Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

Ensino superior

Resultado do vestibular da UFPR sai em 15 de janeiro

  • Marcela Campos
Candidatos foram recepcionados com  palmas no Centro Politécnico da UFPR. | Henry Milleo/Gazeta do Povo
Candidatos foram recepcionados com palmas no Centro Politécnico da UFPR. Henry Milleo/Gazeta do Povo
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

O segundo dia de provas da segunda fase do vestibular da Universidade Federal do Paraná (UFPR), realizado nesta segunda-feira (7), teve 5,30% de ausentes (457 candidatos), do total de 8.622 estudantes que foram convocados. No primeiro dia, no domingo (6), a abstenção foi de 4,28%. Para comemorar a aprovação no processo seletivo, os candidatos terão de aguardar até o dia 15 de janeiro, quando os nomes dos próximos calouros serão divulgados pelo Núcleo de Concursos da instituição.

Nesta segunda, os portões foram fechados às 13h30 e os exames começaram às 14 horas. Candidato a uma das 116 vagas do curso de Engenharia Civil, Fabiano Avelino de Souza, de 40 anos, chegou cerca de 1 minuto atrasado e foi barrado. Ele responderia a questões discursivas de Matemática e Física. Fabiano diz que a organização do concurso interditou as vagas de estacionamento localizadas na frente do prédio onde ele faria as provas, no Centro Politécnico da UFPR. Com dificuldades para estacionar o carro, ele acabou se atrasando. “Ontem eu consegui estacionar em frente ao bloco onde fiz as provas. Mas hoje eles bloquearam a entrada de carros com cavaletes. Saí correndo e fui procurar vagas em outro bloco. Quando voltei, fecharam a porta na minha cara”, reclamou.

Inconformado, ele conta que na primeira fase do vestibular havia tirado a nota mais alta entre os candidatos com os quais compete (cotistas sociais com baixa renda familiar).

Terceira fase

Para os cursos de Estatística, Matemática e Matemática Industrial, o processo seletivo ainda terá uma terceira fase, com duas disciplinas específicas a serem cursadas durante o primeiro semestre letivo. Os estudantes que obtiverem as notas exigidas poderão continuar na graduação. Segundo a UFPR, o Núcleo de Concursos divulgará, até 15 dias antes do início do semestre, um edital específico com os programas e as normas do chamado “processo seletivo estendido”.

Redação exigiu menos opinião e mais compreensão

A prova de Compreensão e Produção de Textos, aplicada no domingo (6), exigiu menos opinião e argumentação dos alunos e mais capacidade de desenvolvimento de diferentes técnicas de redação, afirma o professor Marlus Geronasso, coordenador do programa Eureka. Os candidatos precisaram elaborar cinco textos curtos de diferentes gêneros: análise de charge, texto opinativo, descrição de infográfico, transposição do discurso direto para o indireto e resumo. Apenas nos dois primeiros o aluno era convidado a se posicionar sobre o tema exposto a partir de argumentos próprios. “Já houve provas que exigiram mais a voz do aluno. Esta estava mais para a terceira pessoa”, avalia o professor.

Na avaliação de Bertila Pizatto Souza, psicóloga e professora de Produção de Texto do Curso Positivo, não houve surpresas em relação aos gêneros solicitados. A professora considera que a prova cobrou temas familiares aos alunos, que não exigiam um repertório amplo baseado na leitura de jornais. (M.C)

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Notícias sobre Educação

  1.  |

    Normas técnicas

    Regras da ABNT: veja as normas para monografias e trabalhos acadêmicos

  2. O experimento foi chamado de “Projeto Honestidade”. | Divulgação

    Exemplo

    Escola de Curitiba transforma lanche do recreio em teste de honestidade

  3.  | Reprodução / UFABC

    currículo

    Afro-matemática será matéria obrigatória em curso de universidade federal

PUBLICIDADE