Automóveis

Fechar
PUBLICIDADE

Mercado

Carros populares mais baratos do mundo

Tata Nano - R$ 6.144 (US$ 3.056): Em 2008, a indiana Tata Motors lançou o carro mais barato do mundo: o Nano, com preço sugerido de US$ 2.500 (cerca de R$ 5 mil). Esse título é mantido até hoje, com um pequeno reajuste no valor. O modelo chegou a ser bastante criticado pelo nível de segurança, mas foi aprovado em teste de colisão europeu e já é vendido no Velho Continente. O motor 0.6 litro de 33 cv leva o microcarro a 110 km/h de velocidade máxima. Apesar da pequena capacidade do tanque de combustível (15 litros), o consumo médio (combinando cidade e estrada) anunciado pela fabricante é de 22 km/l. |
Tata Nano - R$ 6.144 (US$ 3.056): Em 2008, a indiana Tata Motors lançou o carro mais barato do mundo: o Nano, com preço sugerido de US$ 2.500 (cerca de R$ 5 mil). Esse título é mantido até hoje, com um pequeno reajuste no valor. O modelo chegou a ser bastante criticado pelo nível de segurança, mas foi aprovado em teste de colisão europeu e já é vendido no Velho Continente. O motor 0.6 litro de 33 cv leva o microcarro a 110 km/h de velocidade máxima. Apesar da pequena capacidade do tanque de combustível (15 litros), o consumo médio (combinando cidade e estrada) anunciado pela fabricante é de 22 km/l.
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

Carros populares mais baratos do mundo

Dá para chamar um carro de popular com preços que giram entre R$ 22 mil e R$ 28 mil? Bom, no Brasil assim são conhecidos os modelos situados nessa faixa de tabela. Talvez a denominação seja mais apropriada se considerarmos a escassa oferta de equipamentos de conforto e segurança em nossos modelos de entrada. Mas, há países no mundo onde o “veículo popular” faz jus ao valor pago – a maioria de origem indiana e chinesa. Sair da concessionária desembolsando apenas R$ 6 mil por um carro novo ainda está longe de ocorrer por aqui, mas lá fora é uma realidade. Conheça os dez modelos mais baratos do mundo, segundo levantamento do site The Richest. Todos abaixo dos R$ 20 mil e quatro deles vendidos também no mercado nacional, porém com o preço onerado pelo “Custo Brasil”

Populares

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Automóveis

PUBLICIDADE
Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais