Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

ditadura bolivariana

GM diz que fábrica na Venezuela foi tomada e encerra atividades no país

Com o fechamento da unidade em Valencia, 2.678 funcionários ficarão sem emprego

  • Estadão Conteúdo
Mais de 6.500 empregos diretos serão perdidos com o encerramento das atividades da fábrica | Bill PuglianoAFP
Mais de 6.500 empregos diretos serão perdidos com o encerramento das atividades da fábrica Bill PuglianoAFP
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

A GM informou o encerramento de suas operações na Venezuela devido a uma “apreensão judicial ilegal” de seus ativos.

“Ontem, a fábrica da GM (localizada na cidade de Valencia) foi inesperadamente tomada pelas autoridades públicas, impedindo operações normais. Além disso, outros ativos da empresa, como veículos, foram ilegalmente retirados de suas instalações”, relatou a empresa, por meio de nota.

A montadora diz que vai pagar os benefícios a que direito os trabalhadores que serão demitidos em função do encerramento das atividades. A fábrica emprega 2.678 pessoas. A rede de concessionárias, que conta com 79 pontos, emprega mais 3.900.

A planta da GM na Venezuela foi instalada em 1948 e é a mais antiga fábrica de veículos do país. A empresa lamenta a decisão “arbitrária” das autoridades venezuelanas e diz que vai tomar ações legais para defender seus direitos.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Mundo

  1.  | STRAFP

    tensão

    Coreia do Norte avisa que guerra nuclear pode começar a qualquer momento

  2. O ditador venezuelano Nicolás Maduro | PRESIDENCIAAFP

    venezuela

    PT saúda Maduro e parabeniza “democracia” venezuelana por eleições

  3. Cachorra Izzy sobreviveu ao fogo que atingiu vinícolas na Califórnia | Reprodução

    califórnia

    Família achou que sua cachorra tinha morrido no incêndio. Mas ela estava os esperando

PUBLICIDADE