i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Roger Pereira

Foto de perfil de Roger Pereira
Ver perfil

A política do Paraná em primeiro plano

Coronavírus

Curitiba tem disparada de casos de coronavírus e bandeira “invade” cenário eleitoral

  • 13/11/2020 22:05
Combate ao coronavírus: higienização de ambulância em Curitiba.
Combate ao coronavírus: higienização de ambulância em Curitiba.| Foto: Valdecir Galor/SMCS

Curitiba registrou, nesta sexta-feira, 13, o segundo maior número de novos casos de Covid-19 em um único dia desde o início da pandemia causada pelo novo coronavírus, em março. Foram 749 novos casos apenas nesta sexta-feira. A média móvel de casos novos diários para os últimos sete dias está em 529, o maior número desde 7 de agosto, quando esse índice começou a cair, chegando a 237 em 19 de outubro. Apesar disso, a prefeitura municipal de Curitiba manteve a cidade sob bandeira amarela, mantendo no patamar mais brando as medidas de restrição para prevenção de novos contágios. E a decisão transformou-se em debate político.

Circulou, nesta sexta-feira, nas redes sociais, documento falso, simulando um ofício da Secretaria Municipal de Saúde que comunicava o início da bandeira laranja, com maiores restrições para o funcionamento do comércio, após a eleição de domingo. A prefeitura desmentiu o ofício e o prefeito Rafael Greca (DEM) foi ainda mais radical, descartando a possibilidade de revisão da bandeira nas próximas semanas.

“Não haverá lockdown em Curitiba depois da eleição. E, enquanto a taxa de infecção por 100 mil habitantes mantiver-se neste patamar, ficaremos em bandeira amarela. Nós aprendemos muito com a pandemia. Aprendemos, inclusive, que foi muito acertado nós não termos feito o lockdown. Nunca nós fizemos o lockdown. A turma das universidades que quis se contrapor ao Bolsonaro e lançou, em 15 de março a # fecha tudo. Nossas infectologistas nunca quiseram fechar tudo”, disse o prefeito, em entrevista à Gazeta do Povo. “Eu peço a responsabilidade de todos que ensinem o povo a usar máquina, a manter dois metros de distância, a lavar as mãos, a manter os ambientes arejados e a não abusar. Se houver educação, não haverá infecção, como no Japão”.

As declarações do prefeito colocam pressão sobre a Secretaria Municipal de Saúde, uma vez que a alteração da bandeira é definida com base em nove critérios objetivos, analisados toda sexta-feira pela equipe da saúde, que avalia a incidência e a mortalidade da doença, a ocupação de leitos hospitalares e a capacidade da rede de saúde em responder a um eventual aumento de casos na semana seguinte.

A prefeitura não divulgou, nesta sexta-feira, o painel com os índices da semana, mas publicou texto com declarações do diretor do Centro de Epidemiologia da Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba, Alcides de Oliveira, explicando por que, apesar do recorde de casos, a bandeira não foi alterada. Número de casos, isoladamente, não é o suficiente para impactar numa mudança de bandeira, pois é o único dos nove indicadores do painel que está em vermelho até agora”, declarou. "Os outros de maior peso, como número de óbitos e ocupação de leitos, seguem estáveis”, complementou.

Para Oliveira, “só uma explosão de casos, num patamar acima de mil por dia, pode levar a uma mudança de bandeira”.

No comparativo com a semana anterior, quesito que baseia o painel de monitoramento que define a bandeira, o número total de casos subiu de 2.663 para 3.704. A incidência, na semana foi de 191,6 casos por 100 mil habitantes, ante 127,4 da semana passada. A mortalidade subiu de 1,91 por 100 mil para 2,11 por 100 mil habitantes. Já a ocupação de leitos de UTI sofreu redução: Na última semana, 221 dos 283 leitos destinados para Covid-19 estavam ocupados, nesta sexta-feira, 216.

8 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 8 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • M

    MARCELO JOSÉ TULESKI

    ± 3 horas

    Cada um fazendo sua parte seria o suficiente: máscara, higiene, não tocar o rosto, não organizar encontros , ir sozinho ao mercado/shopping. Vai ao restaurante, tira máscara só para comer, uma família por mesa. Nada de encher a academia....o que custa seguir tais precauções???

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • M

      MAURICIO

      ± 3 horas

      Bando de **** . A nossa política é podre. Sou contra o fecha tudo mas liberado como está e o povo não respeitando as regras não terá outra saída pois vai ter uma explosão de casos e internações e isto antes do inverno. Vamos torcer para que não mas torcida não resolve o problema.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • C

        carlos

        ± 7 horas

        maldito seja bolsonaro e seus filhos parasitas

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • S

          Salo

          ± 9 horas

          Quem define as medidas é a situação da pandemia. Se sair do controle, tem que fechar tudo. Se os governsntes se omitirem devem ser responsabilizados. Dai, temos que fazer nossa parte, pois o problema é sério. Ou alguém quer correr o risco de ter o covid e morrer ou ficar com sequelas?

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          • F

            F.Neto

            ± 9 horas

            Segunda-feira é bandeira laranja. E com razão. O que não faz sentido é abrir locais de aglomeração, como bares, e manter as escolas fechadas. A molecada sai pra azarar e a criançada é que paga o pato.

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

            • N

              Neanderthal

              ± 9 horas

              Com certeza vai voltar a bandeira vermelha coitado do povo os políticos se aproveitaram das eleições ! O povo q sofre com estas medidas sem planejamento e necessidades

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              • M

                MARIZA DIOGO COUTINHO

                ± 12 horas

                Por favor Gazeta, dispensem o uso de fotos típicas da imprensa de necroterio em seus artigos. O assunto é serio mas fotos como essas só servem para gerar terror.

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

                • L

                  Luzalvo

                  ± 13 horas

                  Ahãm. Depois vem a Maria Fecha-Parque fechando tudo e perseguindo comerciantes e o hipócrita dissimulado do prefeito aparece chorando nas redes sociais dizendo "que não queria fechar Curitiba". Farto de político mentiroso que não vale nada, pois amanhã vou estar com sintomas de covid e não vou votar em NENHUM desse bando de cana-lha.s.

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  Fim dos comentários.