i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Ricardo Amorim

Foto de perfil de Ricardo Amorim
Ver perfil
Vozes

A meia entrada, os empresários gananciosos e a ilusão de levar vantagem

  • Ricardo AmorimPor Ricardo Amorim
  • 14/02/2020 16:17
Meia entrada
| Foto: Leticia Akemi/Arquivo/Gazeta do Povo

Recentemente, discutiu-se o eventual fim da chamada meia entrada. A choradeira foi geral. A maioria quer a manutenção da meia entrada... apesar de ela reduzir a oferta de espetáculos, encarecer os ingressos para a maioria e não barateá-los para ninguém.

Ao tornar os ingressos mais caros para muitos, a meia entrada faz com que menos gente possa comprá-los. Por isso, promotores de eventos querem seu fim. Eles ganham menos com a meia entrada não porque vendem mais barato - o que não acontece - mas porque vendem menos.

Coloque-se no lugar deles e fica fácil entender por que. Imagine que você organiza um show para mil pessoas. Realizar o show lhe custa R$ 80 mil reais. Sua experiência lhe ensinou que para vender mil ingressos, o máximo que você poderia cobrar por ingresso seria R$ 100, garantindo um faturamento de R$ 100 mil e um lucro de R$ 20 mil. Como existe a meia entrada, para que os ingressos possam ser vendidos por R$ 100, você sobe o preço da entrada a R$ 200. Assim, a meia entrada sai por R$ 100. Vendendo mil meias entradas, você faturaria R$ 100 mil e teria um lucro de R$ 20 mil.

O problema é que nem todos têm direito à meia entrada. Com menos gente podendo pagar R$ 100 por ingresso, ao invés de vender os mil ingressos, você só vende 500 meias entradas e fatura R$ 50 mil. Além disso, você também vende ingressos ao preço cheio, mas como há menos gente disposta a pagar R$ 200 do que R$ 100 por ingresso, você só vende 200 ingressos a R$ 200, faturando mais R$ 40 mil. Somando R$ 50 mil em vendas com meias entradas e R$ 40 mil com vendas com entradas cheias, seu faturamento totaliza R$90 mil. Resultado? Sem meia entrada, mil pessoas veriam o show, pagando R$ 100 cada e o faturamento do show seria de R$ 100 mil. Com a meia entrada, só 700 pessoas veem o show – 500 pagando meia entrada e 200 pagando a entrada cheia - e o faturamento cai para R$90 mil.

Em resumo, saíram perdendo:
1) o organizador, que fatura e lucra R$ 10 mil menos,
2) as 200 pessoas que pagariam R$ 100 por ingresso e tiveram de pagar R$ 200 para poder ver o show.
3) as 300 pessoas que queriam ver o show por R$ 100, mas não conseguiram por que teriam de pagar R$ 200 para poder vê-lo.

E quem saiu ganhando? Ninguém. Os que pagam meia entrada têm a ilusão de que levaram vantagem porque alguém pagou mais do que eles pelo ingresso, mas eles mesmos pagaram a mesma coisa que pagariam se não existisse a meia entrada.

Para quem o preço do ingresso subiu para R$ 200? Para o trabalhador pobre, que não pode pagar a faculdade ou não conseguiu entrar em uma faculdade gratuita. O estudante com renda pessoal ou familiar mais alta continua pagando R$ 100 por ingresso, assim como aqueles que falsificaram a carteirinha, mas nem eles pagaram menos do que antes, apenas não pagaram mais.

A única razão por que as pessoas apoiam esta ilusão é porque lhe deram o nome de meia entrada. Se ela fosse chamada pelo verdadeiro nome – entrada pelo dobro do preço – ninguém a apoiaria.

Aí, muita gente diz: mas se a meia entrada acabar, o empresário brasileiro – que seria particularmente ganancioso – não vai reduzir o preço. Coloque-se no lugar do empresário ganancioso. Com o fim da meia entrada, sua primeira opção é manter o preço do ingresso a R$ 200 e, além dos 200 ingressos a este preço que você já vendia, vender mais 200 ingressos para algumas das 500 pessoas que antes pagavam meia entrada, totalizando 400 ingressos, R$80 mil em vendas e nenhum lucro. A segunda opção é reduzir o preço para R$ 100, que aliás já era o que você cobrava sem a meia entrada, vender mil ingressos, faturar R$ 100 mil e ter R$ 20 mil de lucro. O que você faria no lugar dele?

