Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Caro usuário, por favor clique aqui e refaça seu login para aproveitar uma navegação ainda melhor em nosso portal. FECHAR
PUBLICIDADE

linha 2018

Jipe 100% nacional para as aventuras off road está de volta; veja preços

Modelo Stark, feito pela empresa catarinense TAC, retorna ao mercado com uma versão inédita. Modelo é voltado para os amantes de trilhas em terrenos acidentados

  • Gazeta do Povo
 |
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

TAC Motors, empresa 100% brasileira, lançou a linha 2018 do jipe Stark - que volta ao mercado depois de uma paralisação nas vendas em 2015. O modelo voltado para aventuras fora de estrada chega na inédita versão Black Cover. O preço parte de R$ 115 mil, mas pode alcançar R$ 130 mil quando equipado com todos os acessórios. 

Stark, criado em 2009, recebeu reforço no chassi e a estrutura tubular foi redimensionada. Segundo a empresa, o carro é dividido em quatro subchassis de aço-carbono sobre longarinas. Tal construção permite substituir uma área específica em caso de dano estrutural.

>>‘Roda flexível’ acaba com quebra em buracos e danos ao pneu

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2018/06/11/Capa/Imagens/Cortadas/TAC Stark 5-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

O motor é o mesmo do modelo anterior. Um 2.3 turbodiesel, de quatro cilindros, que rende 127 cv a  3.600 rpm e 30,6 kgfm de torque a 1.800 rpm. O câmbio é manual de cinco marchas e todas as rodas possuem amortecedores duplos nas pontas do eixo. A tração, é claro, é integral com uma marcha reduzida para encarar qualquer terreno.

Troller T4, seu único concorrente direto, é vendido a partir de R$ 131.329, porém com motor 3.2 turbodiesel, de cinco cilindros, que gera 200 cv a 3.500 rpm e 47,0 kgfm entre 1.750 rpm e 2.500 rpm. O câmbio é manual de seis velocidades. 

O rival também é feito por uma empresa brasileira, mas conta com o apoio financeiro e de engenharia da Ford, que empresta o conjunto mecânico da picape Ranger ao modelo.

>> Conheça os carros a diesel mais acessíveis no Brasil

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2018/06/11/Capa/Imagens/Cortadas/TAC Stark_20180524163922-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

TAC Stark ganhou o nome Black Cover (ou cobertura preta, numa tradução livre)  devido ao novo acabamento preto no teto, para-lamas, moldura do para-brisas e coluna secundária. O carro está disponível em sete opções de cores: amarelo, preto, vermelho, azul, branco, laranja e verde.

O modelo vem de fábrica com direção hidráulica com regulagem de altura e revestido em couro; ar-condicionado; vidros; travas e retrovisores elétricos; faróis de neblina; freios a disco; e suspensão independente. 

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2018/06/11/Capa/Imagens/Cortadas/TAC Stark 4-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Entre os acessórios exclusivos que podem ser adicionados ao veículos estão snorkel; para-choque metálicos; guincho embutido; rack bagageiro; bloqueio de diferenciais; homocinéticas mais resistentes; faróis em led; e diferentes configurações de rodas e pneus (que variam de 15 a 17 polegadas).

O jipe é vendido apenas sob encomenda, mas a intenção da fabricante catarinense, com sede em Sobral (CE), é aumentar a produção para atrair seu público-alvo, os motoristas que curtem trilhas. 

>> Jeep revela o Renegade 2019, que ganha novos motores turbo; veja fotos

A empresa trabalha com um novo conceito de revenda, chamada de Stark Points, no qual o cliente tem uma experiência off road completa. De acordo com a Stark, o pós-venda possui assistência técnica personalizada, test drive, cursos, eventos, trocas de experiências entre os amantes do jipe e boutique da marca.

Por enquanto, nesta nova fase, a TAC Motors opera no Sudeste, com unidades em Belo Horizonte e São Paulo. Em breve serão abertas outros pontos no Sul, Centro-Oeste, Norte e Nordeste. A empresa planeja investir R$ 150 milhões até 2022, com previsão de oferecer também a motorização flex e um câmbio automático.

Mais informações e pedidos de compra no site www.novostark.com.br.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Automóveis

PUBLICIDADE