i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Polzonoff

Foto de perfil de Polzonoff
Ver perfil

"Para nós, há apenas o tentar. O resto não é da nossa conta". TS Eliot.

Herói improvável, Leandro Hassum vai salvar o seu Natal de 2020

  • 04/12/2020 10:37
Neste ano, em vez de ficar discutindo piadinha adolescente metida a transgressora de fedelho mimado do Leblon, assista a este filme. E estou falando sério.
Neste ano, em vez de ficar discutindo piadinha adolescente metida a transgressora de fedelho mimado do Leblon, assista a este filme. E estou falando sério.| Foto: Reprodução/ Netflix

Todo ano era a mesma coisa: a festança na casa dos parentes, o tiozão do pavê, as brigas de mentirinha, o cunhado pedindo dinheiro emprestado, a decepção com o presente, o caos e o Especial do Roberto Carlos. Só depois, bem depois, é que vieram as querelas políticas e as infindáveis discussões sobre o Especial de Natal do Porta dos Fundos. E a Covid-19, que aparentemente tornou a primeira frase deste parágrafo um caso para a arqueologia.

Sorte a nossa que “Tudo Bem Até o Natal Que Vem”, filme da “franquia Leandro Hassum” que entrou em cartaz no Netflix quinta-feira (3), vai salvar o Natal deste ano para lá de estranho que foi 2020. E não, não estou sendo irônico. Até porque o filme, involuntariamente, funciona como contraponto às estripulias adolescentes pretensamente transgressoras de Greg & Cia. “Tudo bem...” é uma reafirmação de valores natalinos muito caros e necessários. Não só no dia 25 de dezembro.

Um desses valores, por sinal, é justamente o da escolha virtuosa. Ou seria generosa? O simples fato de “Tudo Bem...” estar na mesma plataforma que exibe a macabra discórdia natalina do Porta dos Fundos dá um quentinho no coração. E talvez faça o espectador se perguntar, entre lágrimas, por que tanta gente opta por se irritar com a heresia infantil de uns, quando poderia muito bem estar celebrando valores cristãos (afinal, é Natal!) com outro filme.

Mas Leandro Hassum?!

Celebre, pois. E comece celebrando o caráter mais mundano de “Tudo Bem...”. Isto é, o retrato que ele faz das festas de Natal em família, com as luzinhas e a exaustiva visita ao shopping para as compras de última hora, as perguntas-clichês da tia, o “é pa vê ou pa cumê” do tio, o peru, o salpicão, a rabanada, a mocinha que aparece todos os anos com um namorado diferente, as crianças e seus presentes maravilhosos, o cunhado pedindo dinheiro emprestado. Etc.

Poderia dizer que o Natal de “Tudo Bem...” não tem absolutamente nada de polêmico, de transgressor, de revolucionário. Mas estaria mentindo. É justamente nessa postura insubmissa ao policiamento político-identitário que está o caráter transgressor do filme. E o que torna a comédia deliciosamente melodramática de Hassum necessária. Assista com a sua família.

E, aqui, vou insistir na palavra “escolha”. Lembro que, diante da controvérsia envolvendo Thammy Miranda e o Dia dos Pais, sugeri aos leitores a possibilidade de escolher não entrar na discussão inútil. Para o bem da própria sanidade mental e também do debate público tão contaminado por não-problemas como a transexualidade de uma subcelebridade. Se me permitem, pois, sugiro aqui ao leitor escolher preferir a simplicidade conservadora de “Tudo Bem...” à agressão de "Teocracia em Vertigem". Há de ser libertador.

Ah, mas Leandro Hassum?!, você me pergunta, desconfiado. Entendo as sobrancelhas arqueadas. Hassum está identificado com um tipo de humor físico, não-intelectualizado, baseado em trocadilhos e referências óbvias. E caretas. Esse humor exagerado, para o qual alguns torcem o nariz, mas que bebe em fontes clássicas como Chaplin e Jerry Lewis, sem falar no cearencíssimo Renato Aragão, está na essência de “Tudo Bem...” – que é um filme que pretende reunir velhos e crianças diante da televisão, unidos por uma piada de fácil entendimento qualquer.

