i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Paraná S.A

Foto de perfil de Paraná S.A
Ver perfil
Tecnologia

Startup conquistou 250 clientes propondo fim de relatórios e papelada

  • PorMariana Ceccon
  • 16/09/2019 09:00
produttivo-startup-curitiba-fundadores
Os dois fundadores do Produttivo, Anderson Andreatta e, à esquerda, Victor Serta.| Foto: divulgação

Não é só apenas ecologicamente insustentável. A burocracia gerada pelos relatórios, fotos e toda a interminável papelada que quem trabalha com inspeção, instalação e manutenção produz, diariamente, é certamente, contra produtivo.  Foi com a proposta de eliminar o papel da vida das equipes de rua e diminuir pela metade o tempo gasto com a gestão desses times, que nasceu a Produttivo, uma startup curitibana de tecnologia.

A ideia de condensar nos celulares todas as ordens de serviço e os relatórios de visita foi tão bem aceita que, em pouco menos de três anos de atuação, a empresa conquistou cerca de 250 clientes em todo território nacional. Seu maior mercado está focado nas empresas de telecomunicações, que mantém nas ruas centenas de equipes. Entre grandes nomes atendidos estão Siemens, Burguer King, a alemã de logística DHL, Nextel e Algar Telecom.

“Sempre houve uma grande demanda de grandes empresas por soluções que automatizassem o serviço em campo, mas que não tinham um setor de tecnologia próprio ou verba para desenvolver isso por si só”, explica o fundador da Produttivo, Victor Serta.

“O impacto é enorme. Isto não só porque facilita o trabalho de quem está em campo, já que é um aplicativo bem intuitivo, mas também para os gestores que conseguem acessar do escritório a localização dos times, dar ordens de serviço sem ficar enviando mensagem ou ligando, podem consultar os resultados da execução do trabalho e os relatórios que são gerados automaticamente”, explica.

Expansão

Com o faturamento triplicando anualmente, as metas da empresa passam por aumentar de 250 para 1 mil clientes a carteira, até 2020. Os empresários receberam, em fevereiro deste ano, um aporte de R$ 1 milhão, do fundo Smart Money Ventures. A verba deve ser utilizada, justamente, para impulsionar a empresa na briga pela liderança nacional do setor de automação de equipes e serviços.

“A nossa aposta para alcançar essa meta é em inovação do nosso produto, trazendo tecnologia IoT [internet das coisas], para não só atuar na gestão das equipes, mas também entrar no ramo de manutenção preventiva", resume Serta.

"O que queremos é prever, através de indicadores e histórico de dados de desempenho, quando os equipamentos podem apresentar problemas”, arremata.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.