Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

story
Enkontra.com
PUBLICIDADE

obituário

Billy John Zonta Gabardo: 26 anos de exemplo em forma de força e alegria

 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO
 | Divulgação
Divulgação

O curitibano Billy John Zonta Gabardo, primogênito de Sandra Zonta e Celso Gabardo, nasceu em 7 de julho de 1990 e cresceu na região do Umbará, em Curitiba, junto dos irmãos Brayan, Brendon e Bradley. Aos 18 anos, o jovem começou a trabalhar em um dos supermercados Condor, da rede fundada por seu avô, Pedro Joanir Zonta. Depois, Billy se formou em Administração e fez carreira no setor de logística da empresa.

Outra paixão também teve início aos 18 anos. Ou melhor, começou muito tempo antes, mas só foi realizada em 2008. Após a maioridade, tirou a habilitação e pôde pilotar e dirigir. Finalmente, o menino que montava e desmontava motores de motocicletas e carros, que vivia brincando em cima dos pneus junto com o irmão, Brayan, realizou o sonho de conquistar o asfalto.

O exemplo veio do tio, Ricardo Zonta, que chegou à Fórmula 1. Billy começou correndo de kart e, aliando a paixão com muito treino, construiu uma carreira. O jovem foi campeão paranaense da categoria Marcas em 2014 e atualmente corria na Sprint Race. Era um atleta profissional. “O sonho dele ela chegar à Stock Car. Ele andava de moto, carro, participava de grupo de rally. Isso era a paixão dele, ele se sentia realizado quando estava no asfalto. Adorava estar na pista do autódromo e numa moto”, conta a mãe.

Além dos prêmios e da alegria de correr, Billy ganhou mais um presente. Um amigo, também piloto, apresentou o jovem à Juliana Torres, com quem o curitibano começou a namorar em 2014. Os dois ficaram noivos e estavam se preparando para casar em 2018, depois que ela terminasse a faculdade.

Leia também: Odette Angelina Debiasio: amor em forma de cuidado

Antes disso, porém, Billy teve que usar o espírito esportivo para encarar a notícia da descoberta de um sarcoma, um tipo raro de câncer, em 2011. Ele deu início à luta que durou seis anos. Nesse tempo, foi operado, passou por sessões de quimioterapia e radioterapia.

Em nenhum momento a família de Billy se sentiu desamparada em meio ao medo e à insegurança que a doença trouxe. Nos momentos difíceis – quando o câncer deu seus primeiros sinais ou então quando parecia tirar todas as forças de quem precisava resistir – todos encontravam conforto em Billy. O jovem curitibano ainda ajudou muitas pessoas a encontrar sentido na própria existência. Trouxe alegria e força em forma de exemplo.

Em 2014, descobriu metástase no pulmão e, em 2015, um tumor na pleura. Durante o tratamento, fez várias cirurgias e passou por hospitais em Curitiba, São Paulo e nos Estados Unidos, onde foi aceito para fazer um tratamento em que recebeu células para combater o sarcoma. Sandra lembra que, durante todo esse tempo, Billy nunca reclamou “nem de uma agulha”. “Ele só dizia que estava bem, que ia ficar curado, fazia muitos planos”. “Sempre esteve calmo, não chegou nem ao menos a erguer os olhos aos céus para questionar se havia algum motivo para tudo aquilo”

Na luta contra o câncer, Billy encontrou muitas pessoas que viviam a mesma situação que ele e fez muitas amizades. “Até no NIH, o hospital nos EUA, onde as pessoas eram mais frias, todos foram cativados por ele. Ele transformou a vida de cada um, conseguiu deixar uma semente, mudou o comportamento, a forma de pensar; Tudo isso com a união, a força, a garra que ele tinha. Ele nunca se desesperou”, conta Sandra.

Billy começou a registrar sua caminhada, os tratamentos, as amizades e as conquistas que fez. A ideia era publicar um livro para servir como um testemunho de esperança para quem também sofre com a doença. A mãe vai continuar a escrever a obra.

Os amigos e a família contam essa história como uma lição de superação e amor. Sandra reforça a gratidão que eles têm pela equipe do Hospital Israelita Albert Einsten e pelos médicos Mario Ghefter, Rosemery Ghefter e Fernando Moura, que acompanharam Billy durante todo o tratamento.

Depois de receber as células no tratamento nos Estados Unidos, Billy ficou bem por oito meses. Mas, em fevereiro de 2017, descobriu que o câncer tinha voltado para o pulmão e intestino. Entrou em tratamento para se fortalecer e voltar aos EUA. Mas a respiração do rapaz continuou enfraquecendo e ele não resistiu. Deixa seus “nonos e nonas”, os pais, três irmãos, a noiva, tios e amigos.

Dia 1° de março, aos 26 anos, por complicações do câncer, em Curitiba.

-

Lista de falecimentos

Aguinel André Bobato, 68 anos. Profissão: empresário. Filiação: Noel Aristides Bobato e Altiva de Antoni Bobato. Sepultamento hoje, no cemitério municipal da cidade de origem, saindo da Capela Mortuária de Imbituva.

Alceu Mendes Fontoura, 87 anos. Profissão: pintor. Filiação: Octávio Mendes Fontoura e Maria Baltazar Fontoura. Sepultamento ontem.

Allisson Moisés Bichibichi, 39 anos. Profissão: vendedor. Filiação: Antônio Moyses Bichibichi e Jurema Zorzin Bichibichi. Sepultamento hoje, no Cemitério da Colônia Murici, em São José dos Pinhais, saindo da capela número 01 do Cemitério Municipal Boqueirão.

Américo Gouvea, 86 anos. Profissão: metalúrgico. Filiação: Luiz Gouvea e Guilhermina Gouvea. Sepultamento ontem.

Ana Bárbara do Nascimento, 82 anos. Profissão: do lar. Filiação: José Costa Moreira e Maria Gonçalves Moreira. Sepultamento ontem.

Antônio Ramos dos Santos, 60 anos. Filiação: Josefa Ramos dos Santos. Sepultamento ontem.

Augusta Brum Paz, 86 anos. Profissão: do lar. Filiação: Joaquim Fermino Brum e Olinda Lorenzi. Sepultamento ontem.

Benedita da Cruz Souza, 68 anos. Profissão: do lar. Filiação: Antônio da Cruz Souza e Elpidia Rodrigues Duarte da Cruz. Sepultamento hoje, no cemitério municipal da cidade de origem, saindo da residência.

Dermerval Pinto Portugal, 89 anos. Filiação: Juvenal Pinto Portugal e Durvalina Portugal. Sepultamento ontem.

Eliane Pysklyvicz de Souza, 52 anos. Filiação: Lauro Pysklyvicz e Maria Antônia Pysclyvicz. Sepultamento ontem.

Emídia Neuzeli dos Santos Roberto, 55 anos. Profissão: do lar. Filiação: João Maria dos Santos e Avanyr Nascimento dos Santos. Sepultamento hoje, no Cemitério Pedro Fuss, em São José dos Pinhais, saindo da residência.

Emilly Victória Santos Rosa, 2 dias. Filiação: Giovane Santos da Silva e Jhenifer Railla Viturino Rosa. Sepultamento ontem.

Francisco Hable, 32 anos. Filiação: Augustinho Hable e Eliete Isabel Nadolny Hable. Sepultamento ontem.

Genoveva Muzeka, 79 anos. Filiação: Adão Taraska e Genoveva Taraska. Sepultamento hoje, no Cemitério Jardim da Saudade I, saindo da capela mortuária do local.

Iloir Ruppel, 67 anos. Filiação: Igenes Ruppel e Iracema Stadler Ruppel. Sepultamento ontem.

Iracema Rezende Gurski, 88 anos. Profissão: do lar. Filiação: Benedito da Silva Rezende e Zulmira de Souza Costa. Sepultamento ontem.

Jasir Fahad, 77 anos. Filiação: Jorge Fahad e Davina Dias Fahad. Sepultamento ontem.

Jeide João Brum, 53 anos. Profissão: encanador. Filiação: Ovídio Moogem Brum e Nelly Arndt Brum. Sepultamento hoje, no Cemitério Jardim da Saudade I, saindo da Capela Municipal de Fazenda Rio Grande.

João Knaut, 79 anos. Profissão: agricultor. Filiação: Paulo Knaut e Maria Knaut. Sepultamento ontem.

João Souza, 103 anos. Filiação: Joaquim Souza e Maria Rita. Sepultamento ontem.

João dos Santos, 88 anos. Profissão: porteiro. Filiação: Severino dos Santos e Ernestina dos Santos. Sepultamento hoje, no Cemitério Memorial da Vida, em São José dos Pinhais, saindo da capela do Cemitério Jardim da Paz, em Curitiba.

José Elizeu Santana, 84 anos. Profissão: carpinteiro. Filiação: Elizeu Sérgio de Santana e Josefa Maria da Conceição. Sepultamento ontem.

José Rubens de Souza, 58 anos. Profissão: economista. Filiação: Liberto Divino Dias de Souza e Luzia Crosciatti de Souza. Sepultamento ontem.

Juldete de Lima Souza, 73 anos. Profissão: costureira. Filiação: Detrino de Lima e Geraldina de Lima. Sepultamento ontem.

Juvita Batista de Lima, 77 anos. Filiação: Mathias de Lima e Joana Batista de Paula. Sepultamento hoje, em local a definir, saindo da Capela Uberaba.

Leocadia da Veiga Preiss, 92 anos. Profissão: do lar. Filiação: Edmundo Rodrigues da Veiga e Maria da Luz Veiga. Sepultamento hoje, no Cemitério Parque Iguaçu.

Leocádio Juarez de Paula, 55 anos. Profissão: pedreiro. Filiação: Pedro de Paula e Marta da Cruz de Paula. Sepultamento ontem.

Luiz Carlos Macedo, 53 anos. Filiação: João Macedo e Joana Arlette Macedo. Sepultamento ontem.

Manoel Francisco Pacheco de Carvalho, 84 anos. Profissão: funcionário público municipal. Filiação: Denizart Pacheco de Carvalho e Alita Carrano Pacheco de Carvalho. Sepultamento hoje, no Cemitério Municipal São Francisco de Paula, saindo da capela número 02.

Marcelino da Silva Cardoso, 48 anos. Profissão: autônomo. Filiação: Antônio Correia Cardoso e Isabel da Silva Cardoso. Sepultamento hoje, no Cemitério Pedro Fuss, em São José dos Pinhais, saindo da residência.

Márcio Roque da Silva, 37 anos. Profissão: pedreiro. Filiação: Orentil Pereira da Silva e Eliane Fátima da Silva. Sepultamento ontem.

Maria das Graças Alves dos Santos, 47 anos. Profissão: auxiliar de serviços gerais. Filiação: José Diocleciano dos Santos e Iraci Alves da Costa Santos. Sepultamento hoje, no Cemitério Pedro Fuss, em São José dos Pinhais, saindo da Capela Mortuária Uberaba.

Marilena Algarte, 73 anos. Profissão: do lar. Filiação: Joaquim Algarte Lopes e Maria Rossi Algarte. Sepultamento ontem.

Marli Terezinha da Cruz, 43 anos. Profissão: costureira. Filiação: José Acir da Cruz e Maria de Lourdes Ribas da Cruz. Sepultamento ontem.

Nair Pires Horcel, 90 anos. Filiação: Odorico José Pires e Vergínia Pires. Sepultamento hoje, no Cemitério Parque Iguaçu.

Nianxin Ou, 65 anos. Profissão: do lar. Filiação: Ou Yaolai e Fan Fengxian. Sepultamento hoje, no Cemitério Memorial da Vida, em São José dos Pinhais, saindo da capela mortuária do local.

Regina Maria Setim Freitas, 71 anos. Profissão: do lar. Filiação: Carlos Setim e Maria de Lourdes Pereira Setim. Sepultamento hoje, no Cemitério Municipal São João Batista, em São José dos Pinhais, saindo da Capela Berti, na mesma cidade.

Rosa Vendramin, 93 anos. Profissão: do lar. Filiação: Antônio Vesoloski e Marta Vesoloski. Sepultamento ontem.

Sidney Roberto Peters, 82 anos. Filiação: José Ayres Peters e Maria Júlia Peters. Sepultamento hoje, no Cemitério Universal Necrópole Ecumênica Vertical, saindo do mesmo local.

Sílvio Domingues Santana, 63 anos. Profissão: vendedor. Filiação: Olavo Domingues Santana e Alaíde Satiro de Oliveira. Sepultamento ontem.

Sthefany Bianco Borssato, 20 anos. Profissão: atendente. Filiação: Marcos Constantino e Leia Rosana Martins Borssato. Sepultamento ontem.

Vagner da Silva Neves, 26 anos. Profissão: servente. Filiação: Dorival José das Neves e Rosane da Silva. Sepultamento hoje, no Cemitério Municipal Boqueirão, saindo da Rua Campo Mourão, no bairro Alto Boqueirão.

Vicentina Maria de Souza Camargo, 56 anos. Profissão: do lar. Filiação: Pedro Paulo de Souza e Benedita Maria de Jesus. Sepultamento hoje, no cemitério municipal da cidade de origem, saindo da Capela Berti, em São José dos Pinhais.

Wilma Gonçalves Nocera, 87 anos. Profissão: cabeleireira. Filiação: Brasílio Gonçalves e Irene Leite Gonçalves. Sepultamento hoje, no Cemitério Municipal Água Verde, saindo da Capela Vaticano - Jade.

Siga a Gazeta do Povo e acompanhe mais novidades

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Serviços

PUBLICIDADE