus se propaga, - transmissão comunitária - prezado, não tem mais eficacia. Isso quem diz foi a experiência, e em todos os países. É fato. Quarentena é pra grupos de riscos e com doenças pré existentes. E mais, como vem vivos no debate da semana passada nesta Gazeta, o kit de medicamentos dado precocemente teria salvo milhares de vida. O dia dia, a experiência no front é que provou isso. O resto é senvergonhice, política ideológica, falta de humanismo e empatia - não do "Bozo", parece que quem estava certo era ele, né? - para com as milhares de vítimas do Covid-19.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • V

      VIVIAN LUCIA ASINELLI MARTYNETZ

      ± 1 minutos

      Pois é , não são capazes de olhar para o estado vizinho de Santa Catarina que faz muito mais tratamento precoce e por isso mesmo fechou muito menos e salvou muito mais! 94 por cento de curados e muito menos mortos ! Agora vem fazer mea culpa para dar uma de boazinha quando na verdade faltou mesmo competência dela e do Sr Prefeito !

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    Nm

    ± 1 dias

    O Sistema de Saude de Curitiba, sempre esteve na UTI, sempre faltou leitos, AS US estão um lixo, (principalmente a do Bacacheri) com buracos no piso). Sempre tem uma estrutura administrativa muito maior que a área fim. Leitos de UTI sempre foram escassos e agora estão usando a Pandemia, para encobrir as mazelas acumuladas de muitos anos.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Antônio Carlos

    ± 1 dias

    Haverá futura autocrítica do colunista? A diferença é enorme entre o fazer / decidir / executar da secretaria e o escrever / refletir do analista. Acho até que ele terá que ser mais rígido consigo do que com ela na futura avaliação.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    CARLOS FELIX

    ± 1 dias

    GRECA BY CIÊNCIA DO MUTRETTA. BAY BAY NOVEMBER 2020 ! ESSA ENFERMEIRA, INTRANSIGENTE SEGUIDORA DAS INCONSTÂNCIAS DAS RECOMENDAÇÕES DA OMS E DOS LOBISTAS LIDE MUTRETTA, SERÁ JULGADA EM BREVE, PELO POVO NAS RUAS. GRECA, TEU DESTINO É SER ORGANIZADOR DAS FESTAS PRIVÊ, OBVIAMENTE NA TUA CHÁCARA.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • W

    WILSON

    ± 1 dias

    A teimosia em não reconhecer a utilidade da Hidroxicloroquina e da Ivermectina é responsável pelo que aconteceu e VAI CONTINUAR ACONTECENDO EM CURITIBA! Esta secretária deveria ter sido substituida há muito tempo !Não existem desculpas para incompetencia e falta de resultados numa guerra !!! O comandante deve ser substituido o mais rápido possível . Infelizmente ainda não podemos substituir o prefeito ,que é o comandante em chefe1 Se é que ele sabe o que quer dizer isso ...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • A

      André Luís Vianna

      ± 1 dias

      Ainda não foi comprovada a eficácia da hidroxicloroquina e da irvemectina!Há "indícios"ainda!E somente agora eles estão disponíveis...Antes,havia "só torcida"(e a torcida poderia estar errada "meesmoo"e ter levado ao uso de substâncias que mais prejudicariam do que ajudariam quando usadas em larga escala em uma população com COVID).E tais medicamentos "ajudam"(se de fato tiverem eficacia),não garantem(vide as mortes de pessoas que mesmo se utilizando precocemente dos Kits Covid,não evoluiram bem)!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • G

    GISELE

    ± 1 dias

    Não é verdade dizer que não fechou nada . Fechou sim , e fechou precipitadamente . Ficaram surfando na onda do Mandetta e não se prepararam para o Covid e o inverno . Deu no que deu . A economia não aguentando mais ficar fechado e sem estrutura de saúde pública . Hoje ainda estão no discurso do “fique em casa “ e vá para o hospital quando estiver sem ar . O mundo está mostrando que este pensamento sempre foi equivocado , mas a secretária ainda não entendeu . Triste realidade

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    Dilbert

    ± 2 dias

    Entrevista com o Dr Anthony Fauci (2/8) -“Sabemos que bons estudos, e por bom estudo, quero dizer um com controle aleatório no qual os dados são confiáveis, nos fornecem dados que mostram que o uso da hidroxicloroquina não é eficaz no tratamento da covid-19. Existem cinco elementos fundamentais que comunicamos de forma consistente e um deles é o uso constante de uma máscara. Os outros são: afastar-se de multidões, manter distância social de pelo menos 1,80 m e o quarto é evitar bares e locais que possam ser fontes de transmissão. O último é manter medidas de higiene, como lavar as mãos com frequência.Se essas cinco recomendações forem praticadas, a curva de contágio poderá ser achatada.”

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • C

      CARLOS FELIX

      ± 1 dias

      Juan Pablo da Cruz: TRANSPORTE COLETIVO E JN DA TV FUNERÁRIA.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • J

      Juan Pablo da Cruz

      ± 1 dias

      Ainda bem que o vírus deixa a gente se aglomerar no supermercado. Ele só não gosta de shopping, igreja, escola, parque, etc

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

Fim dos comentários.