Blogs

Fechar
PUBLICIDADE

Giro Sustentável

Enviado por InstitutoGRPCOM, 03/03/16 3:40:12 PM

Filtro. Viva a arte de selecionar

(Imagem: freepik)

(Imagem: freepik)

Antes de começar a leitura, por favor, filtre!

Seu tempo é precioso, se o tema não é realmente relevante para você, pare agora.

Sua mente é preciosa, se o tema não é realmente relevante para você, pare agora.

Mas se você também está sentindo cada vez mais a necessidade de estabelecer filtros em sua vida, vamos em frente.

Não é novidade para ninguém que estamos vivendo um bombardeio de informações. A era digital nos colocou em um estilo de vida que a cada segundo temos acesso a alguma informação nova. Músicas, propagandas, artigos, matérias, fotos, e-mails, compromissos na agenda, senhas, mensagens, podcasts…e por aí podemos mencionar uma infinidade de coisas.

A questão é que o volume de coisas em nossa vida aumentou, mas o nosso tempo continua o mesmo. Aliás, temos a sensação de que os dias são mais curtos, as semanas passam mais rápidas e o mês acaba sem a gente nem perceber.

Essa é a realidade, mais coisas, mais opções para menos tempo.

Como é possível lermos todos os textos interessantes da nossa timeline, assistir todos os lançamentos do Netflix, apreciar todos os artigos que sua equipe compartilha, rir de todas as piadas dos grupos de WhatsApp, curtir todas as fotos da viagem do seu melhor amigo pra Paris, ou do nascimento do seu afilhado. Como confirmar presença em todos os eventos, estar ligado em todas as reuniões de trabalho, ir a todos os happy hours, degustar os lançamentos daquela vinícola que você ama…?! Como olhar com calma a nova coleção de roupas da marca que é a sua queridinha, responder todas as mensagens de aniversário, ir a todas as festas da escola da sobrinha, entregar todos os projetos, responder todos os e-mails, preencher todas as planilhas, ler todas as revistas e assistir todos os dias o jornal das 8h? Como prestar atenção naquele outdoor que está todo dia no seu caminho, como provar todas as delícias do novo cardápio? Como colocar em prática todos os projetos dos sonhos e ainda conhecer os países mais charmosos da Europa? Como ouvir aquela banda nova e o videoclipe que lançou semana passada que um amigo te indicou? Como visitar aquele circuito de restaurantes fantásticos e ainda ir a pracinha que revitalizaram na esquina de casa há 2, não, 3 meses…? Meu Deus, a pracinha nem existe mais e os melhores restaurantes já fecharam!

E por aí vamos em uma onda frenética de querermos fazer tudo e não fazer nada. A vida nos bombardeia de opções e com isso vamos perdendo cada vez mais a nossa capacidade de filtrar.

Queremos abraçar o mundo, as oportunidades e as pessoas, mas nosso abraço não pode ser tão gigante assim. Vale muito mais a pena um abraço caloroso e confortante do que um frio e distante.

O dizer não é uma arte. E toda arte é um aprendizado. Filtrar requer acima de tudo autoconhecimento, é preciso saber o que te faz bem, o que realmente é interessante para você e para sua vida e aonde você quer chegar.

Já dizia a nossa boa e velha raposa, quando não sabemos para onde queremos ir, qualquer caminho serve. E, assim, acabamos seguindo todos os caminhos, mas não seguimos nenhum.

Filtrar requer a sabedoria de fazer escolhas, e escolhas muitas vezes são doloridas e cruéis. Será preciso dizer não para muitas coisas em prol de um sim!

Se você quer ver muito aquele lançamento do cinema, tudo bem, a planilha do trabalho pode ficar para amanhã. O curso de dança de salão é um sonho, mas o inglês é uma necessidade, a dança pode esperar. Os almoços são importantes, mas a quentinha até vai cair bem naquelas duas horas preciosas que você pode usar para finalmente colocar no papel aquele projeto pessoal. Você pode pular o happy de hoje para terminar aquele livro que está amando e depois assistir ao filme antigo que vai passar no corujão. O jantar com o namorado pode ficar para amanhã, afinal é a última apresentação de balé da sua sobrinha.

Sim, algumas coisas podem ficar para amanhã, ou podem até ficar de lado para sempre. Só o que não pode ficar para amanhã é você, são as suas reais vontades, seus sonhos e seus desejos.

O dia em que você se conhecer de verdade, vai saber olhar para dentro de si e saber o que realmente importa. E quando você tiver esse autoconhecimento, talvez aprenda a dizer não sem sofrer. É preciso saber priorizar, abdicar e fazer escolhas.

Afinal, vale muito mais você inteiro em um momento, do que pela metade em vários.

*Artigo escrito por Camila Fraresso, colaboradora da Gazeta do Povo e parceira voluntária do Instituto GRPCOM no blog Giro Sustentável. Conheça outros textos da autora em: cafraresso.blogspot.com.br

**Quer saber mais sobre cidadania, educação, cultura, responsabilidade social, sustentabilidade e terceiro setor? Acesse nosso site! Acompanhe o Instituto GRPCOM também no Facebook: InstitutoGrpcom, Twitter: @InstitutoGRPCOM e Instagram: instagram.com/institutogrpcom

Este é um espaço público de debate de idéias. A Gazeta do Povo não se responsabiliza pelos artigos e comentários aqui colocados pelos autores e usuários do blog. O conteúdo das mensagens é de única e exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.
Buscar no blog
Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais