Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Tacacá, uma assinatura oficial da culinária do Pará, é uma das entradas do Menu paraense que o Mukeka começa a servir a parte desta terça. (Fotos/ Divulgação)
Tacacá, uma assinatura oficial da culinária do Pará, é uma das entradas do Menu paraense que o Mukeka começa a servir a parte desta terça. (Fotos/ Divulgação)| Foto:

Pato ao tucupi com jambu, um clássico da cozinha paraense por uma semana no menu especial do Mukeka.

Ivan Lopes decidiu passear pelos sabores da cozinha brasileira. O chef do Mukeka começa, nesta semana, um giro pelos atalhos da gastronomia nacional, com a apresentação de cardápios especiais que tenham a ver com cidades, estados ou regiões, atestando a diversidade de nuanças e temperos desse país-continente.

Para a largada, Lopes escolheu o Pará, que tem sido, ultimamente, fonte de inspiração de muitos chefs e cozinheiros, dentre os quais se pode incluir o espanhol Ferran Adrià, considerado um dos mais criativos das últimas décadas. E começa nesta terça-feira (20) a servir um menu completo com apelos apetitosos lá da Amazônia.

Aliás, nem será a primeira vez. Em 2016, em parceria com a chef Claudia Krauspenhar (hoje proprietária e comandante da cozinha do Vin Bistro), promoveu uma noite especial paraense, depois de ter ido a Belém, para acompanhar o Festival Ver-o-Peso. (Registrei aqui no blog, confira).

A diferença, desta vez, é que não será uma noite só e sim uma semana inteira e mais um pouco de menu especial, se estendendo até o fim de fevereiro, dia 28. O cardápio pode ser servido completo, com seis etapas – a R$ 125 -, mas o cliente também pode optar por escolher apenas um ou outro elemento, pagando o preço estabelecido para cada prato. Começando com duas entradas, um Tacacá, nada mais paraense que isso (R$ 22), e uma Brandade de pirarucu seco e batata chips (R$ 29). Como se sabe – e para quem não sabe fica a informação -, o pirarucu é tido como o bacalhau da Amazônia. Como a brandade é uma das assinaturas do bacalhau, a relação de Ivan Lopes tem tudo a ver.

Caldeirada de filhote com feijão manteiguinha – um dos pratos principais.

Os pratos principais são três, dois de peixe e um de carne. O primeiro a ser servido será a Caldeirada de filhote com feijão manteiguinha (R$ 55). O filhote é considerado por muitos o mais saboroso dentre os peixes amazônicos. É considerado o maior peixe de água doce brasileiro depois do pirarucu, sendo da família dos grandes bagres. Tem a carne suave e de boa consistência. E é um dos favoritos do chef, que, desde os tempos de comandante do Terra Madre, já incluía o filhote na sua ementa.

E aí tem mais um peixe famoso, Tucunaré grelhado com cogumelo, pupunha, quiabo e tapioca no tucupi (R$ 74).  Peixe de carne rosada e suave, o tucunaré tem porte médio, de escamas, e é um dos favoritos da pesca esportiva. E, como sabor, é escolhido favorito entre muita gente especializada.

Mas o jantar paraense do Mukeka não poderia jamais ignorar o prato mais famoso da culinária do Pará, o Pato no tucupi e jambu (R$ 58). Junta os dois elementos mais populares da cozinha de lá, o tucupi (o caldo da mandioca brava, já utilizado ali na entrada, no Tacacá) e o jambu (que é uma planta parecida com o agrião, que marca por dar uma leve dormência nos lábios e nas papilas gustativas ao mastigá-la) – e que agora também vem sendo plantada por aqui – no caso de Ivan Lopes, na horta comunitária do Rio Bonito, onde ele e outros chefs colhem produtos orgânicos para o abastecimento de seus restaurantes.

E aí, para encerrar e adocicar o paladar, a sobremesa: Torta de chocolate com castanha do Pará e gel de cupuaçu (R$ 28).

Para quem conhece a cozinha paraense certamente será uma ótima oportunidade de reencontrar alguns dos tantos sabores daquela região. Para quem não conhece, uma iniciação em uma vertente da cozinha nacional até há pouco tempo restrita aos consumidores locais e que hoje tem destaque internacional.

Tucunaré grelhado com cogumelo, pupunha, quiabo e tapioca no tucupi.

Mukeka Cozinha Brasileira

Rua Machado de Assis, 417 – Juvevê

Fone:(41) 3156-3028

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Entre em contato com o blog:

Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos

E-mail: a-teos@uol.com.br

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]