PUBLICIDADE
Leonel Simões |
Leonel Simões
10/01/2009

Lista de falecimentos

Texto publicado na edição impressa de 10 de janeiro de 2010

Leonel Simões (foto)

Leonel nasceu na cidade de São Paulo em uma família de imigrantes que enfrentou muitas dificuldades. Com pouco mais de um ano, Nezinho – como era chamado pelos parentes – teve meningite. Por causa das sequelas da doença perdeu a audição. Com sacrifício, os pais o enviaram para o Rio de Janeiro a fim de ser alfabetizado na Lingua­­gem Brasileira de Sinais (Libras). Foi um período em que fez muitos amigos, com os quais ainda mantinha contato, lembra a fi­­lha Márcia. A sua cara-metade foi encontrada através de uma foto. Leonel estava com um grupo de amigos em São Paulo quando viu a imagem de Rossi Marie, que então morava em Curitiba. Ela também era deficiente auditivo. Determinado, Leonel escreveu uma carta a jovem e resolveu vir até a capital conhecê-la, mesmo sem nunca ter antes pisado em Curitiba. Casaram-se em 1960, e mudaram-se São Paulo. O encontro rendeu 49 anos de união. Em 1969, a família mudou-se para Curitiba. Leonel participou ativamente da comunidade de deficientes auditivos chegando a ser presidente da Associação dos Surdos do Paraná. Em 1976, realizou seu sonho de tirar carteira de motorista, sendo um dos primeiros na sua categoria. A limitação não o impediu de desenvolver sua carreira profissional. Durante 40 anos trabalhou como mecânico. Dedicou-se à manutenção de automóveis, motores de popa e motores elétricos industriais -- atividade que dominava com prazer, conta a filha Márcia. Nas horas vagas, dedicava-se a cozinha, aos pequenos consertos e invenções, sempre na área elétrica. Quando os filhos eram pequenos, ele inventou um despertador com luz: na hora de despertar, acendia a luz. Lutava contra um câncer desde 2007. A doença não lhe impediu de fazer uma viagem à Terra Santa, Roma, e alguns outros lugares sagrados do Cristianismo. Deixa a viúva, três filhos e duas netas.

Dia 19 de dezembro de 2009, aos 78 anos, de câncer.

* * * * *

Acyr de Jesus Senna, 60 anos, filho de Nazário Senna e Venina Senna. Deixa viúva Hilda Monteiro Senna. Sepultamento ontem.

Alceu Zauer, 79 anos, agente administrativo, filho de Albino Zauer e Itália Fontana Zauer. Deixa viúva Eunice Santos Zauer. Sep. ontem.

Antônio Valdevino de França, 50 anos, motorista, filho de João de França e Maria de Jesus França. Deixa viúva Sueli Pereira Oliveira de França. Sepultamento ontem.

Arlan de Oliveira, 34 anos, autônomo, filho de Salvador Rodrigues de Oliveira e Sebastiana Silva de Oliveira. Sep. ontem.

Camila da Silva Pinheiro, 12 anos, filha de Valdir Pinheiro e Rosângela da Silva. Sep. ontem.

Cleoacy Santos Dias, 77 anos, militar, filho de Eugênio da Costa Dias e Durvalina Santos Dias. Deixa viúva Zeni Terezinha Muchenski dos Santos. Sep. ontem.

Enir Emilinha Carvalho Almeida, 57 anos, do lar, filha de Sebastião Ribeiro de Carvalho Filho e Eda Maria Goya de Carvalho. Deixa viúvo Aírton da Silva Almeida. Sep. ontem.

Evandrei Jefferson Humenhuk, 6 anos, filho de Ademar Humenhuk e Roseli Aparecida Salesbram Humenhuk. Sepultamento às 9 h, em cemitério a ser designado, saindo da Estrada Principal do Avencal, s/n, Mandirituba.

Fábio Meurer da Silva, 23 anos, auxiliar de produção, filho de Waldemar Félix da Silva e Ludgardis Meurer da Silva. Sep. ontem.

Gérson Correia de Moraes, 77 anos, mecânico, filho de Affonso Correia de Moraes e Francisca de Paula Coutinho. Deixa viúva Lindamir das Graças Moreira. Sep. ontem.