Ainda acredita que a meia entrada reduz preços? Então, exija meia entrada para todos. Melhor ainda, exija que todos os ingressos sejam vendidos por 1% do preço para todos. Todos pagarão R$ 100 por ingresso porque este é o preço que maximiza o lucro para quem vende os ingressos, mas o preço marcado no ingresso será R$ 10 mil e você poderá ficar feliz da vida com a ilusão de que só pagou 1% do preço. Problema resolvido.

Ricardo Amorim é autor do bestseller Depois da Tempestade, apresentador do Manhattan Connection, economista mais influente do Brasil segundo a Forbes e Influenciador nº1 no LinkedIn. Esta coluna é mensal.

32 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 32 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • A

    Alexandre Gouvea Santos

    ± 16 horas

    Não precisa mudar lei nenhuma para se conseguir o efeito desejado pelo colunista. Basta os empresários oferecerem meia-entrada para todos, sem restrição. Sem necessidade de carteirinha alguma. Pronto, a mágica estará feita e todos ficarão felizes. Menos a UNE.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    Diogo

    ± 18 horas

    Espertão marxista! Isso! Organize um Show E cobre tudo baratinho! Que todos possam pagar! Prove aos empresários gananciosos que o mundo é lindo! Paz e amor! Nós iremos adorar!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    Fernando Colli

    ± 19 horas

    Urge revermos todos os privilégios, TODOS, pois acabam com o desenvolvimento econômico, O Brasil é o país dos privilégios

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Correa

    ± 23 horas

    Meia entrada é cortesia com o chapéu alheio, só isso.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Sergio

    ± 1 dias

    É só dizer: “ acabamos com a inteira, meia pra todo mundo!” Aí ninguém reclamaria.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Rocha Dias

    ± 1 dias

    Meia entrada é passagens de graça. Alguém vai pagar por isso!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Argenta

    ± 1 dias

    Sempre achei uma injustiça a meia entrada. Não existe almoço de graça. Para você conseguir pagar a metade do preço, alguém vai ter que pagar a outra metade para você. Tem que acabar mesmo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Roberto Garcia

    ± 1 dias

    Não é atoa que o brasileiro é um dos piores em matemática. E lógica. Acha que existe almoço grátis. Acha que as empresas devem doar algo e então não será embutido nos preços, por pura “ maldade” do empresário. Tem dificuldade de entender o mundo em que vive.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • R

      Roberto Garcia

      ± 1 dias

      ...mas é repassado nos prêcos por pura “maldade”...

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • G

    Gustavo t de andrade

    ± 2 dias

    Todo show é obrigado por lei a contatar segurança privada...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • W

    WILSON ZETI

    ± 2 dias

    Perfeito.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Alan Z

    ± 2 dias

    Fato, o organizador do show nunca sai perdendo, caso contrário de nada valeria o esforço de organizá-lo. Aquilo que por lei ele é obrigado a baixar é compensado em outro lugar, no caso, o ingresso inteiro. Alguém sempre estará pagando esta conta e certamente não é o organizador. Mania de brasileiro achar que o almoço tem que ser sempre grátis

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • O

    Oliveira

    ± 2 dias

    Meu deus, q susto. Pensei q a Gazeta tinha contratado mais um soça pra fazer par com o Pondé. Mas foi só susto mesmo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • O

      Oliveira

      ± 1 dias

      Vitor Chvidchenko: Dá uma olhada em dois artigos recentes dele publicados aqui: Marx tinha razão e China e o fetiche da democracia.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • V

      Vitor Chvidchenko

      ± 2 dias

      Pondé socialista? Está maluco?

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Suzana Marly da Costa Magalhães

    ± 2 dias

    Espero que a abstração do cálculo econômica de maximização de lucros dos ingressos de shows encontre respaldo no na realidade brasileira - pouco afeita à racionalidade, inclusive a econômica.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    Nícolas

    ± 2 dias

    Daqueles momentos em que se precisa desenhar para os outros... São essas distorções, associadas à falta de educação financeira, que acabam com a "justiça de mercado". Enquanto houver alguém pagando, os preços continuarão a ser exorbitantes, enquanto isso, as distorções não nos permitem ter ideia do valor real das coisas para medirmos com a "nossa régua" (que só valem aquilo que estamos dispostos a pagar...).

