Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Ética, responsabilidade e preservação da natureza
| Foto: freepik.com

Fundada em 2011, a Associação dos Protetores de Áreas Verdes de Curitiba e RM (APAVE) é uma entidade civil sem fins lucrativos, criada por iniciativa de proprietários de áreas verdes, que atua na criação e manutenção de Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPN). O objetivo da associação é conservar as florestas e a biodiversidade, garantindo os serviços ambientais necessários.

Quando a APAVE começou a atuar junto ao Poder Público, a região de Curitiba contava com apenas 3 RPPNs. Em 10 anos de atuação, a articulação da associação conquistou a implementação de diversas melhorias nas políticas públicas e viu o número de RPPNs saltar de 3 para 54 reservas em Curitiba e região metropolitana, o maior número do país. Hoje, a cidade é reconhecida nacionalmente como a Capital Brasileira das RPPNs e os representantes da APAVE esperam atingir o número de 66 reservas criadas até o final de 2021.

A APAVE atua de forma totalmente apartidária junto ao Poder Público, sem fazer distinção entre as gestões municipais ao longo dos anos. Essa atuação promoveu avanços significativos nas Leis Municipais relacionadas às RPPNs. A associação estabelece sua comunicação com o Poder Público de forma transparente, por meio de cartas abertas à sociedade, e declara publicamente suas propostas e posicionamentos, propondo soluções e inovações para as questões ambientais.

Através de rodas de conversa e eventos como os “Dias de Floresta”, a APAVE busca integrar toda a sociedade no desenvolvimento de iniciativas em prol da preservação ambiental. A associação também participa do projeto Sala Verde, do Ministério do Meio Ambiente, e faz questão de divulgar suas iniciativas nas redes sociais.

Em 2021, a APAVE decidiu ampliar seu alcance para todo o estado, passando a se chamar Associação dos Protetores de Áreas Verdes do Paraná e consolidando sua atuação em mais de 280 RPPNs, totalizando mais de 50 mil hectares de natureza preservada.

A associação foi premiada pelo Programa Impulso, do Instituto GRPCOM, na categoria Avaliação e Monitoramento de Impacto pela criação de um Painel de Indicadores das RPPNs Brasileiras.

Quer saber mais sobre cidadania, educação, cultura, responsabilidade social, sustentabilidade e terceiro setor? Acesse nosso site! Acompanhe o Instituto GRPCOM também no Facebook: InstitutoGrpcom e Instagram: instagram.com/institutogrpcom

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]