Jefferson Motta da Luz, 24 anos, auxiliar de produção, filho de Áureo Gonçalves da Luz e Edionete Polly da Motta. Sepultamento em horário a ser designado, no Cemitério Santa Cândida, saindo da Rua Said Jorge, 371, Jardim Bom Pastor, Campo Ma­­gro, PR.

João Batista Ferreira Filho, 42 anos, caseiro, filho de João Batista Ferreira e Sebastiana Maria Ferreira. Sepultamento ontem.

José Renato Ribas, 50 anos, pedreiro, filho de João Maria Fabrício Ribas e Maria Madalena Ribas. Deixa viúva Joraci de Oliveira Silva Ribas. Sepultamento ontem.

Luciano Rodrigues Abreu, 33 anos, filho de Deoclides de Souza Abreu e Elaci Teresinha Rodrigues Abreu. Sep. ontem.

Maria Cícera Lima, 70 anos, do lar, filha de José Estevo Forto e Maria Merantina de Jesus. Deixa viúvo Carmo Rodrigues da Conceição. Sep. ontem.

Maria Lourenço Major, 77 anos, servente, filha de Joaquim José Lourenço e Jorgina Iopi. Sep. ontem.

Oswaldo Cualhete, 74 anos, técnico em eletrônica, filho de Miguel Cualhete e Concheta Consencio. Sep. ontem.

Rafael Henrique de Souza, 17 anos, estagiário, filho de Arildo de Souza e Nadir da Silva. Sep. ontem.

Ricardo Severiano Pires, 28 anos, pintor, filho de Aneuri Severiano Pires e Cleuza de Oliveira. Sep. ontem.

Roseli Bertoldi Proença, 46 anos, auxiliar de limpeza, filha de Theodoro de Proença e Lúcia Bertoldi Proença. Sep. ontem.

Teresinha Cassimira da Silva Ogg, 60 anos, do lar, filha de Gumercindo Cassimiro da Silva e Maria Cassimira da Silva. Deixa viúvo Lartes Ogg. Sep. ontem.

Tereza Kuchinski, 71 anos, do lar, filha de Basílio Bespalhuk e Anastácia Bespalhuk. Deixa viúvo Joani Kuchinski. Sep. em horário e cemitério a serem designados, saindo da capela municipal de União da Vitória, PR.

Valdir Felipe Mariano, 36 anos, segurança, filho de Emídio Felipe Mariano e Maria Francisca Mariano. Sep. em horário e cemitério a serem designados, saindo da Rua Antônio Santiago Gualda, 388, Floriano, Maringá, PR.

Vanderlei Agostinho Casagrande, 36 anos, filho de Antônio Casagrande e Angelina Cividini Casagrande. Sep. ontem.

Yocinobo Hassunuma, 88 anos, agricultor, filho de Katui Hassunuma e Mica Hassunuma. Deixa viúva Aurora Kamada Hassunuma. Sep. ontem.

* * * * *

As publicações neste espaço são gratui­tas. Faça contato com a Central de Redação, pelo fax (041) 3321-5129, ou por e-mail leitor@gazetadopovo.com.br – Fonte: Serviço Funerário Municipal. Fones 3233-2585 e 3324-9313. – Texto: Aline Peres

PUBLICIDADE
    • SELECIONADO PELO EDITOR
    • NOTÍCIAS MAIS COMENTADAS
    • QUEM MAIS COMENTOU
    Assine a Gazeta do Povo
    • A Cobertura Mais Completa
      Gazeta do Povo

      A Cobertura Mais Completa

      Assine o plano completo da Gazeta do Povo e receba as edições impressas todos os dias da semana + acesso ilimitado no celular, computador e tablet. Tenha a cobertura mais completa do Paraná com a opinião e credibilidade dos melhores colunistas!

      Tudo isso por apenas

      12x de
      R$49,90

      Assine agora!
    • Experimente o Digital de Graça
      Gazeta do Povo

      Experimente o Digital de Graça!

      Assine agora o plano digital e tenha acesso ilimitado da Gazeta do Povo no aplicativo tablet, celular e computador. E mais: o primeiro mês é gratuito sem qualquer compromisso de continuidade!

      Após o período teste,
      você paga apenas

      R$29,90
      por mês!

      Quero Experimentar
    VOLTAR AO TOPO