Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Futebol ‘está chato’ e a ‘proibição’ de Alecsandro, do Coritiba, não teve graça
| Foto:

Não estava na coletiva de Alecsandro quando o avante declarou que iria “proibir” os vídeos de bastidores do Coritiba. Mas fui conferir, na live feita pelos colegas da Banda B, e como os que estavam presentes, tive a mesma impressão: em momento algum pareceu uma brincadeira do filho do Lela.

Depois da repercussão da declaração, o atacante foi às redes sociais e afirmou que “não dá para brincar que levam a sério”, que o “futebol está ficando muito chato”, frase que é parente daquela “o mundo tá chato”, comumente usada para escapar de alguma confusão.

LEIA MAIS: Ribamar do Atlético é tão ruim assim? Ainda é cedo, mas marcar gol não é a dele

Eu achei até razoável quando o jogador disse, não exatamente com essas palavras, que o vestiário é um momento de intimidade dos atletas e que algumas coisas ditas por lá podem pegar mal. E, portanto, não deveriam ser divulgadas. Mas, agora, ficou difícil saber o que o avante realmente pensa.

Da minha parte, gosto dos vídeos de bastidores. Mesmo que, na imensa maioria, seja sempre a mesma coisa: imagens do ônibus, da chegada, “um por todos, todos por um, um por todos, todos por um”, o Pai Nosso, lances do jogo e abraços. Claro, e só é publicado quando vence, o que é compreensível.

LEIA MAIS: Grana alta para qualquer um, salário de Júlio César é considerado “simbólico” no futebol

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]