i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Gustavo Nogy

Foto de perfil de Gustavo Nogy
Ver perfil

Da cidadania à carteirada

  • Gustavo NogyPor Gustavo Nogy
  • 07/07/2020 16:13
Caracala, imperador romano (Pixabay imagens)
Caracala, imperador romano (Pixabay imagens)| Foto:

O antropólogo Roberto DaMatta, no livro Carnavais, Malandros e Heróis..., segue a picada aberta por Sérgio Buarque de Holanda, que caracteriza o brasileiro como um tipo fundamentalmente cordial.

Ainda hoje há confusão sobre o achado buarquiano. Cordialidade, aqui, não deve ser entendida no sentido popular, de afabilidade ou propensão ao tratamento amigável, mas sim no mais próximo do etimológico, cordial, cordis, coração. Passionalidade, sentimentalismo, emoção barata.

O brasileiro acha difícil lidar com a impessoalidade que se espera da vida pública. Os conflitos cívicos, políticos e profissionais são quase sempre entendidos como brigas em família. A crítica é vista como ofensa. A regra nunca é regra, é sempre exceção a meu favor.

Essa disposição se mistura aos preconceitos de classe e à burocracia gorda e ineficiente que nos sobrou do império, num país que, antes de ser republicano, é sobretudo cartorial.

Ora, como nosso Estado não funciona a contento, como as coisas não andam direito, como as instituições não resolvem o nosso problema, o que vale é a indicação, a malandragem, o empurrão, o jeitinho ou, como acontece tantas vezes, a muito conhecida “carteirada”.

Carteirada que é a codificação do ethos brasileiro: “Sabe com quem está falando?!” Do fiscal ao presidente, da dona-de-casa à primeira-dama, todo mundo quer se aproveitar do carimbo, do chicote, do crachá, do parentesco, do dinheiro, do diploma, do porte, para obter licenças ou se livrar de obrigações.

É mais ou menos isso o que se depreende do episódio em que um casal é abordado durante uma fiscalização sanitária, no Rio de Janeiro, e o agente da prefeitura é obrigado a ouvir a frase que resume dez tratados de sociologia: “Cidadão não, engenheiro civil, formado, melhor do que você”.

Ainda que fiscais de prefeitura possam ser inconvenientes e autoritários, e frequentemente o são, a moldura simbólica desse conflito é bastante reveladora: diante de uma regra que deveria ser compreendida como regra, porque havia motivos reais para tanto, reage-se como se se tratasse de questão de foro íntimo.

É também curioso – e sintoma de ignorância – que se contraponha, à condição de cidadão, a profissão de engenheiro civil. Convenhamos, um diploma de engenharia civil nem de longe é coisa de que se orgulhe em voz alta.

Por fim, o ato falho de quem desvaloriza o status de cidadão, nobre desde os gregos e romanos, é ainda mais divertido. De fato, a postura não é mesmo de cidadão, com todas as conotações políticas e éticas do termo.

Na Grécia e em Roma, cidadão era homem livre e tinha direitos políticos assegurados. Quem não era cidadão era escravo, servo, mulher, estrangeiro, bárbaro, gente de segunda-classe. Era, por assim dizer, uma espécie de engenheiro civil.

14 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 14 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • R

    Ricardo Amaral

    ± 18 dias

    "O brasileiro acha difícil lidar com a impessoalidade que se espera da vida pública." Deviam pôr isso em pedra.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • G

    Guilherme Santos

    ± 19 dias

    KKK, Nogy és um provocador. Adora cutucar o limitado intelecto com vara curta.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    Elisabeth pinho

    ± 20 dias

    Esse "Nogyento" não sabe que a casa, ou o apartamento onde mora e que lhe dá segurança foi projetada(o), e construída por um engenheiro civil. BBK.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • H

    Heinz Egon Landgraf

    ± 20 dias

    Enquanto o Brasil não for palco de um levante épico e impiedoso das pessoas comuns contra os privilegiados institucionais, será sempre o país dos burocratas e dos oligarcas.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    JOSÉ IVALDO

    ± 20 dias

    Engenheiro civil está trabalhando não tem tempo pra perder na internet, esta classe que faz o Brasil se desenvolver e é tão escassa e mal tratada, pena que nossas faculdades fabricam em massa sociólogos e advogados que só "burocratizam" essa nação que se desenvolve a passos de lesma.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • J

      JOSÉ IVALDO

      ± 20 dias

      Nossas universidades fabricam em massa jornalistas que só sabem "problematizar" as coisas, mas se der um problema de matemática os sujeitos com seu QI baixo, não resolvem nada.Infelizmente os BURROS são a classe falante.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    SERGIO MOURA

    ± 20 dias

    Tem razão, Gustavo. E nossos líderes alimentam esse segregação, que está clara na CF88, que cria uma casta de indivíduos - políticos eleitos, juízes, procuradores do MP e defensores públicos - que pode fazer o que quiser com nossa liberdade, impunemente. Além disso, a admiração pelo título nobiliárquico está entranhada: onde advogado é chamado de "doutor" e diplomata aposentado de "embaixador"?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Admar Luiz

    ± 20 dias

    Nossa hoje o Nogy vai sofrer de abstinência. Não vai destilar sua raiva - é o que ele mais sabe fazer -para com o "Bozo". Será que le compartilha com aquela ideia do economista/petista A. Schwartsman? Morte ao Bolsonaro! Não, hoje ele resolveu falar do tal engenheiro - repugnante, claro. É vai ver esse engenheiro comunga com as ideias do Schwartsman, né Nogy?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • S

      Sartan

      ± 20 dias

      Só sabe reclamar essa turma , ta ruim falando mal mas quando muda de assunto ficam chorando, ain não vai falar mal do mito?

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    Francisco

    ± 20 dias

    Tem algum texto seu falando da experiência de ter sido discípulo do Olavo de Carvalho?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    Destemido

    ± 20 dias

    Engraçado e eu pensava que jornalista nem era profissão....apesar do fato ocorrido ser de extrema repugnância tanto pelo desacato de uma autoridade quanto como a postura arrogante da pessoa não devemos menosprezar qualquer profissão. Advogado, médico, engenheiro, policial, militar,....todos têm sua importância na sociedade. Quanto aos jornalistas de hoje mais prestam um desserviço ao público do que cumprem sua função social.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    L. Luz

    ± 20 dias

    E que os Engenheiros Civis saibam contextualizar, e não recebam a opinião do articulista como crítica (ou desdém!) a sua nobre profissão...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Carlos Eduardo

    ± 20 dias

    O brasileiro é um dos povos mais egoístas que existem. Somos muito bons para nossos familiarea e amigos. Mas, saiu um pouquinho, cada um que se cuide. Não abrimos mão de conforto (leia-se lazer, festas e outras reuniões) pelo bem de outras pessoas que não conhecemos. Infelizmente, o texto corrobora essa assetiva, quando vemos esse tipo de conportamento, que longe de ser normal, e extremamente comum.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • C

      Carlos Eduardo

      ± 20 dias

      *CoMportamento... que erro ortográfico escandaloso.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]