Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Paraná Clube

Fechar
PUBLICIDADE

COPA DO BRASIL

Técnico do Paraná celebra empate e admite dificuldades com gramado

Wagner Lopes observa  a partida em Arapiraca.  “Poderíamos ter vencido”, acredita. | Valdeir Gois/ Ascom ASA
Wagner Lopes observa a partida em Arapiraca. “Poderíamos ter vencido”, acredita. Valdeir Gois/ Ascom ASA
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

O técnico do Paraná, Wagner Lopes, afirmou que ficou satisfeito com empate sem gols contra o ASA, em Arapiraca, nesta quinta-feira (17). Segundo o técnico, a igualdade do marcador na partida de ida da terceira fase da Copa do Brasil foi difícil, mas faz com que o Tricolor dependa só de suas forças para passar para a próxima fase.

“Estou satisfeito com o empate, apesar de achar que poderíamos ter vencido. Nós respeitamos muito o ASA e esperamos reverter. Nos fortalece saber que, apesar de não ganhar, a gente também não perde. Vamos decidir na nossa casa, com nosso torcedor e tomando a iniciativa ”, disse o comandante paranista, em entrevista para as rádios Transamérica e Banda B, já projetando a partida da volta contra os alagoanos, que acontece na quinta-feira (06/04).

O gramado pesado foi o grande desafio da equipe paranaense na partida. Na saída do campo, os jogadores reclamaram do cansaço e o técnico Wagner Lopes confirmou que seus atletas sentiram a dificuldade. “Não é fácil jogar aqui. É muito difícil correr com a mesma intensidade o jogo todo. Temos que agradecer os jogadores pela entrega e dedicação”, destacou.

O Paraná agora volta a focar suas atenções no Paranaense, onde uma vitória contra o Prudentópolis garante a equipe nas quartas de final da competição. O jogo acontece neste domingo (19), às 16h, na Vila Capanema.

Siga a Gazeta do Povo e acompanhe mais novidades

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Esportes

PUBLICIDADE
Acompanhe a Gazeta do Povo nas redes sociais