Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Vinhos Château Lafite Rothschild Premier Grand Cru Classé, anos 1999 e 1996 – no jantar harmonizado do Durski.
Vinhos Château Lafite Rothschild Premier Grand Cru Classé, anos 1999 e 1996 – no jantar harmonizado do Durski.| Foto: Divulgação

Imagine um jantar reunindo alguns dos mais raros e caros vinhos e champagnes do mundo. Isso a harmonizar com pratos também de primeira faixa na gastronomia internacional. Pois vai acontecer daqui a alguns dias, 9 de março, no Restaurante Durski, no valor total de R$ 4.999,00 por pessoa. Sim, isso mesmo, R$ 5 mil para a degustação de cinco etapas de um jantar, harmonizado com sete rótulos (alguns de duas safras) que caberiam no desejo de todos os apreciadores de vinhos da terra.

A divulgação do jantar harmonizado despertou tal interesse, que as 20 vagas (limitadas pela quantidade de vinhos disponíveis) foram esgotadas, com reservas pagas antecipadamente, logo nos primeiros momentos que se tornaram públicas. E, como sempre há quem tenha esperança, ainda há 24 pessoas na fila de espera, aguardando por alguma possível desistência.

A capacidade do restaurante permitiria bem mais lugares, que, se estivessem disponíveis, provavelmente também já estariam preenchidos.

Os vinhos – exceto um deles, da adega do Durski (Château Lafite Rothschild Premier Grand Cru Classé 1996) - são todos importados pela PNR Group e distribuídos pela Rootstock Vinhos, do inglês Paul Tudgay, já radicado por aqui há um bom tempo e organizador do evento (ele já havia feito outro, no ano passado, no restaurante Nomade, que o Bom Gourmet noticiou).

O jantar contará com a presença de Philippe de Nicolay Rothschild, do PNR Group, e será uma oportunidade degustar uma seleção de vinhos do Rothschild Lafite com Philippe e harmonizados com as criações do chef e restaurateur Junior Durski.

Para iniciar, o couvert terá Cesta de pães, manteiga francesa e pasteizinhos de carne e camarão, a harmonizar com as boas-vindas do Barons de Rothschild Champagne Brut.

O salão do Restaurante Durski receberá 20 clientes privilegiados, que pagaram antecipadamente a reserva para o jantar harmonizado.
O salão do Restaurante Durski receberá 20 clientes privilegiados, que pagaram antecipadamente a reserva para o jantar harmonizado. | Foto: Gerson Lima/ Arquivo Gazeta do Povo

O primeiro prato será um Foie gras em sua essência, apenas grelhado e com acabamento especial do chef. Para acompanhar, evidentemente, o melhor companheiro de sempre, um Sauternes: Château Rieussec 2013, Premier Cru Classé.

Em seguida, o primeiro prato de carne, o Tournedo Rossini, acompanhado de purê e legumes. Para escoltar, dois vinhos, até mesmo para permitir comparação entre os presentes: Carruades de Lafite 2005, Pauillac e Château Duhart Milon 2006, Pauillac.

Mais dois vinhos estão reservados para o outro prato, só que daí com garrafas de safras diferentes. Serão o Château L’Évangile (anos) 1998 e 2007 Pomerol e o Château Lafite Rothschild Premier Grand Cru Classé, anos 1996 e 1999. E quem vai receber tal harmonização será a Paleta de cordeiro com spaghetti fresco na manteiga e sálvia.

Para finalizar em grande estilo, Mil folhas, a receber companhia do Château Rieussec 2007, Premier Cru Classé, Sauternes.

Serão, ao todo, 26 garrafas para os 20 comensais, sendo que os vinhos mais antigos só terão dois exemplares cada, cabendo um pouco mais aos demais selecionados.

Rothschild no Brasil

O empresário e importador  francês Philippe de Nicolay Rothschild estará presente ao jantar harmonizado do Durski.
O empresário e importador francês Philippe de Nicolay Rothschild estará presente ao jantar harmonizado do Durski. | Foto: Divulgação

Há 12 anos o empresário francês Philippe de Nicolay Rothschild adotou o Brasil como lar. Herdeiro de uma das mais tradicionais famílias da Europa, com um império que vai de vinícolas a bancos, ele resolveu investir no mercado brasileiro, transformando em business a sua paixão pelos vinhos (despertada com o primeiro gole de Château Lafite 1911, aos 11 anos).

Para tanto, fundou a importadora PNR Group, que, por meio da divisão Monvin, traz, com exclusividade, os vinhos dos Domaines Barons de Rothschild (Lafite) e os Champagnes Barons de Rothschild.

Além dos rótulos produzidos nas vinícolas da família, Philippe vem ampliando o portfólio da empresa com outros importantes produtores no novo e velho mundos. A curadoria é sempre cuidadosa, feita por ele mesmo.

E, também por isso, ele fará questão de estar presente nesse jantar, que, certamente, será marcante e memorável.

Para mais informações e reservas para a lista de espera, o contato é Paul Tudgay (41 99900 3945).

Restaurante Durski

Avenida Jaime Reis, 254 – São Francisco

Fones: (41) 98855-5383 e 30132300

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

Entre em contato com o blog:

Blog anterior: http://anacreonteos.blogspot.com/

Twitter: http://twitter.com/AnacreonDeTeos

E-mail: a-teos@uol.com.br

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]