Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Paixão Nacional e a oportunidade de mudança
| Foto: Kiko Sierich

A maioria dos brasileiros já viu pelo menos um jogo de futebol (ou mais, convenhamos), o esporte faz parte da nossa cultura. São vários os motivos que levam o brasileiro a amar o futebol, a começar pela sua simplicidade – não é preciso muito para fazer um jogo acontecer –, pela garra que é necessária em campo e pelo espírito de equipe: um jogador não é nada sem seu time, não é?

E aí se vão anos de tradição, um casamento entre uma nação e esporte. Não tem como negar, o futebol é uma paixão nacional. E dessa paixão nasceu a Associação Um Chute Para o Futuro, que hoje é uma verdadeira seleção, dando suporte para que muitos campeões, assim como grandes heróis do nosso futebol, fujam de uma realidade desfavorável e possam brilhar nos gramados da vida.

A ONG surgiu em 2005, no bairro de Porto Belo, na cidade de Foz do Iguaçu, oeste do Paraná. Foram o Professor Ronaldo Cléber Cáceres e sua família que, na época, começaram o trabalho com dez crianças. O tempo passou e hoje já são cerca de 240 crianças atendidas.

Através do esporte várias crianças em situação de vulnerabilidade social são resgatadas e recebem a oportunidade de se desenvolverem integralmente. E nesses mais de 14 anos de serviço e apoio à comunidade, o projeto tornou-se referência nacional e ganhou, em 2019, o Prêmio Impulso do Instituto GRPCOM, como melhor Método Estratégico de Seleção de Editais na categoria “captação de recursos”.

Evento de premiação realizado em 2019.
Evento de premiação realizado em 2019.

A estrutura do projeto hoje conta com quadras, piscina, salas de aula, cozinha e, através dessa estrutura, a equipe formada por funcionários e voluntários promove, junto com a comunidade, a inserção social de crianças e adolescentes através do esporte, do lazer, de atividades educacionais, recreativas e culturais, além de rodas de conversas, evitando que os jovens fiquem nas ruas, à mercê do crime e da violação de seus direitos.

Além da premiação, a ONG continua acumulando outras vitórias e realizações, tendo inclusive destaque em programas como o Caldeirão do Huck, no quadro “Um Por Todos, Todos Por Um”. No período de pandemia, as ações foram pontuais; a ONG distribuiu cerca de 20 toneladas de alimentos, dentre outras iniciativas. Você pode contribuir com a “Um Chute Pelo Futuro” através do site www.umchuteparaofuturo.org.br/, e também pode fazer parte do projeto como voluntário.

*Artigo escrito por Alefe Bahls, formado em Comunicação Social, escritor e roteirista, atuante no terceiro setor. Alefe é colaborador voluntário por meio da Freehelper, parceira do blog Giro Sustentável da Gazeta do Povo.

**Quer saber mais sobre cidadania, educação, cultura, responsabilidade social, sustentabilidade e terceiro setor? Acesse nosso site! Acompanhe o Instituto GRPCOM também no Facebook: InstitutoGrpcom e Instagram: instagram.com/institutogrpcom

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]