Entendo que seja um humor démodé, sobretudo entre a classe média intelectualizada. Quem deixar a afetação de lado, contudo, vai perceber que a interpretação de Hassum, embora constrangedoramente histriônica em alguns momentos, está a serviço de uma ótima história que mistura referências improváveis, como "Dr. Jekyll e Mr Hyde", "O Dia da Marmota", "Pateta no Trânsito" e "Click", para expressar a mensagem de que a vida, apesar de pandemia e política e criminalidade e crise econômica, ainda merece ser vivida virtuosamente, e na plenitude, ao longo de todo o ano – e não apenas no Natal.

Cicatrizes e revezes

Outro aspecto relevante de “Tudo Bem...” é o fato de ele trazer uma história de Natal baseada em três premissas interessantíssimas. A primeira é a de que nem todo herói natalino é bom o ano todo - algo raro num gênero que costuma recorrer a personagens unidimensionais.

Jorge, personagem de Hassum, na verdade é um Babaca Honorário ao longo de 364 dias por ano – e só é aceitável na véspera do Natal. Ele só se importa em trabalhar e, à medida que a história avança, se afasta dos filhos e da mulher, arranjando uma amante e com ela vivendo a “felicidade”. Mas repare que é o outro Jorge, o Jorge bom, apesar de esporádico, que o filme prefere mostrar e exaltar. É o caráter extraordinariamente comum dele, de uma bondade falha, mas palpável, o que salta aos olhos do espectador. É com esse Jorge que nos solidarizamos, ainda que ele só se manifeste num único dia do ano.

O Natal, portanto, se apresenta como uma oportunidade anual de redenção. Um milagre que Jorge insiste em rejeitar. E é aqui que entra a segunda premissa que torna "Tudo Bem..." um filme necessário. Ano após ano, Jorge vê sua vida ruindo, e se percebe num pesadelo kafkiano (outra referência improvável num filme brasileiro com aquele que é comparado, nem sempre positivamente, com Adam Sandler). Parece que Jorge está preso a uma felicidade não genuína (se é que isso existe), a uma felicidade que obedece a certas exigências do nosso tempo.

A terceira premissa foi a que me levou às lágrimas mais abundantes. Porque “Tudo Bem...” opta por subverter o tradicional final feliz para mostrar o que acontece depois que o perdão é concedido e as devidas emendas são feitas. A vida, cheia de cicatrizes, continua. E continua aos solavancos, com revezes que parecem insuportáveis, mas não são.

Crítico de Boina™

Tudo isso culmina na mensagem que um ou outro Crítico de Boina™ dirá que é piegas. E até é mesmo, mas talvez o mundo esteja precisando um pouco dessa pieguice saudável que exalta a família, as amizades, o casamento, o convívio, o perdão (meu Deus! O perdão!) e a redenção. A ideia de que a vida é boa demais para ser vivida no automático, distribuindo infelicidades ao longo do ano só para escondê-las sob os enfeites de Natal, é digna dos melhores filmes do gênero, como “Esqueceram de Mim”.

Já no fim do filme, diz Jorge que "enxergar que a vida é mais do que o que acontece com a gente enquanto trabalhamos e pagamos as contas é o melhor presente que você pode se dar". Eu acrescentaria à frase outras situações que parecem vida, mas não são, e que só geram discórdia, mesmo entre aqueles que dizem se amar ou se admirar ou se tolerar. As discussões estéreis sobre assuntos que parecem urgentes hoje, mas que amanhã se revelarão inúteis; as amizades perdidas por política; e a ambição de querer adaptar toda a complexidade do mundo a sistemas cada vez mais simples – a vida também é mais, muito mais do que isso.

