Deputada Federal Aline Sleutjes (PSL-PR), vice-líder do governo na Câmara.
Deputada Federal Aline Sleutjes (PSL-PR), vice-líder do governo na Câmara.| Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

O Diário Oficial da União desta segunda-feira (30) traz publicada a indicação do presidente Jair Bolsonaro (PSL) de quatro novos vice-líderes na Câmara dos deputados. Entre eles está a paranaense de primeiro mandato, Aline Sleutjes (PSL). Com isso, o Paraná passa a ter dois parlamentares na articulação política do governo, já que, desde março, o deputado Pedro Lupion (DEM) é vice-líder de Bolsonaro no Congresso Nacional.

O nome de Aline Slutjes foi levado ao presidente pelo líder do governo na Câmara, Major Vitor Hugo. Além da paranaense foram indicados Eros Biodini (Pros-MG); Daniel Silveira (PSL-RJ); e Caroline de Toni (PSL-SC). Com isso, o governo passa a ter 13 deputados designados formalmente para a articulação política.

Sobre a indicação, Aline Sleutjes afirmou que “é uma honra reforçar o time dos líderes do governo Bolsonaro na Câmara”. Ela agradeceu pela confiança e prometeu empenho, dedicação e apoio.

LEIA MAIS: Os caciques partidários do Paraná e o uso descontrolado do Fundo Eleitoral

Eleita com 33,6 mil votos – número relativamente baixo para o cargo de deputado federal –, Aline Sleutjes está em seu primeiro mandato em Brasília. Antes disso ela foi vereadora em Castro, na região dos Campos Gerais, e foi chefe de gabinete do deputado estadual Ricardo Arruda (PSL).

A deputada já havia demonstrado ter conseguido se articular com o governo quando, em maio, levou o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, para Ponta Grossa. Na cidade, ele se reuniu com produtores rurais da região e foi simpático ao pedido de extinção do Parque Nacional dos Campos Gerais.  

4 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]