Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Caro usuário, por favor clique aqui e refaça seu login para aproveitar uma navegação ainda melhor em nosso portal. FECHAR
PUBLICIDADE

paranaense

Funcionário do Maringá é forçado a interromper trabalho por vestir verde na Arena

  • Daniel Malucelli e Marcelo Andrade
 | Marcelo Andrade/Gazeta do Povo
Marcelo Andrade/Gazeta do Povo
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Um funcionário do Maringá foi impedido de trabalhar na Arena da Baixada, no jogo contra o Atlético , por estar com a camisa do próprio clube, que tem as mangas verdes – cor do rival Coritiba. O assessor de imprensa Rodrigo Araújo estava na beira do gramado, atrás do gol do setor da Buenos Aires, fotografando a partida quando começou a ser agredido verbalmente pelos torcedores atleticanos.

>> TABELA PARANAENSE 2018: confira a classificação e os próximos jogos

Os xingamentos dos rubro-negros se intensificaram após os 30 minutos do segundo tempo. Então, os seguranças do Atlético retiraram a força o assessor do local e o levaram para o outro lado do estádio.

“Os seguranças vieram três vezes pedir para eu sair, mas eu estava trabalhando e tinha que ficar naquele lado para fazer as fotos do ataque do Maringá. Depois, um segurança chegou e disse que estava autorizado a me levar para o outro gol. E eu fui. Não tem como brigar com o segurança”, lamenta Araújo.

“Eu questionei porque eu estava trabalhando. Eles tinham que fazer a minha segurança e não o contrário. E um deles me retrucou: ‘nós somos seguranças e não heróis’. Foi uma situação chata, mas estamos no Brasil”, desabafa o funcionário.

A assessoria do Atlético foi procurada e pediu para o contato ser feito por e-mail. Até o fechamento da matéria, não havia resposta do clube.

O funcionário maringaense não foi o único que sofreu com a intolerância. Uma torcedora que estava vestida de verde no meio da torcida do Atlético teve que deixar o estádio após ser ofendida por algumas pessoas nas arquibancadas que cobravam que ela retirasse a roupa.

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2018/01/20/Esportes/Imagens/Cortadas/01.20 - maringa camisa 2-kidB-ID000002-1024x682@GP-Web.jpg
Fotógrafo do Maringá teve de parar de trabalhar e se dirigir ao lado oposto de onde estava na Arena da BaixadaMarcelo Andrade/Gazeta do Povo

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2018/01/20/Esportes/Imagens/Cortadas/01.20 - maringa camisa 1-kidB-U2029415937471IF-1024x682@GP-Web.jpg
Seguranças abordam fotógrafo do Maringá que estava com camisa verde.Marcelo Andrade/Gazeta do Povo

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2018/01/20/Esportes/Imagens/Cortadas/01.20 - maringa camisa 4-kidB-U202941593747ZEB-1024x682@GP-Web.jpg
Torcedora teve de deixar a arquibancada porque também estava com camisa verde.Marcelo Andrade/Gazeta do Povo

VEJA TAMBÉM:

>> COPA DO BRASIL: confira o chaveamento completo do torneio

>> COPA SÃO PAULO DE FUTEBOL JUNIOR: confira a tabela completa da competição

>> MERCADO DA BOLA: acompanhe o vai e vem de atletas nos principais clubes brasileiros

>> MERCADO DA BOLA INTERNACIONAL: siga a janela de transferências na Europa

>> LIBERTADORES: veja como ficaram os grupos e os duelos da fase preliminar

>> COPA SUL-AMERICANA: veja todos os confrontos do mata-mata continental

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Esportes

PUBLICIDADE