Vivendo da arte - 9 dicas para cuidar da voz - Palpite de Alice
Caro usuário, por favor clique aqui e refaça seu login para aproveitar uma navegação ainda melhor em nosso portal. FECHAR
Blog Palpite de Alice

Vivendo da arte – 9 dicas para cuidar da voz

Nas mais diversas profissões, ferramentas são utilizadas para executar os trabalhos. Porém, quando se trabalha com a voz, seu próprio corpo é o instrumento e, por isso, se torna imprescindível o cuidado com a saúde vocal. Neste texto irei compartilhar o que aprendi nesta área.

Visual Hunt

 

1. ÁGUA, SEMPRE
Para uma boa saúde vocal é importantíssimo beber muita água, não somente quando está utilizando a voz, mas diariamente. Tornando beber água um hábito, você melhora a saúde vocal e do corpo inteiro.

2. EVITE LEITE E DERIVADOS
No momento em que utilizar a voz profissionalmente, é interessante evitar alimentos e bebidas com leite e derivados. O leite produz muco ao ser ingerido, ou seja, aumenta a quantidade e viscosidade da saliva, sujando a voz e atrapalhando a emissão do som.

3. MAÇÃS LIBERADAS
As maçãs possuem ação adstringente, ou seja, “limpam” a voz. Ela torna a saliva mais rala, melhorando a qualidade do som e a articulação das palavras. Uma boa ideia é comer uma maçã quando precisar reduzir a quantidade de saliva na boca, como por exemplo, quando consumimos leite e derivados.

4. SONO, UM SANTO REMÉDIO
Tão importante quanto a água, é uma noite bem dormida. Dormir bem é um remédio natural para a voz. Passar a noite acordado pode ser perigosíssimo para a saúde vocal.

5. FUJA DE LOCAIS BARULHENTOS
Um dia antes da utilização da voz, é preciso evitar ambientes barulhentos. Ao precisar falar alto ou gritar, haverá muito desgaste vocal e a qualidade de emissão do som será prejudicada.

6. NEBULIZAÇÃO FAZ BEM
Os nebulizadores são utilizados no tratamento de inflamações do sistema respiratório, mas também podem ajudar muito na hidratação das pregas vocais. Com soro fisiológico, o nebulizador consegue hidratar diretamente as pregas vocais de forma mais rápida e eficiente do que a água quando ingerida.

7. FUJA DO PRÓPOLIS E DO GENGIBRE
Muitos acreditam que o própolis e o gengibre são ótimos para a voz. Mas não é verdade. Por serem anestésicos, passam a falsa impressão de melhora vocal mas mascaram o esforço e o desgaste, trazendo o risco de agravar lesões nas pregas vocais.

8. DESLIGUE O AR CONDICIONADO
O grande problema do ar condicionado não é a baixa temperatura. Independente de ser calor ou frio, o ar condicionado retira a umidade do ar, ressecando o aparelho fonador.

9. FAÇA AQUECIMENTO VOCAL
Antes de cantar ou mesmo de falar por muito tempo, é necessário aquecer a voz. O aquecimento melhora a qualidade vocal e prepara o corpo para a emissão sonora. Na internet há várias ideias de exercícios mas o ideal é consultar um fonoaudiólogo para montar uma sequência de exercícios personalizada, focando nas dificuldades individuais.

Siga as dicas e lembre-se: seu corpo é seu instrumento.
Não dá para ir na loja comprar um novo!

Por Karen Giraldi