Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Caro usuário, por favor clique aqui e refaça seu login para aproveitar uma navegação ainda melhor em nosso portal. FECHAR
PUBLICIDADE

leilão virtual

Receita Federal leiloa celulares, computadores, câmeras e outros objetos apreendidos no Galeão

Leilão acontece em maior e terá lotes com smartphones, câmeras e computadores a preços abaixo dos de mercado

  • Infomoney
iPhone 6 Plus está no leilão. | William Hook/Flickr
iPhone 6 Plus está no leilão. William Hook/Flickr
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

A Receita Federal vai leiloar no dia 3 de maio, às 10h30, 41 lotes de produtos apreendidos no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro, o Galeão. Entre os objetos estão celulares, computadores, relógios, roupas, câmeras fotográficas e também peças para automóveis.

O leilão é aberto tanto pessoas físicas quanto jurídicas. Para participar, os interessados deverão obter um certificado digital através do site da Receita para acessar o portal e-CAC (Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte) para ter acesso ao Sistema de Leilão Eletrônico (SLE).

No caso de pessoas físicas, podem participar somente as que estiverem com CPF regularizado.

LEIA TAMBÉM:As 10 marcas mais influentes entre os brasileiros

É possível agendar visitas para ambos os depósitos onde as mercadorias estão guardadas entre os dias 24 e 27 de abril anteriores ao leilão. Os lotes de 1 a 33 estão armazenados no TECA – Terminal de Cargas, Setor de Perdimento (Ponta do Galeão s/n° - Ilha do Governador – RJ) e os de número 33 a 41 no Depósito dos Correios, no mesmo endereço.

Os horários de visita são, para os lotes de 1-33, das 9h30 às 11h30 e das 13h às 16h. Para os demais, das 9h às 14h. Os telefones para agendar a visita são (21) 3398-6309 e (21) 3398-7082, respectivamente.

Haverá apenas um lote para pessoas físicas, de R$ 800, composto por um iPhone 6 Plus (16 GB) e uma GoPro Hero 4 Silver. Veja este e os demais lotes do leilão nesta página.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Economia

PUBLICIDADE