Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Caro usuário, por favor clique aqui e refaça seu login para aproveitar uma navegação ainda melhor em nosso portal. FECHAR
PUBLICIDADE

Retrospectiva

Kwid, volta do Puma, inspeção veicular... Confira o que foi notícia em 2017

O ano automotivo foi bem movimentado. Confira os fatos que mais deram o que falar 

  • Renyere Trovão
 |
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

O ano de 2017 marcou a retomada do setor automotivo depois de uma grave crise que começou há 4 anos e derrubou as vendas no mercado pela metade. De quarto maior consumidor de automóveis no mundo até 2015, o Brasil entrou este ano à beira de sair do ‘top 10’. 

Mesmo com a forte retração, as principais montadoras mantiveram seus investimentos e lançaram várias novidades. Os SUVs, mais uma vez, ditaram a preferência dos consumidores, mas novidades de outros segmentos deram o que falar, como o Renault Kwid e o Volkswagen Polo

A legislação de trânsito também foi notícia frequente. Novas leis mexeram com o humor do brasileiro, além de mudanças na CNH para tornar o seu uso mais seguro e digital.

Confira a seguir os principais acontecimentos no setor automotivo em 2017:

JANEIRO

Chevrolet manda no mercado

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Chevrolet Onix 2-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Chevrolet começou o ano como terminou em 2016: a líder em vendas no Brasil, após quebrar a hegemonia da Fiat que durava 13 anos . 

O grande responsável por manter a GM no topo foi o Onix, que assumiu em dezembro de 2015 o posto de ‘o carro mais vendido no país’ e não largou mais. Fechará 2017 com o tricampeonato e a impressionante marca de vender sozinho neste ano o mesmo que a soma dos segundo e terceiro colocados (Hyundai HB20Ford Ka).

FEVEREIRO

Visual não é tudo

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Renault Captur_20171228172520-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

O segmento de SUVscrossovers continuava em ebulição. Foi a vez do Renault Captur chegar ao mercado. O belo visual não foi suficiente para cativar o consumidor, que não deu a resposta nas lojas esperada pela marca. O modelo terminará 2017 na 9ª posição em vendas, atrás até do irmão Duster.

>>Renault Captur entra na briga dos SUVs

A chegada do câmbio CVT para a motorização 1.6 em julho deu uma ligeira melhorada na procura.

MARÇO

O mais seguro no país

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/VW Golf capa-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Volkswagen Golf encara o Latin NCap, que avalia o grau de segurança nos veículos vendidos no Brasil por meio de testes de colisão e nível de equipamentos. 

>>Teste de colisão: Golf é o carro mais seguro do país; veja top 10

É o primeiro modelo a receber cinco estrelas (nota máxima) depois que os testes ficaram mais rigorosos. Passou a ser o carro mais seguro no país.  Recentemente, o VW PoloToyota Corolla também gabaritaram no Latin NCap.

O novo queridinho

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Jeep Compass_20171228182115-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Após registrar boas vendas desde o lançamento em outubro de 2016, o Jeep Compass, desbanca o Honda HR-V do posto de ‘o SUV queridinho do Brasil’. 

>>Compass atropela o HR-V e salta no ranking de vendas

Apesar do porte maior e da motorização mais forte, o Compass tem preço de entrada bem próximo às versões mais caras do HR-V. Fechará 2017 como campeão do segmento, com mais de 2 mil unidades vendidas de vantagem para o Honda.

Hatch anabolizado

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Honda WR-V-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Honda lançou um crossover compacto posicionado acima do Fit. O compartilhamento da mesma plataforma, motor, câmbio, painel e algumas peças, lhe renderem o apelido de ‘Fitão’. 

WR-V é a porta de entrada para para os carros altinhos. Modelo traz suspensão reforçada e herda as qualidades do Fit

>>Veja se o Honda WR-V é uma boa compra ou não

O visual é contraverso, mas longe de ser feio. A marca poderia só ter trabalhado melhor o conjunto faróis, grade e para-choque. Vende em média 1.500 unidades por mês, bem próximo do volume previsto pela montadora.

Líder renovado

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Toyota Corolla-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Nadando de braçadas no segmento, longe de ser incomodado pelos rivais, o Corolla ganhou uma atualização que o deixou mais jovial. Aproveitou para incluir os controles de estabilidade e de tração, já presentes nos novos Honda CivicChevrolet Civic

>>Confira o que mudou no novo Toyota Corolla

Impressiona o sucesso de vendas do carro, sempre figurando entre os mais emplacados no país, mesmo custando próximo a R$ 100 mil. 

MAIO

Campeão é reprovado 

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Chevrolet Onix Latin Ncap-ID000002-1200x800@GP-Web.png

Em sua segunda passagem pelo programa do Latin NCap, agora bem mais rigoroso nas avaliações, o Chevrolet Onix decepcionou. O carro mais licenciado no Brasil tirou nota zero após as provas de impacto lateral - obrigatórias nos testes desde 2016.

A proteção para adulto foi o responsável pela reprovação. Como consolo, ganhou estrelas (de um total de cinco) na proteção a crianças.

>>Onix tira nota zero em teste de colisão e Proteste quer carro fora das lojas

Proteste - associação nacional de defesa do consumidor - chegou a pedir a retirada do modelo do mercado. Mas, o Onix não só continuou nas lojas como atropelou a concorrência no ranking nacional de vendas.

Aposta alta

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Fiat Argo_20171229161520-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

A Fiat lançou sua principal aposta para voltar ao topo do ranking de vendas no Brasil, perdido para a Chevrolet em 2015. O Fiat Argo substituiu de uma só tacada Palio e Punto, com um projeto totalmente novo.

>>Fiat aposta no Argo para voltar a brigar pelo topo

Já figura entre os 15 mais vendidos do país e logo deve superar o  como o best seller da marca, principalmente quando estrear em 2018 a nova versão de entrada, a partir de R$ 43.990.

JUNHO

Ela estará de volta

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Kombi retorno-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

E não é que a Kombi irá ressuscitar! E sob a forma de um van futurista com motor elétrico e condução autônoma. A Volkswagen confirmou a volta do icônico modelo, comercializado durante 63 anos e aposentada em 2013. 

>>Volkswagen oficializa a volta da Kombi 

A versão moderna com traços saudosistas é baseada no conceito I.D. Buzz e se chamará Microbus. A chegada ao mercado foi confirmada em junho pela Volkswagen e antecipada de 2025 para 2022.

Peugeot 3008 - 250 unidades por mês (limite)

A Peugeot tem um outro tipo de limite, este imposto por causa da capacidade de produção da fábrica em Sochaux (França). Como o foco é abastecer toda a Europa, a PSA Brasil não pode importar mais do que 250 unidades por mês. Por enquanto, estão um pouco abaixo disso, com uma média de 140 unidades mensais.

JULHO

Picape de luxo

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Mercedes Classe X-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

A Mercedes-Benz se rendeu ao universo das picapes e revelou o primeiro modelo de uma marca alto luxo no segmento. A Classe X será produzida também na Argentina e cruzará a fronteira para o mercado brasileiro em 2019.

>>Mercedes revela a Classe X, a primeira picape de luxo da história; assista

Desenvolvida a partir da plataforma da nova Nissan Frontier, da qual também derivou o Renault Alaskan - a estrear por aqui no ano que vem. De porte médio, tentará atrair os consumidores de Chevrolet S10Ford Ranger, Toyota HiluxMitsubishi L200, além da própria FrontierAlaskan.


Ford EcoSport - 4 mil unidades por mês

Antes da reestilização, o EcoSport estava perdendo espaço. O antigo líder entre os SUVs compactos foi ultrapassado pelos novos rivais e mal chegava a 2 mil unidades. A renovação fez bem, pois voltou a passar das 3 mil unidades emplacadas mensalmente e manteve esse ritmo desde o lançamento. A Ford não divulga meta de vendas, mas ouvimos que queriam chegar a 4 mil veículos por mês, ou seja, na média do que os líderes Hyundai Creta e Honda HR-V emplacam.

AGOSTO

SUV dos compactos

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Renault Kwid 1-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

A ação de marketing feito pela Renault antes do lançamento transformou o Kwid num fenômeno. O ‘SUV dos compactos’, como a montadora preferiu chamá-lo nos comerciais, atraiu só na pré-venda quase 15 mil compradores. 

Lançado oficialmente em agosto, o resultado apareceu em setembro. Desbancou o Hyundai HB20 e assumiu o segundo lugar em vendas no país, atrás apenas do Onix.

>>Kwid vira vice-líder em vendas e faz Renault ter marca histórica

Porém, o desempenho não se repetiu nos meses seguintes. A Renault fez um recall e segurou a distribuição do modelo, devido a problemas no sistema de freios e no tanque de combustível que afetaram todas as unidades vendidas até então.

SETEMBRO

Retorno do felino

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Puma GT Luminari 4-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

A Puma Automóveis anunciou o retorno de um dos esportivos fora de série mais cultuados da indústria brasileira. O Puma será novamente fabricado e as 10 primeiras unidades produzidas estavam previstas para serem entregues agora em dezembro. Cada uma ao preço de R$ 150 mil. 

>>Após 30 anos, o clássico Puma voltará às ruas

A nova geração do clássico foi batizada de Puma GT Lumimari e marca as comemorações de 50 anos da marca. A versão moderna virá equipada com motor 2.4 flex de quatro cilindros, que rende 180 cv e 25 kgfm de torque.

OUTUBRO

Padrão europeu

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/VW Polo_20171228201447-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

O lançamento mais badalado da Volkswagen no ano estreia nas lojas. A sexta geração do Polo chega com status de padrão europeu. 

Destaque para o painel 100% digital disponível como opcional na versão mais cara e o motor 1.0 TSI, de 128 cv, casado com o câmbio automático de seis marchas. É o primeiro 1.0 turboflex do mundo com esse conjunto mecânico. 

>>Os itens de série e opcionais de cada versão do novo Polo

O modelo acabou fechando 2017 com o título de o ‘Carro do Ano’, na eleição da AutoEsporte, a mais conceituada do setor.

