Blogs

Fechar
PUBLICIDADE

Conexão Brasília

Enviado por André Gonçalves, 19/02/15 9:35:26 PM

Auxílio-moradia do TC é tão revoltante quanto história do mendigo que morava no lixo do tribunal

11009001_806799829392105_591869002_n

Há 18 meses, Curitiba ficou perplexa com uma história revelada pelo repórter Douglas Santucci, da Rádio Bandnews. O jornalista encontrou um mendigo que morava há seis meses dentro de uma lata de lixo do Tribunal de Contas do Paraná, no coração do Centro Cívico.

A casa de Renato da Silva, de 40 anos, ficava bem perto dos palácios Iguaçu, do governo do estado, e 29 de Março, da prefeitura de Curitiba. O mendigo falou em entrevista que já estava adaptado à vida no contêiner: o cheiro não incomodava e os lixeiros não levavam suas coisas porque o conheciam.

Não tenho notícias sobre o paradeiro de Renato da Silva. Segundo o leitor Thiago da Cunha Medeiros, ele ainda mora lá.

Mas a informação fresquinha do dia também tem a ver com uma questão habitacional… Hoje o TC decidiu conceder auxílio-moradia para seus conselheiros, auditores e procuradores. Vinte pessoas serão beneficiadas com um acréscimo de R$ 4.377,74 nos vencimentos.

Renato e muito provavelmente você, que está lendo este texto agora, não fazem parte desta lista. Morariam, porém, em um lugar bem melhor que uma lixeira com uma ajudinha desse gênero.

Este é um espaço público de debate de idéias. A Gazeta do Povo não se responsabiliza pelos artigos e comentários aqui colocados pelos autores e usuários do blog. O conteúdo das mensagens é de única e exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.
Buscar no blog
Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais