i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Paraná S.A

Foto de perfil de Paraná S.A
Ver perfil
Privatização

Alvo de disputa acirrada, Repar está à beira do arremate

  • 27/09/2020 08:00
Repar – Refinaria Presidente Getulio Vargas. Refinaria da Petrobras, em Araucaria, Parana.
Repar está sob disputa por três empresas, duas brasileiras e uma chinesa.| Foto: Marcelo Andrade/Arquivo/Gazeta do Povo

A Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar), em Araucária, na região metropolitana de Curitiba, está cada vez mais perto de sua privatização. Os grupos Ultrapar Participações S.A., Raízen S.A. e China Petroleum & Chemical Corporation (Sinopec) avançaram para a chamada fase vinculante, em que as propostas de valores são feitas de fato.

As informações do Paraná no seu WhatsApp

A Petrobras admitiu que duas dessas empresas enviaram propostas próximas de valor. Com isso, a estatal deverá fazer uma nova rodada de envio dos lances, ainda sem data limite oficial – estima-se que essa etapa seja concluída em outubro. A empresa também não divulga quais são esses dois grupos que, ao menos em teoria, estariam mais perto de concretizar o negócio. Fontes ouvidas pela reportagem, no entanto, indicam que a disputa deva ser entre as brasileiras Raízen e Ultrapar.

A brasileira Raízen é a maior produtora de etanol e cana-de-açúcar no país. Ela foi formada da união entre o braço no país da fabricante e distribuidora holandesa de combustíveis Shell e um fundo brasileiro chamado Cosan. Também de origem nacional, a Ultrapar atua nos setor energético e é mais conhecida pelas marcas Ipiranga (dos postos de combustíveis) e Ultragaz. A única estrangeira nessa concorrência, a também bilionária Sinopec atua com produtos químicos e derivados de petróleo, fabricando combustíveis e gás. Chinesa, tem atuação no Brasil desde 2004.

Protagonista

A Repar é a maior refinaria da região Sul. Tem capacidade para processar 208 mil barris por dia – o que corresponde a 12% do refino nacional. O petróleo chega via oleoduto, trazido do porto de São Francisco do Sul, em Santa Catarina. A maior parte é oriunda do pré-sal, mas há uma fatia importada. No parque de refino, o óleo bruto é transformado em diesel, gasolina, querosene de aviação e alguns outros derivados de menor valor. O produto final segue, também por oleoduto, para terminais catarinenses de Guaramirim (na região de Joinville), Itajaí e Biguaçu. No Paraná, é levado por oleoduto para o Porto de Paranaguá. Apenas 15% da produção (principalmente derivados como asfalto, coque e propeno) segue para os clientes por caminhões. De acordo com a Petrobras, esta ampla infraestrutura de oleodutos e facilidade de acesso aos portos tornam o ativo um dos mais atraentes no pacote de vendas.

Mesmo com todos os pontos positivos, o processo de venda sofreu um baque no cronograma. Incluída no primeiro lote de privatizações, a Repar devia ter a sua venda concluída em março deste ano. Uma sequência de guerra comercial internacional, que causou grande instabilidade nos preços do petróleo, e a pandemia do coronavírus fizeram o processo se arrastar por longos meses.

O impasse sobre os cronogramas aumentou o clima de apreensão entre funcionários da empresa e moradores de Araucária. Ela é a principal fonte de arrecadação de Imposto Sobre Circulação de Bens e Serviços (ICMS) da cidade. Corresponde a 80% do que o município gera. Em 2018, o recolhimento resultou em R$ 400 milhões nos cofres do município. Ela é protagonista também na arrecadação do estado: representa mais de 8% do ICMS do Paraná (fica atrás apenas da Copel em geração deste tipo de imposto). Em 2017, isso correspondeu a R$ 2,4 bilhões na renda paranaense, segundo o Tribunal de Contas do estado e da Gestão de Receita Orçamentária.

E há mais dinheiro envolvido. Araucária e Campo Largo (que são cidades vizinhas) recebem royalties da petrolífera como compensação ambiental e social pela circulação do óleo usado no refino. Em 2018, foram R$ 304 mil e R$ 184 mil para cada município, respectivamente. Como a refinaria escoa sua produção por gasodutos para terminais em Santa Catarina, alguns municípios do estado vizinho também têm direito a este dinheiro. Somente São Francisco do Sul, com terminal portuário ligado à Repar, recebeu mais de R$ 32 milhões em royalties em 2018. O levantamento é do Instituto de Estudos Estratégicos de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis Zé Eduardo Dutra (Ineep).

Debate sobre a privatização da Repar

Para a Petrobras e os defensores da privatização, a venda tornaria a empresa mais ágil no mercado do Sudeste, onde pretende concentrar seu refino. Também abriria concorrência em um mercado dominado pela estatal.

Por outro lado, ainda que seja uma hipótese improvável, vozes contrárias à privatização sustentam que a empresa compradora pode reduzir a produção ou até inutilizar a planta em caso de excedente de combustível em outro país. Dessa forma, a empresa importaria o combustível, usando os terminais, os dutos e os tanques (incluídos na privatização) para distribuí-lo no Paraná e em Santa Catarina. A refinaria tem mais de 400 quilômetros destes dutos ligando a indústria a portos e centros de distribuição que abastecem os dois estados. Além de perda de empregos, isso resultaria em quebra na arrecadação de estado e município. Também não geraria os royalties hoje pagos, já que a compensação se dá no local de refino – neste caso, outro país.

8 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 8 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • G

    gg

    ± 4 horas

    O nivel de conhecimento dos comentaristas ilustra bem o nosso destino!!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Afonso Celso Frega Beraldi

    ± 4 horas

    Nao aa Sinopec. Deve ser desclassificada por representar um estado terrorista.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    Lantonio

    ± 6 horas

    Deve estar ultrapassada, tem que privatizar sim. Com a roubalheira na Petrobrás devem ter deixado de investir aqui, alem de que estas refinarias viraram um antro de sindicalistas. Ledo engano que os combustiveis baixarão a carga de impostos continuam absurdamente ALTA, a fome do governo conitnua a mesma de sempre, para nós brasileiros continuamos pagando caro por comsustivel de baixa qualidade, enquanto exportam o supra sumo quase de graça para outros países.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Maquiavel

    ± 18 horas

    Se a Petrobrás é nossa, então porque tenho que pagar tão caro pela gasolina??

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Marcos Ctba

    ± 18 horas

    Vai acabar com a tetas da concorrências dos parças.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    EDUARDO SABEDOTTI BREDA

    ± 22 horas

    O argumento dos contrários à venda é tão absurdo que me pergunto se eles mesmos acreditam em tal sandice.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    Jorge Padilha

    ± 1 dias

    Vocês já viram alguma vez a gasolina baixar logo após a descoberta de um novo poço? EU já acompanho isso à 60 anos ,portanto que vendam logo essa porcaria Que só serve para acomodar cabos eleitorais, e com diz o Grequinha "xô Petrobrás ".

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Maquiavel

    ± 1 dias

    Não sendo para entregar na mão da chinesada comunista, pode privatizar tudo!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]