Causa nobre

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/HARLEY_ ERASTO 24JC_-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Pelo quarto ano seguido acontece o Outubro Rosa Curitiba, evento beneficente que se transformou na maior ação solidária envolvendo a marca Harley-Davidson na América Latina.

Nesta edição, o evento reuniu na capital paranaense harleyros de 150 municípios de 11 estados brasileiros. O volume arrecadado com doações e iniciativas para arrecadar dinheiro chegou a R$ 2 milhões. Quantia revertida para o Hospital Erasto Gaertner, referência no tratamento de câncer.

>>Confira imagens do Outubro Rosa Curitiba

Chevrolet Equinox

O substituto do Captiva  é uma dos SUVs mais modernos do mercado, com um empolgante motor 2.0 turbo de 262 cv, o mesmo do Camaro norte-americano. 

Ele estreou na versão topo de linha Premier, a R$ 149.990, mas  já incorporou a configuração LT, que custa R$ 15 mil a menos e perde alguns itens de assistência semi-autônoma ao motorista.

>>Todos os detalhes da versão topo de linha Premier

Chama atenção o enorme porta-malas de 847 litros, sem a necessidade de rebater os bancos traseiros.

NOVEMBRO

Agora também no celular

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/CNH digital 7--ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

CNH digital é lançada em Goiás, o primeiro estado a aderir ao novo sistema. O documento é baixado no celular e substitui a versão de papel, que continua em vigor.

>>Veja como funciona a CNH-e

Distrito Federal também já adotou a modalidade eletrônica e até fevereiro do próximo ano todos os Detrans estaduais deverão disponibilizar a carteira eletrônica.

Sedã do Argo

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Fiat Cronos-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Fiat revela as primeiras imagens do Cronos. O sedã do Argo, mas com um visual mais esportivo, será lançado oficialmente em fevereiro de 2018. 

Ele substituirá de uma só vez o Linea e o Siena, que já foram aposentados pela montadora. O novo sedã da Fiat irá travar um duelo no segmento com o Volkswagen Virtus (que estreia em janeiro de 2018), além de Chevrolet CobaltHonda CityToyota Yaris (este chega no segundo semestre do próximo ano).

Sedã do Polo 

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/VW Virtus-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Volkswagen também terá uma variante sedã para o Polo. O Virtus ocupará o espaço entre o VoyageJetta, com porte e tecnologia mais próximas do irmão maior. 

A semelhança com o Polo vai até as portas traseiras. A partir dali tudo é novo. E novo mesmo, pois não há nenhum outro sedã da montadora que traga os mesmos elementos.

>>Volks revela o inédito Virtus, o sedã do Polo com porte de Jetta

Adotará o propulsor 1.0 TSI (turboflex e com injeção direta), de 128 cv e 20,4 kgfm, associado ao câmbio automático, além do 1.6 flex, de 117 cv, no câmbio manual.

O adeus do veterano

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Fiat Novo Palio_20171228204622-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Uma trajetória de 21 anos chegou ao fim. A segunda geração do Fiat Palio, chamada de Novo Palio e lançada em 2011, teve a produção finalizada, assim como havia ocorrido na virada do semestre com as linhas Fire e Way (já destinadas a frotistas). 

As versões com motorizações 1.4 e 1.6 também já haviam se despedido do mercado recentemente, e faltava apenas a 1.0.

>>Fiat Palio dá adeus após duas décadas; veja quem mais partiu em 2017

A aposentadoria do hatch abre espaço de vez para que a Fiat concentre suas fichas no Argo, o modelo que deverá assumir o papel de best-seller da marca em breve.

DEZEMBRO

A lenda chegou

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Mustang 5-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

Ford finalmente traz para o Brasil o lendário Mustang, antes vendido por aqui apenas por lojas independentes. Por enquanto, o puro sangue norte-americano está no período de pré-venda, com o lançamento previsto para março.

O esportivo virá em versão única Premium GT, com motor V8 5.0 e muita sofisticação, para duelar com o eterno rival Chevrolet Camaro. O preço anunciado pela Ford já é uma provocação ao rival: R$ 299 mil. 

>>Todos os detalhes do novo Mustang, que chega oficialmente ao Brasil

Camaro SS parte de R$ 310 mil na carroceria cupê e de R$ 345 mil, na conversível. Por enquanto, o Mustang virá apenas na configuração cupê. 

Agora é oficial

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/12/29/Automoveis/Imagens/Cortadas/Inspeção veicular_20171229010359-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

A inspeção veicular, prevista pelo Código Brasileiro de Trânsito, passará a ser obrigatória em todo o país a partir de 2020. A vistoria tem por objetivo verificar as condições de segurança e de emissões de poluentes dos veículos.

>>Agora é lei: inspeção veicular será obrigatória em todo o país

O início das inspeções ainda não está definido, mas, segundo o Contran, os Detrans devem apresentar até julho de 2018 um cronograma com as datas por tipo de veículo e final da placa.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Automóveis

PUBLICIDADE