E é muito bom saber que há alguém, ou melhor, alguéns, já que o cinema é uma forma de arte coletiva, que está preocupado em expressar esse óbvio que ulula para aqueles que não se renderam ao catastrofismo, quando não à ingratidão pura, simples e impensada que o filme retrata tão bem.

Neste ano, em vez de sair por aí espumando de raiva só porque um ateuzinho rebelde trintão qualquer fez piada com o Evangelho, aceite o presente e escolha assistir a “Tudo Bem no Natal que Vem”. Só não se esqueça da caixinha de lenços.

22 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 22 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • M

    maryyapaz

    ± 3 horas

    Eu também gostei! Leve e engraçado. O que precisamos para desinfetar a alma nessa hora.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • S

      Simone Pucci de Mattos

      09/12/2020 20:35:56

      tenho ignorado esse filme desde o seu lançamento mas depois dessa crônica genial, terei que assistir!!!1 leva ele pro Quarentena Cult!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • T

        Thais de Melo Queiroz

        09/12/2020 0:24:05

        Graças a você, assisti ao filme. É bom: divertido, emocionante, simples e despretensioso.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • R

          Renata de Paula Xavier Moro

          06/12/2020 1:37:15

          Acabo de assistir. De fato, meio pastelão e até piegas, mas divertido e interessante também. Você tem razão, as pessoas ficam se preocupando demais com coisas sem importância, e levando a sério demais coisas que eram para ser piada, ainda que piada sem graça ou de mau gosto.Coisa de gente mal humorada, mal resolvida e com falta do que fazer.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          • V

            Vinicius

            05/12/2020 21:43:56

            Perfeito! Ótimo filme

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

            • S

              sansão

              05/12/2020 21:12:27

              bolsonoff e leandro hassum depois que emagreceu e resolveu ser tipo intelectual, são uma grande dupla sem a menor graça.

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              • F

                Fernanda Isabel Bitazi

                05/12/2020 16:03:40

                E outra coisa: faz pouco tempo que venho lendo suas crônicas (eu não o conhecia) e parece que vc é uma pessoa bastante crítica, que escreve com uma certa ironia fina. Portanto, o que mais me surpreendeu nesta crônica foi vc ter deixado a ironia mais de lado. Eu diria que vc escreveu com muito lirismo! Muito lindo!!

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

                • F

                  Fernanda Isabel Bitazi

                  05/12/2020 16:03:40

                  E outra coisa: faz pouco tempo que venho lendo suas crônicas (eu não o conhecia) e parece que vc é uma pessoa bastante crítica, que escreve com uma certa ironia fina. Portanto, o que mais me surpreendeu nesta crônica foi vc ter deixado a ironia mais de lado. Eu diria que vc escreveu com muito lirismo! Muito lindo!!

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  • F

                    Fernanda Isabel Bitazi

                    05/12/2020 16:00:04

                    Que bonita essa sua crônica! Eu fui uma que arqueou as sobrancelhas quanto à indicação de um filme com o Leandro Hassum... rsrsrsr... mas sua crônica foi decisiva pra eu ver o filme, porque você tocou em questões muito importantes, como, por exemplo, o valor e o carinho que precisamos manter com aqueles que amamos... Enfim, só a leitura de sua crônica já fez despertar em mim a sensibilidade e a singeleza que estavam guardadas, pedindo para emergir! Um forte abraço!

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                    • M

                      Meg Litton

                      05/12/2020 15:19:33

                      Boa "dica"!

                      Denunciar abuso

                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                      Qual é o problema nesse comentário?

                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                      Confira os Termos de Uso

                      • E

                        Eden Lopes Feldman

                        05/12/2020 13:22:39

                        Gostei da dica, vou assistir. E quanto aos lacradores e os " da privada dos fundos" vamos deixar de dar publicidade para eles, que fiquem com seus "admiradores". Polzonoff sempre bom

                        Denunciar abuso

                        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                        Qual é o problema nesse comentário?

                        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                        Confira os Termos de Uso

                        • N

                          Nm

                          05/12/2020 12:25:54

                          Excelente! vou assistir. Estou cansado de tanta palhaçada sem graça do Porta do Fundos. Melhor seria designarem o grupo como Porta da privada.

                          Denunciar abuso

                          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                          Qual é o problema nesse comentário?

                          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                          Confira os Termos de Uso

                          • C

                            Cético

                            05/12/2020 9:49:29

                            O filme é uma grata surpresa pois jamais imaginaria o Leandro Hassum como alguém capaz de levar o espectador a um sentimento além do riso. Recomendo fortemente, e mais, convide a família e amigos.

                            Denunciar abuso

                            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                            Qual é o problema nesse comentário?

                            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                            Confira os Termos de Uso

                            • E

                              Eduardo Prestes

                              05/12/2020 5:12:02

                              Boa, vou assistir ! Pareceu ótimo, alheio aos esquerdinhas lacradores, ninguém aguenta mais esses malas sem alça.

                              Denunciar abuso

                              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                              Qual é o problema nesse comentário?

                              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                              Confira os Termos de Uso

                              • B

                                Beatriz Pacheco

                                04/12/2020 21:57:17

                                Ótima sugestão! Nada como uma boa pieguice de Natal! Precisamos disso! :)

                                Denunciar abuso

                                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                Qual é o problema nesse comentário?

                                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                Confira os Termos de Uso

                                • M

                                  Marta M S Kogut

                                  04/12/2020 19:59:29

                                  Valeu pela dica! Vou assistir. Ótimo texto.

                                  Denunciar abuso

                                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                  Qual é o problema nesse comentário?

                                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                  Confira os Termos de Uso

                                  • E

                                    Eufrásio Moraes

                                    04/12/2020 19:41:22

                                    Sua escrita é simples e agradável. Parece um bate-papo numa roda de amigos. Grato pela dica!

                                    Denunciar abuso

                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                    Confira os Termos de Uso

                                    • P

                                      Patrick

                                      04/12/2020 18:20:24

                                      Obrigado. Estou precisando.

                                      Denunciar abuso

                                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                      Qual é o problema nesse comentário?

                                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                      Confira os Termos de Uso

                                      • P

                                        Patrick

                                        04/12/2020 18:20:24

                                        Obrigado. Estou precisando.

                                        Denunciar abuso

                                        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                        Qual é o problema nesse comentário?

                                        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                        Confira os Termos de Uso

                                        • J

                                          J. MOACIR

                                          04/12/2020 18:16:56

                                          Muito bom PP ! De certa forma corajoso também . Mas , como num comentário abaixo , faltou o " ALERTA DE SPOILER " ...

                                          Denunciar abuso

                                          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                          Qual é o problema nesse comentário?

                                          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                          Confira os Termos de Uso

                                          • D

                                            DENISSON HONORIO DA SILVA

                                            04/12/2020 18:08:15

                                            Irei assistir com prazer. Aquela raiva que senti vendo Porta dos Fundos será devidamente esquecida. Resumiu muito bem, um esquerdopata que lê um livro na vida, e se orgulha de ser o intelectual mais inteligente do mundo. Aliás, estou sendo injusto. Estes desgraçados lêem mais de um livro, muitos até. Mas doutrinariamente marxista-leninista. Consequentemente temos todo o arcabouço do nosso atraso cultural e educacional.

                                            Denunciar abuso

                                            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                            Qual é o problema nesse comentário?

                                            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                            Confira os Termos de Uso

                                            • L

                                              Leonardo

                                              04/12/2020 17:46:33

                                              Maravilhoso Paulo! Eu sou um dos que viu o filme em cartaz e JAMAIS o assistiria se não fosse essa sua matéria. Mas a motivação do meu comentário te aconselhar a acrescentar o famoso "ALERTA DE SPOILER" no início do texto! rsrs abs!

                                              Denunciar abuso

                                              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                              Qual é o problema nesse comentário?

                                              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                              Confira os Termos de Uso

                                              Fim dos comentários.