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Stela Jacomel de Aguiar

    ± 2 dias

    E no Rio de Janeiro)não sei em outras cidades) que professores da Rede Pública também tem direito à “meia-entrada”? O cidadão comum acaba sempre se sentindo o palhaço da história...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Salvador

    ± 2 dias

    Esta excrescência da meia entrada, é populista e irracional, típico estado fazendo média em cima de "estudantes" e idosos. Mas vai mexer numa cretinice destas e a gritaria da esquerda, da UNE da politicalha, do Congresso, da ***, vai ser avassaladora, não sai nunca a revogação desta excrescência.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • B

    Bruno Ferreira de Lima

    ± 2 dias

    Péssima logica. Trabalhando apenas com axismos. Com a meia entrada o cara consome mais lá dentro. Não justifica do porque shows de cantores brasileiros serem mais caros que internacionais. O fato é que empresário brasileiro eh ganancioso e explorador. Acho brabo se acabar com a meia entrada, eles baixarão o preço. Aqui no Brasil é tudo caro e qualidade baixa. Ficam reclamando de barriga cheia. Se eu fosse governador proibia a PM de prestar segurança a eventos privados e forçaria eles a pagarem uma empresa de segurança privada. Empresário brasileiro se posa de rico, mas fica reclamando que nem pobre. Se baixassem mais os preços dos eventos, mais gente viria.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • E

      Eduardo Prestes

      ± 1 dias

      Ué, se você sabe tudo de shows, porque não promove algum ? Tente fazer algo útil para variar e depois conta aqui para a gente se é fácil...

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • S

      Salvador

      ± 2 dias

      Antes de dar palpite furado vá aprender gramática. E seu conhecimento de economia e de negócios é pior que sua gramática.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Salvador

    ± 2 dias

    Esta excrescência da meia entrada, é populista e irracional, típico estado fazendo média em cima de "estudantes" e idosos. Mas vai mexer numa cretinice destas e a gritaria da esquerda, da UNE da politicalha, do Congresso, da ***, vai ser avassaladora, não sai nunca a revogação desta excrescência.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    Eduardo Carvalho

    ± 2 dias

    Lógica pura. Os tralhas nunca irão aceitar isto. É questão de orgulho para eles.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    Luiz carlos bittencourt

    ± 2 dias

    O capitalismo pressupõe o lucro, sem o qual não existem iniciativas de investimento ... vejam a Venezuela ... imagine se a legislação criasse o "meio preço" pra tudo o que você compra no super-mercado, com uma carteirinha pra quem "não pode pagar o preço integral" ... o que você acha que iria acontecer ??

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Admar Luiz

    ± 2 dias

    É isso, é o beabá de economia. Como se diz por aí: Não existe almoço grátis". Mas explique isso pra algum esquerdista com sua cachola deformada, hein?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    Eduardo Prestes

    ± 2 dias

    Matemática básica para esquerdistas, que acham que fazer contas é coisa da direita: o custo do ingresso é fruto dos custos do cachê do artista, locação do local e salários da equipe. Nenhum artista cobra meio cachê, ou seja, tanto faz como você denomina o ingresso, se “meia-entrada” ou “inteira”. Os custos precisam ser cobertas com a venda de X cadeiras, a um preço Y. A conta é sempre essa....

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    Eduardo Prestes

    ± 2 dias

    Eu nunca pago inteira em show, se tenho que pagar o dobro dos outros, simplesmente não vou. Cinema até pago, por ser barato. Agora show só vou se há o chamado “ingresso solidário”, onde você entrega 1 kg de alimento a paga meia-entrada. Fora isso, prefiro ir a um bom restaurante, um barzinho com música ao vivo, ou vejo um Netflix em casa mesmo. Gasto meu dinheiro em outro lugar, já que inventaram essa lei absurda que me obriga a pagar o valor dobrado. Opções para gastar bem o dinheiro não faltam...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    PAULO C.P.

    ± 2 dias

    Há há há discursinho furreca. Conversa pra boi dormir. Um bom show dá lucro sempre. O fim da meia entrada não se refletiria nos preços que continuariam os mesmos. SIMPLES ASSIM.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • W

      WMVIEIRA

      ± 2 dias

      Não entende pq te mente esquerdista.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • E

      Eduardo Prestes

      ± 2 dias

      Você não entende nada de mercado e concorrência.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • W

    WFSC

    ± 3 dias

    Sad but true Na terra da malandragem, o bom é levar vantagem Quando mais cedo aprendermos que não tem almoço grátis, mais cedo seremos um país sério

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]