Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE

personagem

Nascido no ano do título brasileiro, filho de Alex Mineiro chega ao Atlético

  • Julio Filho
Alex Mineiro ao lado do filho Michael. | Cahuê Miranda/Atlético
Alex Mineiro ao lado do filho Michael. Cahuê Miranda/Atlético
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

O DNA de um dos maiores ídolos da história do Atlético permanece no CT do Caju. Filho do ex-atacante Alex Mineiro, o também atacante Michael Alves é a nova aposta da equipe sub-17 do Furacão.

Ao lado do pai, o jovem, que estava no Trieste, assinou contrato de formação com o clube na última terça-feira (6). Além do Trieste, ele atuou por seis anos em categorias de base de clubes da Itália. Michael nasceu em março de 2001, justamente no ano em que o pai fez história com a camisa rubro-negra.

“O Atlético foi o clube que me deu oportunidade de aparecer para o cenário nacional. Aqui, eu pude ser campeão brasileiro e fazer história com essa camisa. Espero agora que o Michael possa ser muito feliz aqui”, declarou Alex ao site oficial do Atlético.

>> TABELA PARANAENSE 2018: confira a classificação e os próximos jogos

>> COPA DO BRASIL: confira o chaveamento completo do torneio

“Vai depender só dele. O clube dá toda a estrutura necessária para que ele possa mostrar seu futebol, fazer seus gols e trazer mais títulos para o Furacão”, reforçou o ex-atleta.

Michael tinha oito meses quando o Atlético foi campeão brasileiro após Alex Mineiro anotar oito gols decisivos na reta final do Brasileirão. Ele espera seguir os passos do pai.

“Vou me esforçar ao máximo para fazer a minha história. Nunca imaginei receber essa camisa do meu pai. É muita felicidade mesmo. Esse nome é um grande peso para carregar, mas também um grande incentivo”, afirmou, também ao site oficial do Furacão.

VEJA TAMBÉM:

>> BRASILEIRÃO 2018: veja a tabela completa da Série A

>> SÉRIE B: confira a tabela completa da Segundona

>> LIBERTADORES: veja como ficaram os grupos e os duelos da fase preliminar

>> COPA SUL-AMERICANA: veja todos os confrontos do mata-mata continental

>> MERCADO DA BOLA: acompanhe o vai e vem de atletas nos principais clubes brasileiros

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Esportes

PUBLICIDADE